Governo chega a acordo com o Zmar para cedência temporária de 34 casas

01-06-2021 (15h05)

Foto: www.zmar.eu
Foto: www.zmar.eu

O Governo assinou um acordo para a cedência temporária de 34 alojamentos no empreendimento Zmar Eco Experience, em Odemira, com um custo de 100 euros diários por unidade, que podem ser utilizados caso a situação pandémica no município o justifique.

Num comunicado conjunto dos ministros do Estado, Economia e Transição Digital e da Administração Interna, citado pela Agência Lusa, o Governo explica que o protocolo assinado com a Massa Insolvente da Multiparques a Céu Aberto – Campismo e Caravanismo em Parques, S. A. define um pagamento de 100 euros por dia pela cedência temporária de cada uma das unidades de alojamento até 30 de Junho, com possibilidade de prolongamento.

As condições aplicam-se a partir do primeiro dia da requisição temporária do ZMar, decretada em 29 de Abril, e os pagamentos decorrentes serão feitos à Massa Insolvente da Multiparques a Céu Aberto – Campismo e Caravanismo em Parques, S. A.

“Não tendo sido ocupadas instalações particulares, não existem demais pagamentos devidos”, refere o comunicado, explicando que, uma vez que, por esta via, são assegurados os motivos que justificaram a requisição, esta é revogada.

Na nota, o Governo explica que Odemira “é um município sazonalmente habitado por trabalhadores do sector agrícola, cujas condições de habitação dificultaram a resolução da crise sanitária”.

E defende que o empreendimento ZMar Eco Experience “é um estabelecimento que apresenta as condições aptas e adequadas para o alojamento temporário necessário decorrente da crise sanitária, nomeadamente, no que respeita à localização no próprio concelho de Odemira, à dimensão e aos espaços disponíveis”.

No comunicado conjunto, é dito que a sociedade proprietária do ZMar se encontra insolvente e que o empreendimento se encontra encerrado ao público, e sublinhado que a utilização para os efeitos previstos no protocolo “pode causar uma menor perturbação e constituir, inclusivamente, receita adicional que pode contribuir para a viabilização da referida sociedade e a manutenção de postos de trabalho”.

“Na impossibilidade de o protocolo ter sido assinado em momento anterior, existiu a necessidade de adoptar, com caráter temporário, medidas especiais para o município de Odemira, no final do mês de Abril, com destaque para soluções de acolhimento para instalação temporária de indivíduos com condições de habitação deficientes”, acrescenta a nota.

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Cá Dentro

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Sonhando lança oferta de “última hora” para Porto Santo

15-06-2021 (15h30)

O operador turístico Sonhando lançou para o mercado uma oferta de “última hora” para Porto Santo, para as partidas de Lisboa e Porto nos dias 21 e 28 de Junho.

NAU Palácio do Governador reabre para o Verão

15-06-2021 (15h20)

O NAU Palácio do Governador, em frente à Torre de Belém em Lisboa, reabriu para a temporada de Verão, disponibilizando, além de alojamento, pacotes de acesso à piscina e ao Spa.

MSC Splendida é o quinto navio da MSC a regressar ao activo

15-06-2021 (14h53)

O MSC Splendida, navio da MSC Cruzeiros, é o quinto navio da companhia de cruzeiros a regressar ao activo, com itinerários de sete noites à saída de Trieste e a possibilidade de embarque em diferentes portos italianos.

Cabo Verde prevê ter todos os adultos vacinados no Sal e Boavista antes de Agosto

15-06-2021 (13h55)

Cabo Verde começou esta semana a vacinação em massa contra a covid-19 nas ilhas do Sal e da Boavista, e espera completar a vacinação de todos os adultos antes de Agosto.

Costa Cruzeiros regressa a Barcelona a 5 de Julho

15-06-2021 (13h47)

A Costa Cruzeiros vai regressar a Barcelona a partir de 5 de Julho, com o Costa Smeralda, e vai ter mais quatro navios posicionados no Mediterrâneo, incluindo o Costa Diadema, que terá um itinerário com passagem por Lisboa.

Opinião e Análise