spot_img
- Publicidade -
- Publicidade -spot_img

Governo anuncia apoios para empresas turísticas afectadas pelos incêndios de Agosto

O Governo lançou apoios num total de 5 milhões de euros para empresas e projectos turísticos afectados pelos incêndios de Agosto.

Os apoios destinam-se a empresas e instituições dos concelhos de Odemira, Aljezur, Monchique, Proença-a-Nova e Castelo Branco.

Um dos apoios é a Linha Regenerar Empresas do Turismo – Incêndios 2023, para “apoiar as empresas do turismo na recuperação e reabilitação dos activos atingidos pelos incêndios”, segundo um comunicado.

Esta linha está disponível para todas as empresas turísticas localizadas nos territórios afectados, “com o limite máximo de 400 mil euros por projecto e uma taxa de comparticipação de 90% podendo ter apenas a natureza de fundo perdido até aos 200 mil euros ou apresentar uma dimensão compósita entre fundo perdido e incentivo reembolsável, à taxa zero, em montantes superiores aos 200 mil euros”.

O segundo apoio é a Linha Regenerar Territórios – Incêndios 2023, com 2 milhões de euros, para apoiar projectos de estruturação de produtos turísticos e de promoção turística.

“Esta linha dirige-se a entidades públicas e entidades privadas sem fins lucrativos com o limite máximo absoluto de 400 mil euros por projecto, a fundo perdido, com uma taxa de comparticipação de 90%”, especifica a nota de imprensa.

Os procedimentos de apresentação de candidaturas a estas linhas de apoio “ocorrem mediante formalização junto do Turismo de Portugal”, indica o comunicado.

As linhas foram anunciadas no Sábado, dia 4 de Novembro, pelo secretário de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Nuno Fazenda.

Citado no comunicado, Nuno Fazenda afirmou que estes apoios “respondem às necessidades dos empresários e do território”.

“Estamos, assim, em proximidade, a concretizar e a apoiar a promoção turística de uma das mais belas regiões do nosso país”, acrescentou o governante.

Para mais notícias clique: Empresas&Negócios

Para aceder ao site do Turismo de Portugal clique aqui.

- Publicidade-
- Publicidade -spot_img