spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Iberia reforça voos para Lisboa e mantém rota do Funchal no Inverno

A Iberia anunciou que no Inverno IATA, de 30 de Outubro a 25 de Março, planeia aumentar a oferta para Lisboa até 40 voos semanais (até seis diários) e manter a rota do Funchal, com três voos por semana.

Em comunicado, a companhia aérea sublinha que “continua a trabalhar para consolidar a recuperação de toda a sua rede de voos e destinos”.

Para este Inverno, a Iberia “programou a mesma capacidade que oferecia antes da pandemia graças, sobretudo, ao relançamento das suas últimas rotas na América Latina, à aposta nos EUA e a uma maior implantação de voos na sua rede de curto e médio curso”.

América Latina

Na América Latina, a companhia do IAG começa por destacar a retoma dos voos directos para Rio de Janeiro e Caracas, últimos destinos que ainda faltava recuperar após a pandemia, com três voos por semana em cada rota a partir de Novembro.

Outros destaques na América Latina incluem Havana, que passa de três a cinco voos por semana, Guatemala-El Salvador, que sobe de cinco para sete frequências, e Quito, que consolida os seis voos semanais e a que se juntam outros três para Guayaquil.

O México continua a ser a origem/destino com maior oferta na América Latina, juntamente com Bogotá e Buenos Aires, para onde a Iberia terá dois voos diários no Inverno. Para Santiago do Chile, Lima e São Paulo estão programados voos diários, assim como para San José de Costa Rica, que sobe de seis para sete frequências semanais. Montevideu e Panamá terão seis voos por semana e Porto Rico, quatro frequências semanais.

Estados Unidos

O principal destaque nos EUA é a continuação da rota de Dallas no Inverno, com três voos por semana até Fevereiro e quatro em Março. Outros destaques incluem Miami, que passará de 10 para 14 voos por semana, e Nova Iorque, de 10 para 13 frequências, que chegarão às 14 em Março.

Curto e Médio Curso

No curto e médio curso, onde se incluem as rotas de/para Portugal, a Iberia sublinha que terá até mais capacidade que no Inverno de 2019, “com uma aposta tanto por mercados mais corporativos como de lazer”.

A transportadora destaca que em Itália vai aumentar de 28 para 35 voos por semana para Milão e de 33 para 37 para Roma.

Além de Portugal e Itália, a Iberia sublinha que terá 34 voos por semana para Genebra, três voos por dia para Bruxelas e três voos por dia operados pela Iberia Regional/Air Nostrum para Bordéus.

Espanha

Em Espanha, onde opera com a Iberia, a Iberia Express e a Iberia Regional/Air Nostrum, o comunicado destaca a ponte aérea Madrid-Barcelona, com 87 voos por semana (até 15 diários em cada sentido), a rota de Bilbau, com até seis voos por dia, A Corunha, Astúrias e Vigo com quatro voos diários, e Santiago, Santander e San Sebastián com três voos por dia.

Nas Baleares, a Iberia Express aumentará a sua capacidade em 49% face ao período homólogo 2019-2020, “com um crescimento especialmente relevante na rota Madrid-Ibiza”.

Nas Canárias, a companhia programou um aumento de 28% de capacidade, destacando Tenerife, Lanzarote e La Palma, superando um milhão de lugares.

O comunicado acrescenta ainda que a Iberia Express reforçará o seu programa de voos para outros destinos nacionais, como Málaga e Sevilha, e internacionais, como Copenhaga, Dublin, Berlin e Lyon.

- Publicidade-spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias