Brasil atinge em Setembro novo máximo de passageiros de voos internacionais

08-11-2021 (16h40)

Foto: Jordan Sanchez / Unsplash
Foto: Jordan Sanchez / Unsplash

O Brasil atingiu este Setembro um novo máximo de 411.277 passageiros de voos internacionais desde o início da pandemia de covid-19 e a adopção de restrições à mobilidade por diversos governos, em alta de 184,3% ou 266,6 mil em relação ao mês homólogo de 2020, em que a situação era mais grave.

Desde o início da pandemia apenas em Dezembro passado o tráfego aéreo internacional de/para o Brasil ultrapassara os 400 mil passageiros, com 408,4 mil.

Os dados da Autoridade da Aviação Civil do Brasil (ANAC) indicam que, porém, quando se compara com Setembro de 2019, pré-pandemia, o transporte aéreo internacional de passageiros de/para o Brasil tem uma quebra de passageiros em 78,5% ou quase 1,5 milhões.

A Autoridade brasileira informou também que nos 12 meses de Outubro de 2020 a Setembro de 2021, o Brasil teve 3,36 milhões de passageiros de voos internacionais, em quebra de 71,2% ou cerca de 8,3 milhões face ao período homólogo anterior (Outubro de 2019 a Setembro de 2020).

Para esse período de 12 meses, a ANAC indica que a LATAM foi a maior transportadora aérea, com 2,55 milhões de passageiros, que lhe conferiam uma quota de 21,9%.

A também brasileira GOL é a nº2, com 947 mil (quota de 8,1%), e a TAP lidera as companhias não brasileiras com 864 mil (quota de 7,4%).

Seguem-se a brasileira Azul, com 744 mil (quota de 6,4%), a American Airlines, com 580 mil (quota de 5%), a Aerolíneas Argentinas, com 530 mil (quota de 4,5%), a Copa Airlines, com 487 mil (quota de 4,2%), a United Airlines, com 413 mil (quota de 3,5%), a Air France, segunda maior europeia, com 374 mil (quota de 3,2%), e Lan Chile, com 329 mil (quota de 2,8%).

 

Clique para mais notícias: ANAC

Clique para mais notícias: Brasil

Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Hong Kong proíbe trânsito de passageiros aéreos de 153 países, Portugal incluído

14-01-2022 (11h22)

O aeroporto de Hong Kong anunciou hoje a proibição do trânsito de passageiros de mais de 150 países a partir de Domingo, Portugal incluído, de forma a evitar a propagação da covid-19.

Emirates retoma ligações com Angola e mais quatro países africanos

14-01-2022 (11h09)

A Emirates anunciou a retoma dos voos entre Dubai e Angola, Guiné-Conacri, Costa do Marfim, Gana e Uganda, que estavam suspensos há duas semanas devido ao aumento de casos de covid-19.

TAP encerra operações de manutenção e engenharia no Brasil

12-01-2022 (16h54)

A TAP Air Portugal vai encerrar operações de manutenção e engenharia no Brasil, medida que estava prevista de acordo com o plano de reestruturação aprovado pela Comissão Europeia.

Boeing recupera encomendas em 2021 mas ainda longe dos níveis pré-pandemia

12-01-2022 (14h44)

A fabricante de aviões norte-americana Boeing registou um maior número de entregas e encomendas de aeronaves em 2021, após dois anos de crise, embora os valores ainda não tenham atingido os níveis pré-pandemia.

Mais de 2.200 passageiros e 41 companhias multados nas fronteiras áreas

11-01-2022 (14h04)

O Ministério da Administração Interna indicou hoje que foram multados mais de 2.200 passageiros e 41 companhias de aviação, respectivamente por tentarem entrar em Portugal sem teste negativo à covid-19 e por embarcarem passageiros sem o respectivo teste negativo, entre 1 de Dezembro e 10 de Janeiro.

Opinião e Análise