TAP possibilita conhecer “dois destinos brasileiros numa só viagem, sem custos adicionais”

15-03-2019 (12h45)

A TAP alargou o seu Programa de Stopover a cinco estados do Brasil, possibilitando aos seus clientes conhecer “dois destinos brasileiros numa só viagem, sem custos adicionais”.

Os clientes do Programa Stopover poderão ficar entre uma a cinco noites em Brasília, Recife, Rio de Janeiro, Fortaleza ou Salvador, seguindo depois para outra cidade brasileira.

“É com muita felicidade que nós hoje estamos aqui para assinar o protocolo do Stopover agora inverso, lá para o Brasil, porque a TAP vende o Brasil para a Europa, mas também precisa de vender a Europa para o Brasil e isso é fundamental na estratégia de crescimento sustentável”, afirmou Antonoaldo Neves, CEO da companhia, esta quinta-feira, dia 14, na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL).

“É um programa que vai permitir que os portugueses e os europeus que queiram conhecer um pouco mais do Brasil possam ter duas paragens em vez de uma, pelo preço de apenas uma e com diversos benefícios que cada estado vai proporcionar para essas paragens, à semelhança do que temos em Portugal”, explicou Antonoaldo Neves.

Questionado sobre a previsão de contributo que este programa pode ter para o aumento de passageiros, o executivo disse que a companhia "não tem previsões do programa, porque depende também muito da execução do marketing que é feito", admitindo porém que "como referência" a companhia tem "o Stopover em Portugal, que está a trazer 150 a 200 mil passageiros ano".

"Acredito que não há motivo para que o do Brasil não seja do mesmo tamanho", acrescentou Antonoaldo Neves.

Em comunicado sobre o programa, a TAP salientou que dos cerca de 16 milhões de passageiros transportados em 2018, quase dois milhões viajaram entre Portugal e o Brasil, de e para as 10 cidades para onde a companhia opera voos, com um aumento de 8% face a 2017.

Além da assinatura de um memorando de entendimento com os Estados da Bahia, Ceará, Pernambuco, Rio de Janeiro e Distrito Federal de Brasília, a TAP também celebrou o seu 74º aniversário na BTL com a apresentação de uma nova versão do seu hino “TAP é Portugal”, cantado por Paulo Gonzo, Ana Moura, Cuca Roseta, David Carreira, Fernando Cunha, Nelson Freitas, Olavo Bilac, St. Dominics Gospel Choir, Xutos e Pontapés e várias centenas de colaboradores da companhia, sendo a música e letra da autoria de João Pedro Mendonça, com produção de Rui Fingers e José Vasconcelos.

No dia da celebração do seu 74º aniversário, a TAP também recebeu em Lisboa mais um novo Airbus A330-900neo, CS-TUG, que se junta às quatro aeronaves deste modelo que a companhia opera em estreia mundial.

No total, a companhia receberá 19 Airbus A330-900neo até ao final de 2019 “para reforçar e expandir a operação do longo curso”.

Para celebrar o 74º aniversário, a TAP também está a oferecer aos seus clientes TAP Miles&Go até 20 de Março a possibilidade de comprar viagens para destinos seleccionados por 50% das milhas.

 

Clique para ver mais: TAP

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

DZT passa na Green Globe Certification pelo sexto ano consecutivo

22-03-2019 (18h33)

A Agência Nacional Alemã de Turismo, DZT, passou na certificação anual da Green Globe, dedicada à sustentabilidade na indústria do turismo, pelo sexto ano consecutivo.

Grupo TAP tem prejuízo de 118 milhões de euros em “ano necessário”

22-03-2019 (18h06)

O Grupo TAP passou de um lucro de 21,2 milhões de euros em 2017 para um prejuízo de 118 milhões de euros em 2018, um ano de transformação necessária para preparar o futuro, segundo descreveram hoje Miguel Frasquilho, Antonoaldo Neves e David Neeleman.

TAP quer acabar com “dependência” do Brasil através da diversificação de mercados

22-03-2019 (16h42)

A TAP está a trabalhar na diversificação de mercados para acabar com a “dependência” do Brasil, um mercado que representa quase 25% das vendas totais da companhia e que no ano passado teve uma quebra de receitas de 10%, em euros.

Brexit: Governo aprova campanha para promover Algarve e Madeira no Reino Unido

22-03-2019 (15h24)

O ministro Adjunto e da Economia anunciou uma campanha turística especial para promover o Algarve a Madeira no Reino Unido, dois destinos em relação aos quais percebeu haver uma “preocupação maior” com o ‘Brexit’.

TAP vai investir “cada vez mais” nas vendas directas

22-03-2019 (15h13)

As vendas da TAP através dos seus canais directos, como o seu website e o contact center, representaram 41% das vendas da companhia aérea em 2018, e o objectivo é chegar a 50%, disse hoje Raffael Quintas, Chief Financial Officer (CFO) da companhia.