TripAdvisor proíbe venda de bilhetes para espectáculos com golfinhos e baleias

03-10-2019 (16h08)

O TripAdvisor proibiu a venda de bilhetes para espectáculos com golfinhos e baleias, salientando que o objectivo “não é apenas impedir que futuras gerações de baleias e golfinhos sejam criadas em cativeiro, mas também incentivar a indústria a avançar para modelos alternativos, como santuários à beira-mar”.

Qualquer instalação comercial que faça criação ou importação de cetáceos para exibição pública será proibida de vender no TripAdvisor e na sua subsidiária Viator, anunciou a empresa em comunicado.

A plataforma salientou que “não vai vender mais bilhetes para qualquer atracção que continue a contribuir para o cativeiro de futuras gerações de cetáceos – baleias, golfinhos e botos”.

“Os produtos actualmente à venda que violarem as novas regras serão removidos nos próximos meses”, sendo que a nova política estará totalmente implementada até o final deste ano.

A nova medida, contudo, não se aplicará a santuários à beira-mar que prestam apoio a cetáceos já em cativeiro.

A proibição decorre de um “extenso processo de consulta” de especialistas, incluindo biólogos marinhos, zoólogos e conservacionistas, representando uma extensão da política de bem-estar dos animais adoptada pelo TripAdvisor em 2016.

Dessa política também faz parte a proibição de venda de bilhetes para experiências em que os viajantes entram em contacto físico com animais selvagens em cativeiro, incluindo experiências de passeios com elefantes e fazer festas a tigres. Também os espectáculos com animais considerados degradantes foram proibidos de serem vendidos no portal em 2018.

O presidente do TripAdvisor para a área de Experiências, Demor Halpin, declarou que os especialistas consultados pela empresa revelaram que “baleias e golfinhos não prosperam em ambientes de cativeiro limitados”. E acrescentou: “esperamos ver um futuro em que eles vivam como deveriam - livres e em estado selvagem”.

“Acreditamos que a actual geração de baleias e golfinhos em cativeiro deve ser a última, e esperamos ver essa posição adoptada mais amplamente em todo o sector de viagens”, sublinhou Demor Halpin.

O objectivo, prosseguiu, “não é apenas impedir que futuras gerações de baleias e golfinhos sejam criadas em cativeiro, mas também incentivar a indústria a avançar para modelos alternativos, como santuários à beira-mar, que melhor atendam às necessidades das actuais populações em cativeiro”.

“Os santuários à beira-mar têm um potencial enorme, mas precisam de mais apoio da indústria do turismo”, frisou Demor Halpin.

“Enquanto as instalações com baleias e golfinhos em cativeiro continuarem a lucrar, mantendo esses animais em ambientes de vida menores, mais baratos e menos naturais, não terão um incentivo suficiente para adoptar mudanças sérias. Esperamos que nosso anúncio possa ajudar a virar a maré”, acrescentou.

O TripAdvisor define um santuário à beira-mar como um corpo natural de água costeira, como uma baía ou enseada, que abriga cetáceos o mais próximo possível de um ambiente natural, ao mesmo tempo em que fornece protecção e supervisão de pessoal veterinário e de criação qualificado.

“Os santuários à beira-mar devem aderir a uma política rígida de proibição de reprodução, não devem treinar os seus animais para se apresentarem em espectáculos ou apresentações para exibição pública e devem proibir todas as formas de interacção física entre os hóspedes e os animais, incluindo experiências dentro de água”, descreve a política do TripAdvisor.

 

Clique para ver mais: TripAdvisor

Clique para ver mais: Actividades

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Green Pearls destaca turismo de saúde e Natureza em Tenerife

21-01-2020 (17h01)

A plataforma de comunicação e informação dedicada ao turismo sustentável Green Pearls está a destacar o turismo de saúde e Natureza em Tenerife, destacando Punta del Hidalgo, onde se encontra o Oceáno Hotel Health Spa.

Marcha lisboeta do Alto do Pina desfila em Macau na celebração do Ano Novo chinês

08-01-2020 (10h54)

A Marcha do Alto do Pina participa este mês na parada de celebração do Ano Novo Chinês em Macau, agendada para 27 de Janeiro e 1 de Fevereiro, anunciaram hoje os Serviços de Turismo da região.

Viagem no comboio histórico a vapor do Vouga realiza-se este Sábado

03-01-2020 (12h20)

A circulação extraordinária do Comboio Histórico a Vapor na Linha do Vouga, que esteve marcada para 21 de Dezembro mas foi cancelada devido ao mau tempo, realiza-se este Sábado, segundo a CP – Comboios de Portugal.

Faróis portugueses receberam menos 16,3% de visitantes em 2019

02-01-2020 (12h39)

Os 28 faróis portugueses abertos ao público no continente e nas ilhas receberam 85.071 visitantes em 2019, menos 16,3% ou menos 16.542 que no ano anterior, anunciou a Autoridade Marítima Nacional (AMN).

Caminho de Santiago vai atingir novo recorde em 2019 com 350 mil peregrinos

30-12-2019 (13h30)

O Caminho de Santiago vai atingir em 2019, e pelo terceiro ano consecutivo, um novo recorde, com 350 mil peregrinos a chegar à capital da Galiza (Noroeste de Espanha) pelos diversas percursos, com destaque para os caminhos Francês e Português.

Noticias mais lidas