Viagens resistem ao coronavírus

13-02-2020 (13h46)

Fora da região Ásia e Pacífico ainda não se nota um abrandamento das viagens, informou um vice-presidente da consultora ForwardKeys, citado pela imprensa internacional, sem deixar de assinalar que, porém, o maior emissor mundial, a China, regista uma quebra de 55,9%.

Citado pela imprensa internacional, Olivier Ponti, comentou mesmo que “é o momento de preencher o vazio, estudando origens alternativas e focando nelas os esforços promocionais”.

De acordo com a ForwardKeys, a região da Áisa e Pacífico está com uma quebra de reservas acima de 10%.

A informação especifica que na Ásia Nordeste a quebra das reservas de voos para Março e Abril atinge 17,1%, na Ásia do Sul é e 11%, no Sudeste é de 8,1% e na Oceânia é de 3%.

 

Clique para mais notícias: Coronavírus

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

ITB cancelada “devido à crescente expansão” do novo coronavírus

28-02-2020 (21h40)

Os responsáveis da Feira Internacional de Turismo de Berlim (ITB) anunciaram a suspensão do evento que se deveria realizar entre 4 e 8 de Março, "devido à crescente expansão" do novo coronavírus.

IAG declara quebra de lucros em 2019 em 39,6%

28-02-2020 (18h40)

O IAG, grupo a que pertencem British Airways, Aer Lingus, Iberia, Vueling e Level, declarou um lucro de 1.715 milhões de euros para o ano de 2019, que é 39,6% ou 1.123 milhões menor que o declarado para o ano de 2018.

easyJet diz que voos Portugal-Itália não serão afectados por enquanto

28-02-2020 (18h39)

A easyJet disse à Lusa que por enquanto os seus voos entre Portugal e Itália não estão afectados e que está a acompanhar o evoluir da situação no Norte de Itália, onde o Covid-19 já matou 14 pessoas e infectou pelo menos 400.

Turismo de Portugal investe 500 mil euros em nova campanha de promoção do Enoturismo

28-02-2020 (17h23)

O Turismo de Portugal investiu 500 mil euros numa nova campanha de promoção do Enoturismo nos mercados do Reino Unido, Espanha, França, EUA, Brasil, Alemanha e Canadá.

Turismo português para Macau resiste melhor ao coronavírus que maioria dos mercados

28-02-2020 (16h27)

Os dados sobre a chegada de visitantes a Macau em Janeiro mostram os efeitos do novo coronavírus, com quebras de todos os principais emissores, incluindo de Portugal, que, ainda assim, demonstrou resistir melhor que a maioria.

Noticias mais lidas