Volvo Ocean Race terá centro de treinos e base de manutenção em Lisboa em 2017

10-05-2016 (17h31)

A próxima edição da Volvo Ocean Race, em 2017, além de incluir uma paragem em Lisboa, vai ter na capital portuguesa o estaleiro da competição, fazendo da cidade a base de treinos para várias equipas e o centro de manutenção das embarcações em prova.

A primeira etapa da 13ª edição da Volvo Ocean Race realiza-se entre Alicante e Lisboa e a segunda, à partida da capital portuguesa, tem como destino Cape Town, anunciaram hoje em Lisboa Antonio Bolãnos, CEO da Volvo Ocean Race, Fernando Medina, presidente da Câmara de Lisboa, e José Pedro Amaral, director-geral da Sail Portugal, empresa responsável pelo stopover em Lisboa.

O objectivo da Sail Portugal é que o estaleiro da Volvo Ocean Race, que em 2017 vai ser na Doca de Pedrouços, passe a ser permanentemente em Lisboa.

 

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Aegean confirma aumento de frequências para Lisboa e Porto

22-02-2019 (18h11)

A companhia de aviação grega Aegean confirmou hoje que tem programado um aumento de frequências para Lisboa e Porto, num comunicado em que anuncia um reforço da sua oferta global este ano em 700 mil lugares.

Mesmo com Brexit ‘à porta’, britânicos foram os turistas que mais despenderam em Portugal em 2018

21-02-2019 (17h54)

Os residentes no Reino Unido, mesmo com o adensar da perspectiva de um ‘divorcio litigioso’ com a União Europeia e apesar de uma quebra no alojamento turístico português, não só se mantiveram em 2018 os líderes em gastos turísticos em Portugal em 2018, como foram os que fizeram o segundo maior aumento.

Portugal teve aumentos a dois dígitos de gastos de turistas de 37 países

21-02-2019 (17h49)

Apesar dos ventos desfavoráveis principalmente na segunda metade do ano, Portugal concluiu 2018 com um aumento médio dos gastos de turistas estrangeiros em 9,6%, com 37 em 62 com dados disponíveis no Banco de Portugal a registarem aumentos a dois dígitos.

Brasil foi o destino com a maior queda de gastos turísticos dos portugueses em 2018

21-02-2019 (16h37)

O Brasil, que enfrentou vários desafios em 2018, nomeadamente uma sucessão presidencial turbulenta, foi o país que teve a maior quebra de gastos turísticos dos portugueses, entre 61 com dados publicados pelo Banco de Portugal, mas conseguiu ainda assim manter-se no Top10 dos destinos.

Gastos dos portugueses em turismo ultrapassam os cem milhões de euros em oito países

21-02-2019 (16h35)

Espanha, França, Reino Unido, Alemanha, Estados Unidos, Bélgica, Itália e Holanda foram os únicos países a somarem mais de cem milhões de euros de gastos turísticos de residentes em Portugal no ano de 2018, de acordo com dados do Banco de Portugal recolhidos pelo PressTUR.