Nau Hotels inaugura hoje Palácio do Governador: um hotel para “viver dentro da cultura”

30-06-2016 (10h46)

O hotel Palácio do Governador, que tem hoje a sua cerimónia de inauguração, está a exceder as expectativas do grupo Nau Hotels com taxas de ocupação acima dos 80%, justificadas pela localização no “ex-libris cultural” de Lisboa e pela prórpia experiência que proporciona de “viver dentro da cultura”.

O hotel de 5-estrelas, localizado em Belém, que está funcionamento desde finais de Outubro de 2015 e vai ser inaugurado hoje às 18h, “dá um contributo muito importante a uma zona que neste momento é um ex-libris cultural da cidade”, defende Pedro Almeida, presidente do Conselho de Administração da Nau Hotels & Resorts.

Belém é “um pólo cultural contemplativo que descentraliza” a atractividade da cidade de Lisboa, mas que “deve ter hotelaria à altura, de qualidade, que cumpra também um pouco da história e da cultura desta zona”, afirmava Pedro Almeida num encontro com a imprensa esta terça-feira.

O hotel Palácio do Governador, de 60 quartos, em que grupo Nau Hotels investiu 5,5 milhões de euros, cumpre esse papel sendo um edifício com história própria, por estar num edifício quinhentista que foi a casa do governador da Torre de Belém, mas também porque “quando começamos a escavar quase chegamos aos fenícios”.

Na perspectiva de Pedro Almeida, “as pessoas gostam de contemplar os aspectos culturais e depois também gostam de ter uma certa vivência”, como “dormir no quarto do governador da Torre de Belém, estar num espaço que mostra os aspectos do comércio mais relevantes da Companhias das Índias” e, no fundo, “ter essa sensação do que é viver dentro da cultura”.

Para Mário Ferreira, CEO da Nau Hotels, que falava à imprensa na mesma ocasião, “o hotel tem vindo a afirmar-se de uma forma que até excedeu as nossas expectativas”, com “taxas de ocupação mensais que ultrapassam os 80%”.

O CEO do grupo considera que “os números são fantásticos” e “para um hotel que abriu há muito pouco tempo é absolutamente notável”.

A nível de mercados, Mário Ferreira afirma que a procura é muito diversificada, mas destaca “obviamente franceses, porque são um dos mercados prioritários de Lisboa e sabemos que o turista francês aprecia experiências novas, mas temos imensos americanos, espanhóis, ingleses, alemães, de tudo um pouco”.

Para os meses de Julho e Agosto, “que juntamente com Dezembro e Janeiro são meses tradicionalmente mais fracos de Lisboa, de menor ocupação, de preço um pouco mais baixo”, Mário Ferreira avançou que o hotel Palácio do Governador já está com taxas de ocupação “superiores a 60%”, mas, realçou, “temos ainda algum tempo para vender”.

O preço médio do hotel “ultrapassa os 170 euros por noite” e o “nosso canal directo, as vendas online, são largamente o nosso principal canal”, afirmou o executivo.

Por outro lado, “seguramente pelo efeito novidade, mas também pelo facto de sermos um hotel que tem zonas muito cénicas”, o canal corporate e de eventos tem vindo a revelar-se “fantástico: não há semana em que não tenhamos três ou quatro eventos”.

“MICE e corporate é fundamentalmente mercado português, embora muito relacionado com marcas internacionais. Temos a Dior, a Chanel, a Montblanc, que já fizeram aqui eventos com as suas filiais portuguesas”, exemplificou Mário Ferreira.

O mercado português que há no Palácio do Governador “concentra-se sobretudo nos eventos e no corporate”, até porque em lazer “os portugueses em Lisboa não procuram forçosamente ficar em hotéis de 5-estrelas e procuram mais o centro da cidade”, acrescentou o CEO da Nau Hotels.

“O mercado de leisure é na esmagadora maioria internacional e o mercado corporate tem forte incidência do mercado português”, concluiu.

 

Para ler mais sobre o grupo Nau Hotels clique:

CEO da Nau Hotels perspectiva “um ano muito positivo para o grupo”

“Precisamos dos tour operadors” – alerta CEO da Nau Hotels 

 

 

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Nau Hotels & Resorts

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Riu Garoe em Tenerife reabre após renovação completa

17-07-2019 (13h37)

A rede hoteleira espanhola RIU Hotels & Resorts reabriu o seu hotel de 4-estrelas Riu Garoe, localizado no Norte da ilha de Tenerife, completamente renovado.

Riu Guaraná (Algarve) faz descontos até 30% em pleno Verão

16-07-2019 (16h21)

O hotel Riu Guaraná, no Algarve, está a anunciar descontos até 30% em plena época alta, para reservas efectuadas até 4 de Agosto e estadas até 14 de Setembro.

Be Live Hotels estreia-se na Colômbia com hotel nas praias de Bocagrande

12-07-2019 (14h31)

A Be Live Hotels, que integra o grupo Globalia, assim como o operador turístico Travelplan e a companhia Air Europa, vai abrir o seu primeiro hotel na Colômbia em Agosto, em Cartagena das Índias, junto às praias de Bocagrande.

Barceló abre hotel em Budapeste na próxima segunda-feira

12-07-2019 (14h18)

O grupo hoteleiro Barceló anunciou que vai abrir um hotel em Budapeste na próxima segunda-feira, dia 15 de Julho, uma unidade hoteleira com 179 quartos, alguns dos quais “com varanda e excelentes vistas sobre a cidade”.

Meliá abre hotel com “as maiores piscinas suspensas da Europa”

10-07-2019 (17h31)

A Meliá Hotels International está a anunciar a abertura do hotel Innside Calviá Beach, em Magaluf, Maiorca, que se destaca “por ter as maiores piscinas suspensas da Europa, com vista para o mar”.

Noticias mais lidas