Clique aqui para ver mais
Contacto: presstur@presstur.com ... Terça-feira, 16-09-2014 14:23:08 (Lisboa)
Pesquisar:








 Dicas de Viagem
Maior que crescimento dos mercados internacionais
Hotelaria espanhola defronta-se com queda
de 8,9% do seu mercado doméstico
Presstur 23-07-2012 (16h27) A redução pelos espanhóis das dormidas na hotelaria do País atingiu em Junho os 8,9%, o que equivale a menos quase 945 mil pernoitas, arrastando o sector para uma queda global no mês em 1,3%, ainda que os mercados internacionais tenham registado um crescimento de 2,7%, de acordo com os dados publicados hoje pelo INE espanhol.
A hotelaria espanhola teve em Junho um total de 30,3 milhões de dormidas, menos aproximadamente 391 mil que há um ano, porque a redução das pernoitas do seu mercado doméstico foi maior do que o aumento das pernoitas de estrangeiros, que ficaram acima do mês homólogo de 2011 em aproximadamente 553 mil.
Idêntica situação verifica-se para o conjunto do primeiro semestre, com a hotelaria espanhola a acusar uma queda do número de dormidas em 1,4% ou aproximadamente 1,67 milhões, para 120,8 milhões, porque os residentes em Espanha baixaram o número de pernoitas em 4,9% ou cerca de 2,3 milhões, para 45,7 milhões, superando também neste caso o aumento dos mercados internacionais, que foi de 0,9% ou cerca de 681 mil dormidas, para 75,1 milhões.
Mas se são as pernoitas de residentes em Espanha que provocam a queda tanto no mês como no semestre, o decréscimo não se deve exclusivamente à situação no país vizinho, que ainda recentemente teve que recorrer a um “resgate” para o sector bancário e adoptar medidas de austeridade mais severas.
Os dados do INE espanhol mostram que em Junho alguns dos mais importantes emissores para a hotelaria espanhola evoluíram em baixa, evidenciando que a crise das dívidas soberanas ensombra toda a Europa.
Entre esses mercados destaca-se a Alemanha, maior emissor para a hotelaria espanhola em dormidas, que em Junho baixou 3% ou cerca de 168 mil dormidas, para 5,45 milhões, e no primeiro semestre tem uma queda de 2,3% ou cerca de 470 mil pernoitas, para 19,8 milhões.
Igualmente em queda no mês de Junho estiveram também França (3º emissor no semestre), em 12% ou cerca de 142 mil dormidas, para 1,04 milhões, e Itália (4º emissor), com queda de 17,8% ou aproximadamente 178 mil dormidas, para 823 mil, o que aliás ajudou a que a Rússia ascendesse em Junho a 3º emissor (clique para ler: Rússia subiu em Junho a 3º emissor para a hotelaria espanhola).
Igualmente em baixa no mês de Junho, de acordo com os dados do INE espanhol, estiveram as dormidas de residentes nos Estados Unidos (-2,1%, para 556,8 mil), Portugal (-13,9%, para 300 mil), Polónia (-4,7%, para 294 mil), Dinamarca (-5,4%, para 183,5 mil), república Checa (-22,7%, para 136,3 mil), Luxemburgo (-17,2%, para 37,5 mil) e Grécia (-22,7%, para 22,7 mil).
A subida que os mercados internacionais registaram, ainda assim, no mês de Junho deve-se, em primeiro lugar ao mercado britânico, que foi o primeiro emissor neste mês, com 5,9 milhões de dormidas, mais 11,2% ou mais quase 600 mil que há um ano.
Seguiu-se o crescimento das dormidas de russos (mais cerca de 273 mil) e também evoluíram em alta as pernoitas de residentes nos Países Baixos (+1%, para 699,8 mil), Bélgica (+12%, para 561,3 mil), Suíça (+8,1%, para 332 mil), Suécia (+8,4%, para 316,3 mil), Irlanda (+3,3%, para 309,4 mil), Noruega (+70,2%, para 291,6 mil), Áustria (+13,1%, para 205,6 mil), Finlândia (+51,2%, para 102,5 mil) e Japão (+8,1%, para 94 mil).
No conjunto do semestre, são de novo o Reino Unido e a Rússia os mercados emissores que mais impulsionam o balanço positivo dos mercados internacionais, o primeiro com um aumento de 4,9%, par 18,5 milhões de dormidas, e o segundo com +32,8%, para 2,39 milhões.
Itália, Alemanha e Portugal são os mercados com as maiores quedas em valor absoluto, respectivamente em cerca de 570 mil (-15,2%, para 3,17 milhões), em cerca de 471 mil (-2,3%, para 19,8 milhões) e em cerca de 225 mil (-16,5%, para 1,13 milhões.

Ver também:
Hotelaria espanhola segura RevPAR em Junho por aumento do preço das diárias
Rússia subiu em Junho a 3º emissor para a hotelaria espanhola

Clique para mais notícias: Hotelaria espanhola
Clique para mais notícias: Espanha
Clique para mais notícias: Hotelaria
Entrada    Mercados    Espanha









 Hotéis&Casinos
Luxury Collection abre sexto hotel na China
nas margens do rio Qiantang
09-09-2014 (16h37)

A Starwood já abriu o The Azure Qiantang, a Luxury Collection Hotel, Hangzhou, o sexto da marca na China, localizado em Hangzhou, capital da província chinesa de Zhejiang, nas margens do rio Qiantang, onde ocorre todos os anos uma famosa onda fluvial que atrai milhares de visitantes.

Porto Bay Wine Week arranca hoje
com jantares, provas e visitas
08-09-2014 (15h35)

A Porto Bay Wine Week, a semana dedicada aos vinhos, com provas comentadas, jantares temáticos, tratamentos especiais no Spa e visitas guiadas a adegas e vinhas, decorre entre hoje e Sábado, dia 13, no The Cliff Bay, Porto Santa Maria e o resort Vila Porto Mare.

Starwood abre primeiro hotel Element na Europa
Element Frankfurt Airport tem 133 quartos
08-09-2014 (15h13)

A Starwood Hotels & Resorts abriu o primeiro hotel Element na Europa, o Element Frankfurt Airport, com 133 quartos junto ao aeroporto internacional de Frankfurt, que diz reinventar “a experiência de estadia prolongada”.