Turismo na Nazaré mantém tendência de crescimento

12-07-2018 (17h15)

Foto: www.cm-nazare.pt
Foto: www.cm-nazare.pt

O turismo manteve a tendência de crescimento na Nazaré, com a superação dos valores registados em 2017, divulgou hoje a Câmara Municipal da Nazaré.

Os Postos de Turismo registaram 14.226 visitantes e turistas nos primeiros seis meses deste ano, enquanto no período homólogo de 2017 foram registadas 9.124 visitas e, em 2016, 6.410 visitantes.

Segundo a Câmara, turistas “alemães, canadianos, australianos, polacos e suíços, bem como de países nórdicos, nomeadamente Suécia e Finlândia”, estiveram na Nazaré, num total de 76 nacionalidades a que se juntam, por exemplo, o Sri Lanka, a Guatemala, as Ilhas Maurícias, o Zimbabué, Singapura e a Sérvia.

A tendência de crescimento foi igualmente notória no Forte de S. Miguel Arcanjo, com 81.640 pessoas a entrarem naquele património sob a gestão do município, entre Janeiro e Junho.

Os portugueses foram a nacionalidade mais representada (39.179), seguindo-se os brasileiros (10.928), os franceses (7.485), espanhóis (5.442) e os alemães (3.661).

No total, foram registados visitantes de 91 países, maioritariamente europeus, mas também da África, Ásia e América Latina.

As viagens de ascensor, por seu lado, registaram uma subida de 35% em comparação com período homólogo 2017, com mais de 102.811 pessoas a viajarem naquele meio de transporte nos primeiros meses do ano.

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Portugal

Clique para ver mais: Mercados

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Aegean confirma aumento de frequências para Lisboa e Porto

22-02-2019 (18h11)

A companhia de aviação grega Aegean confirmou hoje que tem programado um aumento de frequências para Lisboa e Porto, num comunicado em que anuncia um reforço da sua oferta global este ano em 700 mil lugares.

Mesmo com Brexit ‘à porta’, britânicos foram os turistas que mais despenderam em Portugal em 2018

21-02-2019 (17h54)

Os residentes no Reino Unido, mesmo com o adensar da perspectiva de um ‘divorcio litigioso’ com a União Europeia e apesar de uma quebra no alojamento turístico português, não só se mantiveram em 2018 os líderes em gastos turísticos em Portugal em 2018, como foram os que fizeram o segundo maior aumento.

Portugal teve aumentos a dois dígitos de gastos de turistas de 37 países

21-02-2019 (17h49)

Apesar dos ventos desfavoráveis principalmente na segunda metade do ano, Portugal concluiu 2018 com um aumento médio dos gastos de turistas estrangeiros em 9,6%, com 37 em 62 com dados disponíveis no Banco de Portugal a registarem aumentos a dois dígitos.

Brasil foi o destino com a maior queda de gastos turísticos dos portugueses em 2018

21-02-2019 (16h37)

O Brasil, que enfrentou vários desafios em 2018, nomeadamente uma sucessão presidencial turbulenta, foi o país que teve a maior quebra de gastos turísticos dos portugueses, entre 61 com dados publicados pelo Banco de Portugal, mas conseguiu ainda assim manter-se no Top10 dos destinos.

Gastos dos portugueses em turismo ultrapassam os cem milhões de euros em oito países

21-02-2019 (16h35)

Espanha, França, Reino Unido, Alemanha, Estados Unidos, Bélgica, Itália e Holanda foram os únicos países a somarem mais de cem milhões de euros de gastos turísticos de residentes em Portugal no ano de 2018, de acordo com dados do Banco de Portugal recolhidos pelo PressTUR.