Setúbal recebe festival que combina cinema e música contemporânea

29-08-2019 (11h24)

Foto: www.visitportugal.com
Foto: www.visitportugal.com

Setúbal recebe em Outubro o Film Fest, um novo evento que recupera o cinema mudo e o combina com música contemporânea em 21 cine-concertos, em que participam Tó Trips e o maestro Jorge Salgueiro.

“A ideia deste festival surge numa lógica em que a sociedade de Setúbal tem uma grande identificação entre a área da música e do cinema e nada melhor do que juntar estas duas peças. É um festival singular e único no país”, explicou à Lusa fonte do gabinete da cultura da Câmara Municipal de Setúbal, que organiza a iniciativa.

Segundo o município, o Film Fest, que se realiza entre 10 e 20 de Outubro, diferencia-se por “recuperar o simbolismo do cinema mudo”, exibindo várias películas, das quais algumas nunca exibidas em Portugal, combinando-as com “música contemporânea” tocada ao vivo.

“Mais do que estarmos a comprar espetáculo, estamos a recriar espetáculos únicos que vão acontecer uma vez e, neste caso em concreto, no Film Fest, em Setúbal”, frisou.

O cartaz será divulgado brevemente e, apesar de a Câmara Municipal de Setúbal recomendar todos os espectáculos, um dos momentos mais esperados é o projecto desenvolvido com a música do maestro Jorge Salgueiro e o coro Setúbal Voz.

Também outros nomes da música foram desafiados a criar “bandas sonoras inéditas” para filmes do cinema mudo, como Tó Trips, Norberto Lobo, Noiserv, Sara Ribeiro “A Negra” ou o vocalista dos Bizarra Locomotiva, Rui Sidónio, que vai narrar o filme “Inferno”.

Outra grande expectativa é a estreia em Portugal de “Beautiful Things”, que venceu o melhor filme italiano na 74.ª edição do Festival de Cinema de Veneza, contando com a presença de um dos realizadores, Giorgio Ferrero.

“Esperamos que este possa ser o mote para o início de um grande festival”, referiu o município.

Os espectáculos realizam-se entre o Fórum Municipal Luísa Todi e o Cinema Charlot, mas também haverá algumas atividades paralelas, como exposições na Casa da Cultura, no centro da cidade de Setúbal.

De acordo com a organização, entre 1 e 30 de Setembro estão à venda os passes que permitem a entrada em 21 cine-concertos, com um valor de 25 euros, que a partir de 1 de Outubro passam a custar 35 euros. Também será possível comprar bilhetes apenas para um espectáculo.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Actividades

Clique para ver mais: Cá Dentro

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Memorial em Vilar Formoso dedicado aos refugiados recebeu 5.000 visitantes este ano

12-11-2019 (15h45)

O Memorial aos Refugiados e ao Cônsul Aristides de Sousa Mendes recebeu este ano "mais de 5.000 visitantes" e é um equipamento que está a atrair turistas para Vilar Formoso, no concelho de Almeida, anunciou a autarquia.

Alfândega da Fé promove gastronomia e actividades ao ar livre este fim-de-semana

30-10-2019 (14h42)

Os sabores e outros atractivos da montanha são a proposta para o fim de semana prolongado no município transmontano de Alfândega da Fé, com diversas experiências gastronómicas e ao ar livre, divulgou hoje o município.

Algar do Carvão na Terceira vai ter um centro de interpretação

23-10-2019 (16h06)

O Algar do Carvão, na ilha Terceira, Açores, terá um centro de interpretação e apoio à visitação, que deverá começar a ser construído no próximo ano com um investimento de 1,2 milhões de euros.

Festival da Lusofonia anima ruas de Macau este mês

04-10-2019 (12h38)

Macau recebe entre 18 e 20 de Outubro o 22º Festival da Lusofonia, um evento que promete animar a região com música, dança, gastronomia e jogos tradicionais de países de língua portuguesa.

TripAdvisor proíbe venda de bilhetes para espectáculos com golfinhos e baleias

03-10-2019 (16h08)

O TripAdvisor proibiu a venda de bilhetes para espectáculos com golfinhos e baleias, salientando que o objectivo “não é apenas impedir que futuras gerações de baleias e golfinhos sejam criadas em cativeiro, mas também incentivar a indústria a avançar para modelos alternativos, como santuários à beira-mar”.

Noticias mais lidas