TAP anuncia ter transportado 12 milhões de passageiros até Setembro

10-10-2018 (17h12)

A TAP, que desde Maio tinha deixado de divulgar mensalmente dados de tráfego como o PressTUR assinalou no passado dia 28, publicou hoje um comunicado em que diz ter superado os 12 milhões de passageiros nos primeiros nove meses deste ano, com um aumento em 13,6% ou cerca de milhão e meio em relação ao período homólogo de 2017.

O CEO da companhia já tinha avançado no Parlamento que a TAP estava com um crescimento em 13% este ano (para ler mais clique: TAP está a crescer 13% — Antonoaldo Neves), mas o comunicado de hoje enfatiza que a companhia já está com “mais [passageiros] do que os 11,7 milhões de passageiros transportados em todo o ano de 2016”.

A informação, ao contrário do que é prática corrente das companhias aéreas, não inclui dados rigorosos sobre sectores de rede, cingindo-se a dizer que “voos que ligam Lisboa a Porto, Madeira e Paris são aqueles em que a TAP transportou mais passageiros em Setembro, alcançando os 191 mil passageiros nestas rotas”, o que apenas significa “tudo como dantes quartel-general em Abrantes”.

Relativamente às rotas e mercados com mais peso na facturação, a informação da TAP nada diz, mantendo, aliás, a lógica de não divulgar os RPK (do inglês para passageiros x quilómetros voados) e ASK (do inglês para lugares x quilómetros voados), como é prática corrente da aviação internacional (à excepção das low cost), incluindo a sua ‘irmã’ brasileira, a Azul, fundada e presidida por David Neeleman, também accionista de referência da TAP.

O comunicado da TAP diz, relativamente ao mês de Setembro, que a companhia transportou 1,48 milhões de passageiros, quando no mês homólogo de 2017 transportara 1,38 milhões, segundo a informação que divulgou à época.

O comunicado diz ainda “a taxa de ocupação dos lugares oferecidos foi de 82,3 por cento em Setembro, em linha com a média de 82,4 por cento registada de Janeiro a Setembro do ano corrente”, embora a companhia tradicionalmente calcule a taxa de ocupação em RPK/ASK, como a sua ‘irmã’ Azul e a generalidade das companhias de aviação, e não em passageiros/número de lugares, como fazem as low cost.

 

Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ricardo Freixinho deixa Soltrópico

18-10-2018 (18h59)

O Grupo Newtour anunciou que Ricardo Freixinho, director de contratação da Soltrópico, vai deixar o operador turístico no final deste mês, alteração integrada "num conjunto de mudanças que estão a ser efectuadas em todo o Grupo Newtour, que continuarão até ao primeiro trimestre de 2019".

Grupo Air France KLM anuncia 44 novas rotas este Inverno IATA 2017/2018

18-10-2018 (18h11)

O grupo Air France KLM, nº 1 da aviação europeia em tráfego medido em RPK (passageiros x quilómetros voados), anunciou hoje que este Inverno IATA, que vai de dia 28 de Outubro a 30 de Março, terá 44 novas rotas e uma frota mais moderna e com cabinas novas.

Espanha é o destino que mais ganha com o aumento de gastos turísticos dos portugueses

18-10-2018 (17h50)

Espanha concentrou este mês de Agosto 34,2% dos gastos dos residentes em Portugal em turismo no estrangeiro, por um aumento em 19,8% ou 25,38 milhões, atingindo o montante de 153,73 milhões.

Governo ainda está em negociações relativamente ao aeroporto do Montijo – Pedro Marques

18-10-2018 (17h43)

O Governo ainda está em negociações relativamente ao novo aeroporto do Montijo e não sabe quando será assinado o acordo com a ANA -Aeroportos de Portugal, disse ontem o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques.

Soltrópico apresenta programação de réveillon a 300 agentes de viagens (com fotos)

18-10-2018 (17h16)

O operador turístico Soltrópico juntou cerca de 300 agentes de viagens em Coimbra, Porto e Lisboa para apresentar a sua programação para o Fim de Ano, num workshop que Fernando Bandrés, director operacional, descreveu como uma forma “dinâmica” de divulgar a oferta de 19 fornecedores, entre hotéis, companhias aéreas e destinos.