spot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Tráfego internacional de/para o Brasil cresce 30,4% em Setembro

O Brasil somou 1,82 milhões de passageiros de voos internacionais no mês de Setembro, com aumento em 30,4% ou 425,3 mil em relação ao mês homólogo de 2022, mas ainda 2,6% ou 48,5 mil menos que em Setembro de 2019, pré-pandemia.

Dados publicados pela Autoridade da Aviação Civil (ANAC) do Brasil mostram que a TAM, maior companhia brasileira em voos internacionais, se distanciou da concorrência, ao ter um crescimento em relação ao ano passado em 62,4% ou 143,6 mil, para 373,8 mil, ficando ainda assim abaixo da pré-pandemia em 7,4% ou 29,8 mil.

Embora crescendo significativamente menos, a TAP manteve-se a nº2 em tráfego internacional de/para o Brasil, grande parte do qual são exportações portuguesas de serviço de transporte aéreo de passageiros, com 172,1 mil, +6,9% ou mais 11,1 mil que um ano antes e +3,9% ou mais 6,4 mil que pré-pandemia.

Entre as maiores companhias em passageiros de voos internacionais de/para o Brasil no mês de Setembro contam-se ainda as brasileiras Azul, com 114,8 mil, e GOL, com 102,8 mil passageiros, a chilena LAN, do mesmo grupo que a LATAM, com 110,5 mil, a Aerolíneas Argentinas, co, 90,6 mil, a panamiama Copa, com 83,8 mil, as norte-americanas American Airlines, com 72,3 mil, e United, com 65,7 mil, e, a fechar o top10, a Air France, que é assim a segunda maior europeia, com 60,9 mil.

A informação da ANAC Brasil indica ainda que em Setembro a TAM atingiu um quota do total de passageiros internacionais de 20,5%, a TAP ficou em 9,4%, a Azul em 6,3%, a LAN em 6,1%, a GOL em 5,6%, a Aerolíneas Argentinas em 5%, a Copa em 4,6%, a American Airlines, maior companhia de aviação do mundo, em 4%, a United, em 3,6%, e a Air France em 3,3%.

Nos 12 meses de Outubro de 2022 a Setembro deste ano, segundo os mesmos dados, o Brasil soma 20,05 milhões de passageiros de voos internacionais, com aumento em um ano em 53,1% ou 6,95 milhões.

A líder TAM soma 3,559 milhões, com aumento em um ano em 74,3% ou 1,51 milhões, a TAP é a segunda que soma mais passageiros, com 1,885 milhões e aumento em 32,7% ou 464,1 mil, seguida pelas brasileiras GOL, com 1,3 milhões e aumento e, 112% ou 686,9 mil, e Azul, com 1,187 milhões e aumento em 84,6% ou 544,2 mil, e pela chilena LAN, do mesmo grupo que a TAM, co, 1,173 milhões e aumento em 75,4% ou 504,2 mil.

A segunda metade das dez companhias com mais passageiros de voos internacionais de/para o Brasil nos 12 meses de Outubro de 2022 a Setembro de 2023 inclui a Copa, com 1,059 milhões, +17,5% ou mais 157,6 mil que um ano antes, a Aerolíneas, com 995,7 mil, +71% ou mais 413,4 mil, a American, com 912,3 mil, +14,9% ou mais 118,2 mil, a United, com 728,1 mil, +22,3% ou mais 132,9 mil, e a Air France, com 719,7 mil, +34,2% ou mais 183,5 mil.

O grupo das maiores companhias em passageiros internacionais no Brasil nos 12 meses até Setembro deste ano, inclusive, inclui também a KLM, do mesmo grupo da Air France, com 448,6 mil, +12,6% ou mais 50 mil que no período homólogo terminado em Setembro de 2022, a Delta, com 434,4 mil e crescimento em 105,4% ou 222,9 mil, a Qatar, com 429,4 mil e crescimento em 23,8% ou 82,6 mil, a Emirates, com 394,1 mil e crescimento em 49,3% ou 130,1 mil, a Lufthansa, com 344,3 mil e crescimento em 2,5% ou 8,3 mil, a British Airways, co, 309,7 mil e crescimento em 33,7% ou 78,1 mil, a Iberia, com 275,6 mil e crescimento em 45,3% ou 85,8 mil, a Air Europa, com 275 mil e crescimento em 50% ou 91,6 mil, a Swiss, do mesmo grupo que a Lufthansa, com 235,2 mil e crescimento em 1,6% ou 3,6 mil, e a ITY, sucessora da Alitalia e que está em processo de venda à Lufthansa, com 208,5 mil e crescimento em 322,8% ou 159,1 mil.

De acordo com estes dados, que englobam as companhias que transportaram 79,9% dos passageiros de voos internacionais de/para o Brasil nos 12 meses terminados em Setembro deste ano, as companhias brasileiras incluídas somam 30,1%, as europeias, 23,4%, as latino-americanas 16,1%e as norte-americanas, 10,3%.

Ver também:

TAP regressa à liderança no aeroporto internacional do Rio de Janeiro em Setembro

Para aceder ao site da ANAC Brasil clique aqui.

 

- Publicidade-
- Publicidade -spot_img