Igreja Matriz de Santiago do Cacém reabre para integrar novo roteiro turístico

02-08-2018 (14h35)

Foto: Direcção-Geral do Património Cultural ( www.patrimoniocultural.gov.pt )
Foto: Direcção-Geral do Património Cultural ( www.patrimoniocultural.gov.pt )

A Igreja Matriz de Santiago do Cacém, no distrito de Setúbal, reabriu este Verão, depois de dois anos encerrada, e vai integrar um novo roteiro turístico para valorizar o património religioso do concelho.

O pároco de Santiago do Cacém, Paulo do Carmo, explicou hoje à agência Lusa que a igreja, classificada como Monumento Nacional, reabriu em Julho com o apoio do município, que vai assegurar as despesas de uma funcionária.

No primeiro mês, após a reabertura, a Igreja Matriz recebeu 1.200 visitantes, a maioria turistas estrangeiros.

"Com a reabertura, permitimos que os crentes frequentem a igreja com maior regularidade e que os turistas visitem um dos espaços mais procurados no centro histórico da cidade, devido à sua riqueza patrimonial e religiosa", disse.

De acordo com o pároco, a Igreja Matriz, desde o seu encerramento, em meados de 2016, por falta de funcionários, abria apenas duas vezes por mês para permitir "o culto" da comunidade local.

A reabertura do espaço religioso, segundo o sacerdote, "vai ser o ponto de partida para a criação de um roteiro turístico", que vai ligar a Igreja Matriz à Igreja da Misericórdia e à Capela das Almas, também no centro histórico da cidade alentejana.

"É um projecto que está a ser formado com o objectivo de divulgar o património religioso através de uma pequena brochura, que levará os turistas a visitar as duas igrejas e, possivelmente, a Capela das Almas e as ermidas muito antigas, conhecendo melhor a história da cidade e do concelho", frisou.

"Isto é fruto de um projecto que está a ser desenvolvido por 35 voluntários, a maioria crentes, que vão receber formação com o objectivo de reabrir também a Igreja da Misericórdia e garantir o funcionamento da Igreja Matriz nos dias em que está fechada, aos Domingos e segundas-feiras", acrescentou o pároco.

Considerada um dos ex-líbris de Santiago do Cacém, a Igreja Matriz, localizada junto ao castelo, acolhe ainda o Museu de Arte Sacra, cujo espólio integra a peça 'Santo Lenho', pedaço da Cruz de Cristo que, segundo a tradição, foi oferecida pela princesa bizantina D. Vetácia Lascaris.

"O museu vai permanecer fechado ao público, porque é necessário reestruturar a sua organização, criar uma comissão de gestão, tratar das obras de arte e fazer o inventário das peças de índole religioso", explicou o padre, referindo-se ao núcleo museológico como "um dos melhores" da Diocese de Beja.

"Temos de investir neste espaço e prevemos que, até ao final do ano, estarão criadas as condições para reabrir o Museu de Arte Sacra de Santiago do Cacém, cuja entrada poderá vir a ser paga, um valor simbólico, para ajudar na conservação das peças", concluiu.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Cá Dentro

Clique para ver mais: Actividades

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Açores recebem Red Bull Cliff Diving em Junho

13-02-2019 (11h48)

O Ilhéu de Vila Franca do Campo, nos Açores, vai voltar a receber a prova Red Bull Cliff Diving World Series, nos dias 21 e 22 de Junho.

Programa "365 Algarve" tem garantida a quarta edição, a arrancar em Outubro

05-02-2019 (17h23)

O programa “365 Algarve”, iniciativa cultural destinada a promover a região na época baixa, e que se realiza desde 2016, já tem garantida uma quarta edição, a realizar-se de Outubro deste ano a Maio de 2020, foi hoje anunciado.

Indie Campers sugere road trip na EN2 com seis 'paragens obrigatórias'

05-02-2019 (15h51)

A Indie Campers está a sugerir umas "miniférias românticas em seis locais de paragem obrigatória, ao longo da famosa Estrada Nacional 2 (EN2), que atravessa o país de Chaves a Faro", com preços a partir de 49 euros por noite.

Condeixa lança novo produto turístico para aumentar permanência de visitantes

29-01-2019 (18h27)

Um novo produto turístico inspirado na presença romana no território é a aposta da Câmara de Condeixa-a-Nova para aumentar a permanência dos visitantes no concelho, anunciou hoje a autarquia.

Tomar recebe a Festa dos Tabuleiros entre 29 de Junho e 8 de Julho

23-01-2019 (11h57)

A Festa dos Tabuleiros vai realizar-se entre 29 de Junho e 8 de Julho, em Tomar, prevendo-se mais de 750 tabuleiros no principal cortejo, resultado do "entusiasmo crescente" da população mais jovem.