spot_img
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Um dia em Madrid com o programa de Stopover da Iberia

O programa de Stopover “Hola Madrid” da Iberia permite passar entre uma e seis noites na capital espanhola sem custos adicionais ao preço do bilhete, e oferece descontos em actividades como provas de cervejas e visitas a museus, que o PressTUR teve oportunidade de experimentar.

O programa está disponível em voos da Iberia com escala em Madrid, podendo os passageiros escolher se querem aproveitar as ofertas do Stopover na ida ou na volta, convertendo assim a escala numa escapada.

Os clientes que usarem o “Hola Madrid” recebem um cartão para utilização gratuita dos transportes públicos de Madrid durante dois dias e descontos em alojamento, compras, restaurantes, lazer e actividades culturais.

Além de desfrutarem da vasta oferta da capital espanhola, o programa também inclui descontos de 25% para voar com a Iberia ou a Air Nostrum para outros destinos em Espanha e em Portugal durante o Stopover.

Em visita a Madrid para conhecer a nova experiência de voo da Iberia (clique para ler: A nova experiência de voar com a Iberia, cada vez mais sustentável), o PressTUR teve oportunidade de experimentar duas actividades propostas no programa “Hola Madrid”.

O museu Thyssen-Bornemisza

Uma dessas actividades foi uma visita ao museu Thyssen-Bornemisza, um dos mais importantes da capital espanhola, juntamente com o Museu do Prado e com o Museu Reina Sofía.

O Thyssen-Bornemisza apresenta pinturas dos artistas mais conceituados de diversas correntes, com mais de mil obras que permitem viajar pela pintura ocidental do século XIII ao século XX, incluindo Duccio, Van Eyck, Durero, Caravaggio, Rembrandt, Canaletto, Monet, Degas, Morisot, Van Gogh, Gauguin, Kirchner, Mondrian, O’Keeffe, Hopper e muitos outros.

Além da colecção permanente, está em exibição até 11 de Setembro, pela primeira vez em Espanha, uma retrospectiva sobre o pintor norte-americano Alex Katz, uma das principais figuras da história da arte americana do século XX e precursor da pop art, ainda no activo.

A instalação reúne quase quarenta pinturas a óleo de grande formato, acompanhadas de alguns estudos, que permitem uma viagem pelos seus retratos a solo, duplicados e de grupo, alternados com as suas flores reconhecíveis e paisagens envolventes de cores e fundos brilhantes.

A caminhar por Madrid podemos facilmente deixar as horas correr sem dar conta, admirando os edifícios imponentes e avenidas largas ou descontraindo com um passeio num dos seus jardins refrescantes.

Prova de cervejas no Patio Mahou

Para finalizar o dia, o Patio Mahou oferece um programa de lazer e ao mesmo tempo de aprendizagem. Instalado nos jardins do Museu Lázaro Galdiano, o espaço da cervejeira Mahou propõe um fim de tarde com música ao vivo, tapas e cervejas de várias qualidades.

A melhor forma de conhecer as cervejas é fazendo uma prova, onde nos explicam não só os ingredientes de que são feitas, mas os segredos de uma cerveja bem servida.

É a combinação da água, do lúpulo, cevada e levedura que faz a cerveja, mas só uma bem servida permite saborear todas as suas propriedades sem nos encher de ar. Na prova de cervejas ouvimos primeiro a explicação mas também somos convidados a meter as mãos à obra e servir a nossa própria cerveja.

Para os apreciadores de sabores mais intensos, sem dúvida que a escolha será a Mahou Maestra Doble Lupulo. Já os admiradores de sabores mais frutados têm a opção Mahou Cinco Estrellas Session IPA. A mais versátil será certamente a clássica Mahou Cinco Estrellas.

O Patio Mahou convida a prolongar o dia com tapas e cervejas, mas a oferta de Madrid é imensa e podemos seguir por outras ruas com a certeza de encontrarmos restaurantes e bares para todos os gostos.

O PressTUR visitou Madrid a convite da Iberia

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img