spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

TAP foi a transportadora em Junho de 11,9% dos passageiros internacionais de/para o Brasil

A TAP somou 145 mil passageiros em voos de/para o Brasil em Junho, mantendo-se como a maior companhia de aviação não brasileira em passageiros embarcados e desembarcados em aeroportos brasileiros, com uma quota de mercado de 11,9%, segundo informação da autoridade aeronáutica brasileira ANAC.

Os dados da entidade indicam que a TAP teve um aumento de passageiros em 433,4% em relação ao mês homólogo de 2021, mantendo-se, porém, ainda abaixo dos números que tinha antes da pandemia de covid-19, com um decréscimo em 11% ou 18 mil.

Ainda assim, a quota de mercado da TAP no transporte internacional de passageiros de/para o Brasil foi a que registou o maior incremento entre as companhias todas com dados publicados pela ANAC Brasil, com uma subida de 3,4 pontos.

Segundo a ANAC Brasil a LATAM manteve-se em Junho a líder em passageiros de voos internacionais de/para o Brasil, com 187 mil e uma quota do tráfego internacional de 15,3%, seguida pela TAP, com 145 mil passageiros e uma quota de 11,9%, a panamiana Copa, com 81 mil passageiros e uma quota de 6,6%, a American Airlines, com 75 mil passageiros e uma quota de 6,2%, e a GOL, com 71 mil passageiros e uma quota de 5,8%.

Em relação a Junho de 2019, pré-pandemia, a TAP é a que tem o segundo melhor desempenho com uma quebra a ficar em 11%, apenas melhor que o da Copa, que teve uma queda de 8%, enquanto a LATAM tem quebra em 54,9%, a American em 27,9% e a GOL em 57%.

A informação da ANAC indica que os aeroportos brasileiros tiveram 1,22 milhões de passageiros de voos internacionais no mês de Junho, mais 407,7% que no mês homólogo de 2021, mas ainda 36,3% menos que em Junho de 2019, pré-pandemia.

A TAP é a única companhia europeia a figurar no Top5 do transporte aéreo internacional de passageiros de/para o Brasil no mês de Junho, mas quando se considera o Top10 além da companhia portuguesa está também a Air France, com 51 mil e uma quota de mercado de 4,2%.

Outras companhias europeias com dados publicados pela ANAC são a KLM, do grupo da Air France, com 37 mil passageiros e uma quota de 3%, seguida pela British Airways, que está a suplantar a Lufthansa, com 35 mil passageiros e uma quota de 2,8%, a Lufthansa, com 31 mil passageiros e uma quota de 2,5%.

Já com quotas inferiores a 2% em Junho a Swiss, do mesmo grupo da Lufthansa, com 21 mil passageiros e uma quota de 1,7%, a Air Europa, que é a primeira entre as espanholas, com 20 mil passageiros e uma quota de 1,6%, a Turkish, com 18 mil passageiros e uma quota de 1,5%, e a espanhola Iberia, com 16 mil passageiros e uma quota de 1,3%.

- Publicidade-spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias