Lisboa cancela festejos de passagem de ano

03-12-2021 (17h12)

Foto: Unsplash / Andreas Brücker
Foto: Unsplash / Andreas Brücker

Autarquia ainda vai decidir "para a semana" sobre o fogo-de-artifício

Os festejos da passagem de ano em Lisboa foram cancelados devido à evolução da pandemia de covid-19, anunciou hoje o presidente da câmara, Carlos Moedas, remetendo “para a semana” uma decisão sobre os espetáculos de fogo de artifício.

“É uma decisão, obviamente, que vai em linha com a situação que estamos a viver, aliás, o presidente da Câmara do Porto e outros municípios tomaram essas decisões. A minha decisão foi, realmente, que no momento em que estamos não podemos ter aquele tipo de festejos que costumávamos ter, que eram ter festa na rua, com os músicos, com os artistas, isso não vai ser possível, portanto todos estamos de acordo em que isso não vai ser possível”, afirmou Carlos Moedas (PSD), citado pela Agência Lusa.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Câmara de Lisboa disse que a decisão foi tomada após ouvir “várias pessoas”. Na quinta-feira houve, inclusive, uma reunião do Conselho Municipal de Segurança, em que discutiu o assunto com a Polícia de Segurança Pública e a Polícia Municipal, concluindo que “não há hipótese” de realizar os habituais festejos.

Sobre o que ainda pode acontecer no âmbito das celebração da passagem de ano em Lisboa, o social-democrata referiu que está a ser avaliada a possibilidade de manter os espetáculos de fogo de artifício.

“Tem a ver com o fogo de artifício, que gostaria muito de fazer em Lisboa, mas que também, neste momento, sem ter realmente o maior conforto de todos, […] não posso dar já uma resposta. Para a semana vamos decidir”, declarou o presidente da Câmara de Lisboa.

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 2.535 casos de infecção pelo coronavírus SARS-CoV-2 e 21 mortes atribuídas à covid-19, registando-se uma ligeira redução dos internamentos, segundo a Direcção-Geral da Saúde (DGS).

Não se registavam tantos óbitos por covid-19 em Portugal desde 18 de Março desde ano, dia em que também se verificaram 21 mortes.

Na quarta-feira o continente português voltou à situação de calamidade, com a definição de várias restrições em diferentes setores.

Clique para ver mais: Cá Dentro

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

38 crianças estão em quarentena em unidade hoteleira em Macau

13-01-2022 (13h19)

Quase 40 crianças de uma creche de Macau foram hoje colocadas em quarentena compulsória em quartos de hotel depois de um funcionário daquela instituição ter estado num banquete na China onde uma pessoa testou positivo para a covid-19.

Mafra recebe certificado "Biosphere Destination"

12-01-2022 (17h19)

O concelho de Mafra, no distrito de Lisboa, foi certificado com a distinção Biosphere Destination, selo internacional atribuído pelo Instituto de Turismo Sustentável.

Primeiro hotel Mama Shelter da Península Ibérica inaugurado hoje em Lisboa

12-01-2022 (16h36)

O Mama Shelter Lisboa é, a partir de hoje, a primeira unidade hoteleira da marca francesa na Península Ibérica, com 130 quartos num edifício de oito andares entre o Príncipe Real e a Avenida da Liberdade.

Spas dos Vila Galé vão ter promoções de 24 a 30 de Janeiro

12-01-2022 (15h17)

Os Satsanga Spa & Wellness, nas unidades hoteleiras do grupo Vila Galé, estão a promover descontos e ofertas exclusivos durante a Satsanga Week, que vai decorrer de 24 a 30 de Janeiro.

Tétris vai renovar Villas da Vinha do Six Senses Douro Valley

11-01-2022 (15h57)

A empresa de design e construção Tétris, subsidiária da JLL, está encarregue do processo de renovação das Villas da Vinhas, no Six Senses Douro Valley, um projecto avaliado em cerca de 2,9 milhões de euros.

Opinião e Análise