Carnival prevê ter 75% dos seus navios a fazer cruzeiros até ao final do ano

21-07-2021 (18h20)

Imagem: Carnival Cruise Line
Imagem: Carnival Cruise Line

A Carnival Corporation, maior empresa de cruzeiros do mundo, anunciou que planeia ter quase 75% dos navios de cruzeiros das suas marcas a navegar com passageiros até ao final do ano, depois de mais de um ano de restrições provocadas pela pandemia de covid-19.

A empresa anunciou que espera retomar as operações de cruzeiros “com 65% da frota até ao final de 2021 em oito das suas marcas”, a que se junta ainda a Carnival Cruise Line, que planeia ter toda a sua frota a navegar até ao final de 2021, “o que aumenta ainda mais a capacidade operacional total da Carnival Corporation para quase 75% até o final do ano”.

A companhia especifica em comunicado que oito das suas nove marcas (AIDA Cruises, Carnival Cruise Line, Costa Cruises, Cunard, Holland America Line, Princess Cruises, P&O Cruises UK e Seabourn) anunciaram planos para retomar as operações de 54 navios até ao final de 2021, “com quase metade da capacidade representada por navios baseados nos Estados Unidos”.

Além destes navios, o plano da Carnival Cruise Line de retomar as operações de toda a sua frota ainda este ano acrescenta outros nove navios à operação, elevando a operação total para 63 navios.

Sobre as marcas da empresa na Europa e na Ásia, a Carnival lembra que a Costa Cruzeiros retomou as operações em Maio, com viagens em Itália e Grécia, e agora oferece viagens para França e Espanha, que serão seguidas por cruzeiros em Portugal e na Turquia em Setembro, com um total de sete navios a navegar no Mediterrâneo até ao final do ano.

A AIDA Cruises, por sua vez, retomou as operações em Março, nas Canárias, e em Maio retomou as viagens na Grécia e na Alemanha, estando actualmente a realizar cruzeiros a partir da Alemanha. As próximas viagens incluem Espanha, Itália, Malta, Holanda e Golfo Pérsico, entre o final de Julho e Dezembro, com um total de nove navios.

A P&O Cruises (Reino Unido) retomou as operações em Junho com uma série de cruzeiros de Verão no Reino Unido, e tem planos de expansão para o Mediterrâneo, para a costa atlântica e para as Caraíbas a partir de Setembro, com um total de quatro navios.

A Cunard, por fim, retomará as operações em Agosto com um navio no Reino Unido, que fará depois cruzeiros em Portugal e Espanha, com escala nas Canárias. Um segundo navio da Cunard deverá retomar as viagens em Novembro com uma combinação de travessias transatlânticas e cruzeiros nas Caraíbas.

Sobre as marcas norte-americanas, a empresa recorda que a Carnival Cruise Line retomou as operações com três navios, com saídas dos portos de Galveston e Miami, e anunciou a sua intenção de ter 15 navios em operação até ao final de Outubro e ter toda a sua frota em operação até ao final de o ano.

A Princess Cruises retomará as operações este fim-de-semana com viagens de Seattle para o Alasca, que se seguirá de uma série de cruzeiros no Reino Unido no final de Julho, e de itinerários com saída de Los Angeles, São Francisco e Fort Lauderdale para as Caraíbas, Canal do Panamá, México, Havai e costa da Califórnia no Outono, com um total de oito navios até o final do ano.

A Holland America Line também retomará as operações de cruzeiros este fim-de-semana, com seu primeiro navio a navegar de Seattle para o Alasca, seguido por cruzeiros na Grécia em Agosto, e em Itália e Espanha em Setembro, bem como cruzeiros para o México, Havai, a costa da Califórnia e Caraíbas no Outono, com um total de seis navios.

A Seabourn, por fim, retomou as operações de cruzeiros com dois navios, um com saídas da Grécia e outro de Barbados, e planeia começar a temporada da Antártica em Novembro com um terceiro navio.

 

Clique para ver mais: Cruzeiros

Clique para ver mais: Carnival

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

MSC Cruzeiros assina acordo com a Cruise Saudi para direitos preferenciais em Jeddah

29-07-2021 (17h17)

A MSC Cruzeiros assinou um acordo com a Cruise Saudi para receber direitos preferenciais no porto de Jeddah até 2027 e a colaboração entre as fundações sem fins lucrativos MSC Foundation e Ba'a Foundation para a conservação e restauro de corais.

Norwegian Cruise Line retoma operações com o Norwegian Jade

28-07-2021 (17h26)

O Norwegian Jade é o primeiro navio da Norwegian Cruise Line a retomar operações após uma suspensão de 500 dias, com a estreia da companhia à saída do porto de Piraeus, em Atenas na Grécia.

AIDAluna regressa ao activo em Kiel a partir de 5 de Setembro

28-07-2021 (16h48)

O AIDAluna, embarcação da AIDA Cruises, subsidiária da Carnival Corp, vai ser o sétimo navio da companhia a retomar operações em 2021, com dois itinerários alternados à saída de Kiel, na Alemanha, a partir de 5 de Setembro.

MSC, Fincantieri e Snam estudam construção de navios de cruzeiro a hidrogénio

28-07-2021 (15h32)

A companhia de cruzeiros MSC, o estaleiro naval Fincantieri e a empresa energética Snam assinaram um memorando de entendimento para o estudo dos requisitos para a construção de embarcações de cruzeiro movidas a hidrogénio.

MSC Cruzeiros recebe primeiro navio da nova classe Seaside EVO

26-07-2021 (17h49)

A MSC Cruzeiros celebrou hoje a chegada do seu 19º navio, o MSC Seashore, primeiro da nova classe Seaside EVO, que apresenta novas tecnologias para reduzir o impacto ambiental e mais espaços de lazer.

Opinião e Análise