Ryanair só teve 5% do seu programa de voos ‘normal’ em Março

06-04-2021 (12h41)

Foto: Ryanair
Foto: Ryanair

A low cost Ryanair informou hoje que em Março teve apenas 5% da sua operação “normal”, o que se traduziu numa quebra de 10,4 milhões de passageiros em relação ao mês homólogo de 2019, pré pandemia de covid-19, e de 5,2 milhões em relação a Março de 2020, primeiro mês de forte impacto da pandemia na Europa.

Os dados publicados pela Ryanair indicam que baixou de 10,9 milhões de passageiros transportados em Março de 2019 para 5,7 milhões em Março de 2020 e meio milhão em Março deste ano, que representa um novo decréscimo de 91% em cima dos -48% verificados um ano antes.

A informação da low cost mostra que, assim, no conjunto do primeiro trimestre transportou 2,3 milhões de passageiros, com uma quebra média em 91,5% que significa um decréscimo de 24,7 milhões em relação período homólogo de 2020 e eleva para 28,5 milhões o decréscimo em relação ao primeiro trimestre de 2019.

 

Clique para mais notícias: Ryanair

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

SATA vai receber 12 milhões de euros em subvenções para compensar prejuízos

14-04-2021 (16h22)

O Grupo SATA vai receber cerca de 12 milhões de euros a título de subvenções a fundo perdido para fazer face aos prejuízos causados pela pandemia de covid-19, determinou hoje o Conselho do Governo dos Açores.

easyJet planeia aumentar a oferta de voos a partir do final de Maio

14-04-2021 (11h56)

A easyJet anunciou hoje que planeia operar no terceiro trimestre até 20% dos níveis de capacidade de 2019 "com uma expectativa de que os níveis de capacidade comecem a aumentar a partir do final de Maio".

Prejuízo da easyJet este Inverno pode chegar a 842 milhões de euros

14-04-2021 (11h55)

A easyJet revelou hoje que espera um prejuízo antes de impostos nos seis meses terminados a 31 de Março entre 690 milhões e 730 milhões de libras (796 milhões a 842 milhões de euros ao câmbio de hoje), "o que é ligeiramente melhor do que as expectativas".

França suspende voos com o Brasil

13-04-2021 (18h15)

O primeiro-ministro francês, Jean Castex, suspendeu hoje os voos entre França e o Brasil até nova ordem devido a uma crescente preocupação com a a variante do SARS-CoV-2 detetada no país sul-americano.

Azores Airlines adia retoma dos voos Londres-Ponta Delgada “por período indeterminado”

13-04-2021 (17h17)

A companhia de aviação SATA Azores Airlines adiou “por período indeterminado” a retoma dos voos entre Londres e Ponta Delgada que tinha programada para 3 de Junho.

Opinião e Análise