Bruxelas recomenda limitar viagens de regiões mais afectadas por novas variantes

13-04-2021 (13h56)

A Comissão Europeia voltou hoje a aconselhar “fortemente” os Estados-membros da União Europeia (UE) a aplicar limitações a viagens de regiões especialmente afectadas por novas variantes do SARS-CoV-2, como o Brasil.

“No que toca à gestão das fronteiras externas, no contexto da emergência das variantes, gostaria de recordar que a Comissão tem levado esta questão muito a sério, desde o início do ano e, tendo em conta o aconselhamento científico, […] propusemos medidas mais restritivas para viagens não essenciais para a UE”, disse o porta-voz da Comissão Europeia para os Assuntos Interiores, Adalbert Jahnz.

Em conferência de imprensa, o responsável lembrou que, em Fevereiro passado, o Conselho da UE adoptou “uma abordagem europeia mais forte em termos de viajantes provenientes destas regiões especialmente afectadas pelas variantes”, após proposta da Comissão Europeia.

“A ideia é que as viagens só sejam permitidas por razões essenciais […] e, ainda assim, os viajantes devem ser submetidos a rastreios mais rigorosos quando regressam destas regiões, como quarentena obrigatória e testagem”, assinalou Adalbert Jahnz.

E vincou: “Encorajamos fortemente os Estados-membros a aplicar estas medidas mais restritivas”.

A posição de Bruxelas surge numa altura em que a variante brasileira se continua a propagar rapidamente pelo mundo, nomeadamente no continente americano e na UE, e dias depois de uma outra possível estirpe do vírus ter sido descoberta na cidade brasileira de Belo Horizonte por cientistas locais, que detetaram a combinação de 18 mutações nunca anteriormente descritas.

Em 20 de Março, o Governo português prolongou até 15 de Abril a suspensão dos voos com o Reino Unido e Brasil e o isolamento profilático de 14 dias aplica-se também à fronteira terrestre para países de alto risco.

Segundo uma nota do executivo, apenas estão permitidos para Portugal os voos de repatriamento e os cidadãos que cheguem a Portugal provenientes do Brasil e Reino Unido, nos voos de repatriamento ou através de escalas, bem como da África do Sul ou de países com taxa de incidência igual ou superior a 500 casos por 100 mil habitantes (como França ou Itália), têm não só de apresentar o comprovativo de teste negativo como cumprir um período de isolamento profilático de 14 dias.

O primeiro-ministro, António Costa, disse há duas semanas que Portugal estava a programar “facilitar as ligações” com países que tiveram a terceira vaga da pandemia mais cedo, como o Reino Unido, e que planeava a retoma dos voos com o Brasil, “embora com obrigação de testes e de medidas de quarentena” (clique para ler: Governo planeia facilitar voos de/para países como Reino Unido e Brasil).

 

Clique para ver mais: Europa

Clique para ver mais: Brasil

Clique para ver mais: Reino Unido

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

ABAV Expo volta a ser itinerante e começa por Fortaleza

11-05-2021 (16h31)

Fortaleza, no Ceará, vai receber em Outubro a primeira feira ABAV Expo no seu novo formato itinerante, anunciou hoje a organização, revelando ainda que a partir de 2022 a feira passará a realizar-se duas vezes por ano, uma delas em São Paulo.

Imprensa brasileira confirma Antonoaldo Neves no negócio das agências de viagens

10-05-2021 (15h02)

O ex-CEO da TAP Antonoaldo Neves, que ao tempo em que esteve à frente da companhia de aviação portuguesa antagonizou as agências de viagens, está de facto com um projecto no Brasil com soluções para agências de viagens.

Azul sofre quebra de receita de mil milhões de reais

07-05-2021 (16h15)

A companhia de aviação brasileira Azul, fundada e presidida por David Neeleman, ex-accionista de referência da TAP, comunicou hoje ao mercado que a sua receita no primeiro trimestre ficou em 1,8 milhões de reais, menos mil milhões ou menos 34,9% que no primeiro trimestre de 2020, no qual ainda tivera crescimento face ao ano anterior, em 10,3%.

LATAM prevê chegar a cinco voos/semana entre Lisboa e São Paulo este Verão

07-05-2021 (14h25)

A LATAM programou para este Verão chegar aos cinco voos por semana entre Lisboa e São Paulo, confirmou ao PressTUR a companhia aérea.

Vila Galé já tem 14 hotéis abertos em Portugal e nove no Brasil

05-05-2021 (18h15)

O grupo hoteleiro português Vila Galé anunciou hoje que já tem 14 hotéis abertos em Portugal e nove no Brasil, com "um plano muito rigoroso" de limpeza, novos equipamentos de proteção e uma plataforma digital que permite consultar as ementas dos restaurantes, reservar uma mesa e fazer check-in e check-out.

Opinião e Análise