spot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Basileia promove-se em Lisboa com os tradicionais Basler Läckerli

O Turismo da Suíça e a entidade de turismo de Basileia organizaram um evento de promoção à cidade, dando a conhecer as suas mais-valias, incluindo um workshop de Basler Läckerli no Weat Gastronomic Hub.

A cidade de Basileia é a terceira maior da Suíça e encontra-se numa posição privilegiada perto das fronteiras com a França e a Alemanha. Devido a esta posição geográfica, a cidade é descrita por Natascha Martin, directora de comunicação e dos principais mercados do Turismo de Basileia, como o ponto de partida ideal para diferentes excursões.


Os visitantes podem fazer visitas a Lucerna e ao Monte Pilatus, a Interlaken e ao passo Jungfraujoch, a Friburgo e à Floresta Negra, ou ainda a Colmar e Estrasburgo.

O Reno é outra das mais-valias desta cidade, cujos habitantes e visitantes têm a oportunidade de mergulhar no segundo maior rio da Europa onde é permitido nadar. Além dos mergulhos, um café numa esplanada nas margens do Reno, é uma forma descontraída de apreciar a paisagem, enquanto que a opção do cruzeiro fluvial também é muito popular.

Os visitantes que ficam alojados em unidades hoteleiras têm acesso a um guestcard gratuito, que dá acesso gratuito aos transportes públicos e ao aluguer de uma e-bike por 20,9 euros, além de também oferecer 50% de desconto nas entradas em museus, no jardim zoológico, em viagens de barco e em visitas guiadas públicas.

Os destaques da cidade incluem também o seu centro histórico e a Catedral de Basileia, sendo que a densidade museológica da cidade é impressionante, 40 museus em 37 quilómetros quadrados.

A arquitectura também é de notar, há 13 edifícios galardoados com prémios Pritzker, o que faz as delícias dos amantes da arquitectura e da fotografia.

Além das mais-valias a nível de arte, arquitectura e Natureza, a cidade de Basileia recebe o Mercado de Outono, entre 28 de Outubro e 12 de Novembro, diferentes mercados de Natal, e ainda o Carnaval de Basileia, uma festa de três dias que, em 2024, começa a 19 de Fevereiro.

O acesso à cidade pode ser feito através do Aeroporto de Basileia (Basel EuroAirport), ou pelo Aeroporto de Zurique, a uma hora de distância, sendo que os visitantes também podem optar por chegar à cidade de comboio ou até num cruzeiro fluvial no Reno.

No que concerne a números e estatísticas, entre Janeiro e Julho de 2023, a cidade teve 3.798 dormidas por parte de visitantes residentes em Portugal, o que representa um aumento de 25,3% em relação ao mesmo período de 2022. A duração média das estadas é de 2,11 noites.

No ano de 2022, Basileia recebeu 8.444 dormidas por parte de visitantes residentes em Portugal, quase o dobro do que recebeu em 2021, ano ainda muito afectado pela pandemia.

No total, a cidade já conta 807.252 dormidas este ano até Julho, +22,2% em relação ao mesmo período de 2022, e tem a perspectiva de terminar o ano com 99% das dormidas que registou no ano pré-pandémico de 2019.


Este evento contou com Leslie Bent, do Turismo da Suíça, e com Bernardo Rodrigues do espaço Weat Gastronomic Hubs, que conduziu o workshop onde os participantes aprenderam a fazer o bolo tradicional da cidade, o Basler Läckerli.

- Publicidade -
- Publicidade -spot_img