Ryanair avança em força para aproveitar a ‘luz verde’ do Reino Unido às férias em Portugal

10-05-2021 (13h07)

Foto: Ryanair
Foto: Ryanair

A low cost Ryanair, pré-pandemia segunda maior companhia de aviação em passageiros transportados de/para Portugal, anunciou a inclusão de “175.000 lugares extra” em 75 voos adicionais do Reino Unido para Portugal para que os seus passageiros possam aproveitar a inclusão de Portugal na “lista verde” de destinos de lazer.

A low cost não especificou a distribuição desses “lugares extra”, mas incluiu uma tabela do número de voos por semana que tem programados para aeroportos portugueses a partir de 17 de Maio, com um total de 84 de oito aeroportos britânicos para Lisboa, Porto e Faro.

Faro é a cidade portuguesa para onde tem programados mais voos, com um total de 49, seguindo-se Lisboa, com 18, e depois o Porto, com 17.

O aeroporto de Stansted é o que tem mais voos da Ryanair para Portugal, com 45, 17 dos quais para Faro, e 14 tanto para Lisboa como para o Porto, seguindo-se Manchester com 21, 14 dos quais para Faro, quatro para Lisboa e três para o Porto.

A lista inclui ainda três voos por semana para Faro de seis aeroportos britânicos, Birmingham, Leeds, Bournemouth, Bristol, East Midlands e Liverpool.

Uma declaração do director de Marketing da Ryanair, Dara Brady, publicada em comunicado da low cost garante que sem exigência de quarentenas aos passageiros que voam para destinos como Faro, Lisboa e Porto, “ainda mais voos foram acrescentados ao calendário do Reino Unido para ir ao encontro da procura dos nossos clientes”.

A divulgação do comunicado, na passada sexta-feira foi acompanhada de uma promoção que anunciava voos desde 19,99 libras para voos até ao fim de Outubro.

 

Clique para mais notícias: Ryanair

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Air France aumenta oferta para Portugal “em quase 25%” face ao Verão de 2019

15-06-2021 (15h21)

A Air France vai concentrar a sua oferta de voos na Europa em destinos de lazer como Portugal, para onde prevê aumentar a oferta “em quase 25%” face a 2019, e Grécia, para onde planeia aumentar a oferta “em quase 80%”.

Azores Airlines cancela 10 ligações a Toronto e reduz oferta para Frankfurt

15-06-2021 (14h49)

A Azores Airlines, do Grupo SATA, anunciou que em Junho e Julho vai cancelar 10 ligações aéreas entre Toronto e as ilhas de São Miguel e Terceira, e reduzir o número de voos semanais para Frankfurt.

Emirates revela quebra de receitas em 66% devido à pandemia de covid-19

15-06-2021 (13h09)

A Emirates, maior companhia do mundo em tráfego internacional de passageiros, revelou que no exercício 2020/21 teve uma quebra das receitas de passagens em 66% ou 8,4 mil milhões de dólares, que atribui ao impacto da pandemia de covid-19 a partir de Março do ano passado, que lhe reduziu o número de passageiros de 56,2 milhões para 6,6 milhões.

Grupo Lufthansa quer atingir 75% de bilhetes vendidos directamente

15-06-2021 (12h25)

O Grupo Lufthansa, que foi pioneiro na aplicação de sobretaxas às vendas de bilhetes através dos sistemas globais de reservas (GDS), pondo em causa o modelo de negócios dominante nas agências, anunciou agora pretender atingir 75% das vendas por canais próprios até 2024.

Grupo Lufthansa vai fechar SunExpress Deutschland e voos de passageiros da Germanwings

15-06-2021 (12h09)

O Grupo Lufthansa, que quer emergir ‘mais magro’ desta crise provocada pela pandemia de covid-19, indicou hoje que entre as medidas que vai adoptar estão fechar a SunExpress Deutschland, subsidiária com o mesmo nome da joint-venture com a Turkish, e descontinuar os voos de passageiros da Germanwings, bem como fechar “múltiplas outras bases e localizações”.

Opinião e Análise