Clique aqui para ver mais
Contacto: presstur@presstur.com ... Quarta-feira, 01-07-2015 2:53:27 (Lisboa)
Pesquisar:






 Dicas de Viagem
 Portugal
Há mais 57 “Maravilhas de Portugal”
para visitar online a partir de hoje
29-06-2015 (16h05)

O Google, através de uma parceria com a Direcção-Geral do Património Cultural, disponibiliza a partir de hoje visitas virtuais a mais 57 locais em Portugal, entre monumentos e paisagens.

Portugal é “revelação 2015” em França
Reservas nas agências francesas sobem 37%...
26-06-2015 (11h04)

Portugal é a “revelação 2015” dos destinos mais procurados nas agências de viagens francesas, escreve a imprensa especializada francesa ao noticiar os resultados mais recentes do barómetro do sector, segundo o qual, apesar de uma queda geral das reservas em 8,5%, Portugal tem um aumento em 37%.

...e aumentam 70,9% para o Verão
nos operadores turísticos
26-06-2015 (11h03)

A 31 de Maio, os operadores turísticos franceses registavam um aumento das reservas para Portugal Continental em 70,9%, depois de no Inverno (1 de Novembro de 2014 a 30 de Abril de 2015) terem registado aumentos das vendas de pacotes em 50% para Portugal Continental e 54% para a Madeira.

“Não esperamos nenhuma surpresa desagradável”, Pedro Costa Ferreira
APAVT quer ouvir novos accionistas da TAP
sobre relacionamento com os agentes de viagens
25-06-2015 (12h34)

As agências de viagens, que realizam mais de 70% das vendas de passagens da TAP em Portugal, esperam ser contactadas pela companhia aérea que desde ontem conta com novos accionistas maioritários, para conhecerem “mais objectivamente, os passos que vão ser dados e o modo como a se pretende relacionar com os agentes de viagens”, declarou ao PressTUR o presidente da sua Associação (APAVT), Pedro Costa Ferreira.

Reforços da TAP para o Brasil e Estados Unidos
são “boas notícias”, Pedro Costa Ferreira (APAVT)
25-06-2015 (12h32)

“Tudo o que seja reforço das operações e novos desenvolvimentos relativamente à operação que era realizada parece-me uma boa notícia”, comentou o presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira, relativamente ao anúncio ontem pelos novos accionistas maioritários da TAP de que apostam em ter a companhia a voar para mais destinos no Brasil e nos Estados Unidos.

AHP promove workshop sobre Marketing Digital
aplicado ao turismo e hotelaria
25-06-2015 (11h51)

“Tendências do Marketing Digital para a Hotelaria”, no dia 26 de Junho, no Tryp Oriente, em Lisboa, é o próximo workshop promovido pela AHP – Associação da Hotelaria de Portugal em parceria com a HDS - Hotel Digital Strategy.

Novo avião prometido por Neeleman para a TAP
só começa a chegar ao mercado em finais de 2017
24-06-2015 (15h00)

O 4º trimestre de 2017 é o prazo avançado pela Airbus para começar a entregar os primeiros Airbus A330-900neo, que David Neeleman, o novo ‘homem forte’ da TAP, anunciou hoje como a sua opção para equipar a frota de longo curso da companhia portuguesa.

No Brasil alvo são cidades com mais de um milhão de habitantes
Boston, Washington e Chicago estão na agenda
de Neeleman para a TAP
CEO vê entusiasmo na TAP com privatização
Trabalho com novos accionistas da TAP
começa já hoje, Fernando Pinto
24-06-2015 (12h47)

“Começamos hoje, já temos reuniões marcadas e tudo o mais para que se tenha um programa conjunto” para atingir a meta de resultados deste ano, mas já em consonância com as “novas ideias que vêm por aí”, anunciou o CEO da TAP, Fernando Pinto, no final da cerimónia que assinalou a venda de 61% da companhia ao consórcio Gateway de Humberto Pedrosa e David Neeleman.

TAP vendida com promessas de fidelidade
e futuro risonho
24-06-2015 (11h28)

A assinatura hoje de manhã do contrato de venda de 61% da TAP ao consórcio Gateway, de Humberto Pedrosa e David Neeleman, foi marcado por promessas de fidelidade à portugalidade da TAP e de um futuro risonho para a companhia aérea, com a fasquia a ser colocada em fazer dela “uma grande empresa”, “a melhor da Europa”.

Turismo garante 66,8% da melhoria do saldo
da balança portuguesa de bens e serviços
22-06-2015 (15h44)

O turismo, com um aumento do excedente em 19% ou 243 milhões de euros, assegurou 66,8% da melhoria do saldo da balança portuguesa de bens e serviços no primeiro quadrimestre, que passou de um défice de 104,5 milhões para um saldo positivo de 260 milhões, de acordo com os dados divulgados hoje pelo Banco de Portugal.

