75% das agências de viagens recorreram a linhas de apoio – Rita Marques

03-12-2021 (18h17)

A secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, afirmou hoje em Aveiro, no 46º Congresso da APAVT, que "75% das agências de viagens socorreram-se até ao momento das várias linhas de apoio disponibilizadas" desde o início da pandemia de covid-19.

"Estamos a falar de impactos brutais. Em 2019 tivemos a nível de resultados líquidos do sector mais de mil milhões de euros. Em 2020 estamos a falar de cerca de 1,5 mil milhões negativos", começou por dizer Rita Marques. "São tempos muito difíceis e muito desafiantes".

A secretária de Estado do Turismo falava na sessão de encerramento do 46º Congresso da APAVT, cujo tema foi o "Reencontro" e que, na sua visão, possibilitou "sobretudo falar num grito de alerta de sobrevivência do sector".

Para Rita Marques, este evento "foi também uma oportunidade para que o próprio sector, todos os empresários possam fazer este grito de alerta dando conta que continuam a solicitar ajuda. Essa ajuda naturalmente tem que vir".

Sobre os apoios para as empresas, a secretária de Estado do Turismo frisou que o Governo vai "continuar a trabalhar no programa de apoio à manuntenção do emprego" e destacou a importância da linha de apoio de 150 milhões de euros para o turismo. "É uma linha importante principalmente para aquelas empresas que não conseguiram aceder à linha dos vouchers", sendo "útil tanto para tesouraria como para investimento".

A linha de 150 milhões de euros "permite que as empresas que tivessem capitais negativos a 2019 pudessem corrigi-los e aceder a esta linha de modo a garantir o estorno dos valores relativos aos vouchers", uma condição que "estava vedada na linha dos vouchers e por isso tivemos algumas empresas que pese embora terem predisposição para corrigir os seus capitais negativos a 2019 não o puderam fazer porque não eram elegíveis na linha dos vouchers".

"Esta também é uma linha importante porque viabiliza plafonds majorados para as agências de viagens. Tem uma valorização positiva para as agências de viagens e portanto não deve ser desperdiçada", acrescentou.

Rita Marques revelou entã que "75% das agências de viagens socorreram-se até ao momento das várias linhas de apoio disponibilizadas, o que não deixa de ser de alguma forta também desconcertante, e provavelmente também será a razão pela qual este reencontro não é um reencontro de todos, mas só de alguns ou de muitos".

"Continuaremos a trabalhar para que o sector do turismo na generalidade, das agências de viagens na especificidade são um motor importantíssimo para a retoma deste país", concluiu.

 

O PressTUR participou no Congresso a convite da APAVT

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

PressTUR está a construir um novo site

14-01-2022 (15h05)

O PressTUR está a construir um novo site e espera apresentá-lo ao mercado em Março. Apresentamos as nossas desculpas pelos transtornos que esta situação possa causar. Subscreva a nossa newsletter para acompanhar as notícias e siga-nos no Facebook, LinkedIn e Twitter.

Estão abertas as inscrições para o 2ª edição do Check-In - Tourism Innovation on Campus

14-01-2022 (14h40)

A Nova School of Business and Economics (Nova SBE) anunciou que as inscrições para a 2ª edição do Check-In - Tourism Innovation on Campus estão abertas para startups até 6 de fevereiro.

ADHP promove Curso de Especialização em Direcção Hoteleira

14-01-2022 (11h59)

A Associação dos Directores de Hotéis de Portugal (ADHP) vai promover a próxima edição do Curso de Especialização em Direcção Hoteleira (CEDH), entre 2 de Fevereiro e 31 de Maio de 2022, actualizando o conteúdo com cinco novos módulos.

ONU melhora crescimento em África em 2021 para 3,8% e estima 4% este ano

14-01-2022 (11h26)

O Departamento das Nações Unidas para Assuntos Económicos e Sociais (UNDESA) melhorou a estimativa de crescimento para as economias africanas, antevendo uma expansão de 3,8% no ano passado e uma aceleração para 4% este ano.

Hong Kong proíbe trânsito de passageiros aéreos de 153 países, Portugal incluído

14-01-2022 (11h22)

O aeroporto de Hong Kong anunciou hoje a proibição do trânsito de passageiros de mais de 150 países a partir de Domingo, Portugal incluído, de forma a evitar a propagação da covid-19.

Opinião e Análise