Vulcão em La Palma estende-se por 166 hectares e destruiu 350 edifícios

23-09-2021 (12h05)

A lava lançada pelo vulcão Cumbre Vieja na ilha de La Palma, nas Canárias, cobre mais de 166 hectares e destruiu 350 edifícios, de acordo com os últimos dados do sistema europeu de observação da terra Copérnico, citados pela Lusa.

A notícia da Lusa, citada na imprensa portuguesa, indica que a medição obtida na quarta-feira ao fim do dia mostra que a lava tinha coberto mais 14 hectares do que na medição anterior, realizada 36 horas antes, e tinha destruído mais 30 edifícios do que no dia anterior.

Por seu lado, o último relatório do Departamento de Segurança Interna (DHS) espanhol, emitido hoje às 08:00, reduziu ligeiramente essa estimativa para 150 hectares e 300 propriedades destruídas.

Esta última informação confirma que a atividade eruptiva continua, embora o vulcão tenha entrado numa zona de estabilidade e a velocidade a que a lava se desloca em direção à costa tenha abrandado.

O fluxo de lava mais ativo desloca-se a uma velocidade de quatro metros por hora e a altura da frente de avanço da língua de lava aumentou e situa-se agora entre oito e 15 metros.

A lava avançou apenas 14 hectares entre terça-feira de manhã e quarta-feira à tarde, um ritmo muito mais lento em comparação com os mais de 150 hectares de terra destruídos entre domingo, o dia da erupção, e terça-feira de manhã, segundo o sistema europeu de satélites Copérnico.

O Instituto de Vulcanologia das Canárias (Involcan) informou esta manhã que a altura dos gazes vulcânicos estão estimados em 4,1 quilómetros acima da boca do vulcão.

Os reis de Espanha visitam hoje a ilha de La Palma para mostrar o seu apoio e solidariedade com as pessoas afetadas pela erupção do vulcão.

Felipe VI e Letizia Ortiz serão acompanhados pelo primeiro-ministro, Pedro Sánchez, que regressa à ilha depois de voar diretamente da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque.

Apesar desta situação nesta ilha de 85.000 habitantes, não houve mortos ou feridos a lamentar, mas os danos são enormes, acima de 400 milhões de euros, segundo as autoridades regionais.

(Notícia Lusa)

 

Clique para ver mais: Espanha

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

38 crianças estão em quarentena em unidade hoteleira em Macau

13-01-2022 (13h19)

Quase 40 crianças de uma creche de Macau foram hoje colocadas em quarentena compulsória em quartos de hotel depois de um funcionário daquela instituição ter estado num banquete na China onde uma pessoa testou positivo para a covid-19.

Mafra recebe certificado "Biosphere Destination"

12-01-2022 (17h19)

O concelho de Mafra, no distrito de Lisboa, foi certificado com a distinção Biosphere Destination, selo internacional atribuído pelo Instituto de Turismo Sustentável.

Primeiro hotel Mama Shelter da Península Ibérica inaugurado hoje em Lisboa

12-01-2022 (16h36)

O Mama Shelter Lisboa é, a partir de hoje, a primeira unidade hoteleira da marca francesa na Península Ibérica, com 130 quartos num edifício de oito andares entre o Príncipe Real e a Avenida da Liberdade.

Spas dos Vila Galé vão ter promoções de 24 a 30 de Janeiro

12-01-2022 (15h17)

Os Satsanga Spa & Wellness, nas unidades hoteleiras do grupo Vila Galé, estão a promover descontos e ofertas exclusivos durante a Satsanga Week, que vai decorrer de 24 a 30 de Janeiro.

Tétris vai renovar Villas da Vinha do Six Senses Douro Valley

11-01-2022 (15h57)

A empresa de design e construção Tétris, subsidiária da JLL, está encarregue do processo de renovação das Villas da Vinhas, no Six Senses Douro Valley, um projecto avaliado em cerca de 2,9 milhões de euros.

Opinião e Análise