Com mais 14 milhões de euros em voos internacionais
Vendas BSP das agências portuguesas
escapam “por um triz” de queda no 1º Semestre
Presstur 11-07-2012 (16h53) O aumento em 14,09 milhões de euros das vendas de voos internacionais nas agências de viagens IATA portuguesas permitiu ao BSP Portugal chegar ao fim do primeiro semestre deste ano com um aumento pela margem mínima, apesar da forte quebra da procura de voos domésticos, que teve uma redução de 13,8 milhões, segundo os dados a que o PressTUR teve acesso.
De acordo com esses dados, as vendas BSP das agências de viagens, que são o maior mercado de comercialização de voos regulares, totalizaram 409,7 milhões de euros nos primeiros seis meses deste ano, ficando apenas 0,1% ou menos de 300 mil euros acima do período homólogo do ano passado.
Este crescimento, embora mínimo, é, segundo fontes das agências de viagens ao PressTUR, “surpreendente”, atendendo às quebras que se verificam no consumo privado pela aplicação das medidas de austeridade do Programa de Ajustamento acordado com a Troika (clique para ler: Banco de Portugal prevê “evolução favorável” das exportações de turismo). http://www.presstur.com/site/news.asp?news=37598
Mas, por paradoxal que possa parecer, essa contrariedade está também a ser a força do BSP, de acordo com fontes da aviação, para as quais é por as empresas portuguesas estarem a ver o mercado doméstico a encolher que mais se lançam na expansão nos mercados internacionais, o que as obriga a viajar mais.
Nos primeiros seis meses deste ano, 90,2% das vendas BSP ou 369,58 milhões de euros foram gerados em voos internacionais, mais 4% que no período homólogo de 2011 e um aumento da sua fatia em 3,4 pontos.
E foi esta procura quase florescente de voos internacionais que permitiu que o BSP “aguentasse” a ainda mais forte retracção da procura de voos domésticos, que acabou o semestre com um decréscimo de 25,6% ou 13,8 milhões, para 40,16 milhões.
As fontes do PressTUR têm salientado que os dados do BSP (sigla do inglês Billing and Settlement Plan, sistema gerido pela IATA, através do qual as agências de viagens pagam às companhias aéreas os bilhetes de voos regulares reservados em GDS) não podem ser vistos como um ‘retrato fiel’ do que é o mercado da aviação em Portugal.
O seu argumento é que Portugal acompanha a tendência a nível mundial de aumento das reservas directas nos websites das companhias, e não apenas das low cost, que não são contabilizadas em BSP por serem vendas directas.
Desta forma, dizem, o que acontece é que o BSP tem uma concorrência cada vez mais forte das vendas directas, especialmente nas viagens que se consideram mais simples de reservar sem recurso a agentes de viagens, como os voos domésticos.
Mas, acrescentam, o que mais tem impulsionado as vendas directas é a percepção que se instalou no mercado de que na internet é mais barato, o que é contestado pelas agências de viagens, que rejeitam que essa seja uma verdade absoluta.
O facto é que essa percepção existe e tem origem na apologia feita às low cost, que foram as pioneiras da venda online, mas que progressivamente se têm estado a converter às vendas via GDS, ou seja, pelas agências de viagens, à excepção da Ryanair, que se mantém fiel ao princípio de só aceitar reservas pelo seu website.
Ao nível do BSP o que acontece é que há mais vendas que passaram a ficar fora do sistema, mesmo quando são feitas por agências de viagens, pois também as há que reservam por exemplo na Ryanair, como o demonstra por exemplo a frequência com que em redes sociais se encontram agentes de viagens a questionarem como fazer alterações nas reservas de voos dessa low cost.
Mas não é esse o único impacto que o BSP está a sofrer. Como o mostram os dados dos Aeroportos, designadamente do maior aeroporto português, Lisboa, nos primeiros cinco meses deste ano o número de passageiros em voos domésticos teve uma queda de 7,3%, para 719,3 mil.
Esta queda evidencia que é também o mercado de voos domésticos que está em contracção, e designadamente da maior linha, que é o Lisboa - Funchal, que até Maio tinha queda do número de passageiros em 9,5%, para 289,7 mil, a que se somava queda de 7,9% no Lisboa - Porto, segunda maior linha doméstica, para 155,7 mil, e 8,9% no Lisboa - Ponta Delgada, terceira maior linha, para 109,1 mil.

Continua em:
Vendas BSP caem 2,6% em Junho pela queda de 32,9% em voos domésticos

Clique para mais notícias: BSP Portugal
Clique para mais notícias: Agências&Operadores
Clique para mais notícias: Aviação
Clique para mais notícias: Portugal
Entrada    Actualidade    Agências&Operadores






 Agências&Operadores
Sonhando prolonga venda de Cuba
a preços de reservas antecipadas...
30-06-2015 (22h14)

O operador Sonhando anunciou hoje que vai manter os preços de venda antecipada dos seus pacotes Cuba até ao fim das operações para Cayo Coco e Varadero.

“Viagem sobre Tolstoi” é a nova proposta
da Cosmos para Agosto
29-06-2015 (16h24)

Um circuito temático sobre a vida de Toltoi, escritor russo conhecido pelas suas obras do final do século XIX e iníco do século XX, com visitas a Moscovo, Yasnaya Polyana e São Petersburgo, é a proposta da Cosmos para entre 2 e 9 de Agosto.

Solférias lança ofertas para Isla Mágica
desde 63,80 euros com alojamento
29-06-2015 (16h16)

O operador turístico Solférias está a divulgar programas para a Isla Mágica, com uma a três noites de alojamento em Sevilha, com preços a começar nos 63,80 euros por pessoa em quarto duplo.