Prejuízo da easyJet este Inverno pode chegar a 842 milhões de euros

14-04-2021 (11h55)

Foto: easyJet
Foto: easyJet

A easyJet revelou hoje que espera um prejuízo antes de impostos nos seis meses terminados a 31 de Março entre 690 milhões e 730 milhões de libras (796 milhões a 842 milhões de euros ao câmbio de hoje), "o que é ligeiramente melhor do que as expectativas".

A informação divulgada hoje pela easyJet revela que o número de passageiros transportados nesse período baixou 89%, para 4,1 milhões, "em linha com uma diminuição na capacidade" para 6,4 milhões de lugares, o que corresponde a 14% dos níveis de capacidade do semestre homólogo de 2019.

As quebras levaram a uma redução de 90% das receitas totais nos meses de Inverno, para 235 milhões de libras (271 milhões de euros).

A receita de passageiros baixou 91%, para 165 milhões de libras (190 milhões de euros), e as receitas de ancillaries caíram 87%, para 70 milhões de libras (81 milhões de euros).

A easyJet sublinha que tem acesso a 2,9 mil milhões de libras de liquidez, tendo arrecadado mais de 5,5 mil milhões de libras desde o início da pandemia, o que coloca a empresa numa boa posição "para capitalizar a recuperação das viagens, uma vez que as restrições sejam atenuadas em toda a rede".

Citado na informação hoje divulgada, o CEO da easyJet Johan Lundgren diz que a companhia aérea manteve "uma abordagem disciplinada aos voos" na primeira metade do seu ano financeiro, o que resultou em perdas "melhores do que as expectativas".

O executivo destacou que a empresa continua "a ter acesso a níveis significativos de liquidez" enquanto implementa o seu "programa de redução de custos", permitindo alcançar "benefícios contínuos de custo e eficiência" e posicionando a companhia "para liderar a recuperação".

Os resultados completos do semestre terminado em 31 de Março serão divulgados em 20 de Maio.

Ver também:

easyJet planeia aumentar a oferta de voos a partir do final de Maio

 

Clique para ver mais: easyJet

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Tarifas do Aeroporto de Lisboa vão ter subida idêntica à que escandalizou a IATA

11-05-2021 (16h45)

As tarifas do maior aeroporto português vão ser aumentadas em 4,89%, que é um aumento idêntico ao aplicado em Espanha e que escandalizou a IATA, que o considerou "irresponsável".

British Airways anuncia mais voos para destinos de Sol, mas só na Grécia, Canárias e Turquia

11-05-2021 (15h53)

A British Airways, maior companhia do IAG, segundo maior grupo de aviação europeu, ‘entrou’ hoje na ‘onda’ do reforço da oferta para destinos de Verão, na sequência do relaxamento pelo Governo britânico das restrições às viagens, com a curiosidade de se concentrar na Grécia, Canárias e Turquia, excluindo Portugal, destino privilegiado por Ryanair, easyJet e Jet2.com.

Air Europa planeia retomar voos para os Estados Unidos em Junho

11-05-2021 (15h09)

A Air Europa anunciou que planeia retomar em Junho as suas rotas de Madrid para Miami e Nova Iorque, nos Estados Unidos, a bordo dos seus aviões Boeing 787 Dreamliner.

easyJet reforça operação entre Portugal e Reino Unido com mais 20 mil lugares

11-05-2021 (14h51)

A easyJet anunciou um reforço da sua operação entre Portugal e Reino Unido, com mais 20 mil lugares nos voos entre os dois países, por ter verificado um "aumento da procura" pelos destinos portugueses, que diz resultar do anúncio pelo governo britânico de que Portugal faz parte dos destinos considerados seguros para viajar.

Air Malta apresenta programação para o Verão

11-05-2021 (14h31)

A companhia aérea Air Malta, representada em Portugal pela ATR, anunciou a sua programação de voos para a temporada de Verão, entre Maio e Outubro de 2021, que vai contar com mais de 3.000 voos, incluindo uma ligação directa para Lisboa.

Opinião e Análise