Turismo do Centro ganha prémio dos International Travel & Tourism Awards

07-11-2018 (18h21)

Foto: Turismo do Centro de Portugal
Foto: Turismo do Centro de Portugal

A campanha promocional “Turismo Centro Portugal - Visitar e Ficar é Ajudar”, lançada na sequência dos incêndios que atingiram o Centro do país em 2017, conquistou o Gold Award na categoria Best National Tourism Board / Destination Marketing Organisation Campaign dos International Travel & Tourism Awards.

“Esta distinção mostra que no meio da tragédia nasce a esperança. A esperança renovada num destino, na sua atractividade, bem espelhada nesta campanha”, comentou o presidente da Turismo Centro, Pedro Machado, que considera que a conquista inédita “prestigia o país, o sector do Turismo e a marca Centro de Portugal, que concorreu ao lado de candidatos tão fortes como os Estados Unidos”.

A campanha “Turismo Centro Portugal - Visitar e Ficar é Ajudar” foi criada na sequência dos incêndios que afectaram a região em 2017 e teve como objectivo principal “reafirmar o Centro de Portugal como destino seguro e de confiança”.

Consistiu na promoção das regiões mais afectadas, através de outdoors, reportagens na imprensa e spots de rádio, entre outras iniciativas. “Os resultados foram extremamente positivos, uma vez que esta região registou um crescimento recorde na procura no ano passado”, declarou Pedro Machado.

O dirigente da Entidade Regional estende os agradecimentos à Agência Regional de Promoção Turística Centro de Portugal, Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Turismo de Portugal e Secretaria de Estado do Turismo, além das câmaras municipais e empresários.

“São entidades e pessoas que nos quiseram ajudar, desde a primeira hora, e que hoje alcançaram um prémio tão prestigiante. A equipa do Turismo Centro de Portugal não poderia estar mais orgulhosa: é o prémio mais importante de sempre que recebemos”, acrescentou.

Os International Travel & Tourism Awards distinguem o trabalho de organismos de turismo em todo o mundo. Os vencedores foram escolhidos por um painel independente de jurados de todo o mundo e representam o melhor que se faz internacionalmente nas viagens e no turismo.

A competição é organizada pelo World Travel Market (WTM London), com a colaboração da Organização Mundial de Turismo (UNWTO). A WTM em Londres, uma das maiores feiras de turismo, é o momento em que são anunciados os vencedores em cada ano.

A campanha do Turismo Centro de Portugal foi uma das oito finalistas na sua categoria, que tinha também candidaturas dos Estados Unidos, do Japão, do Peru, do Egipto, da Jordânia, da Estónia, da Finlândia e das Ilhas Faroé.

 

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Plano de Investimentos prevê 102ME para a Via Navegável do Douro

16-01-2019 (18h35)

A melhoria das condições de navegabilidade e de segurança do rio Douro tem dedicados 102 milhões no Plano Nacional de Investimentos (PNI) 2030, de acordo com o documento do Governo.

Governo garante presença de Portugal na FITUR

16-01-2019 (18h34)

O ministro da Economia garantiu hoje a presença de Portugal na FITUR, via “trabalho com as regiões de turismo”, para ‘contornar’ efeito do processo judicial que impede a presença de stands do Turismo de Portugal em eventos internacionais.

Turistas portugueses na Dominicana voltaram em 2018 a ser mais de 40 mil

16-01-2019 (17h50)

A República Dominicana recebeu 40,5 mil turistas residente em Portugal em 2018, que foi assim o segundo ano em que teve mais de 40 mil turistas residentes em Portugal, depois de em 2009 ter atingido os 42,7 mil, que se mantém o recorde anual.

Portugal foi o 2º emissor europeu que mais cresceu para a Dominicana em 2018

16-01-2019 (17h48)

Portugal, com mais 9.188 turistas na Dominicana em 2018, teve o segundo maior aumento do ano entre 25 emissores europeus, atrás apenas de Inglaterra, de onde o destino teve um aumento de 9.980 turistas.

Governo está em negociações com a Ryanair para aumentar voos com Alemanha

16-01-2019 (17h45)

O ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, disse hoje que o Governo está em negociações com a Ryanair para aumentar ligações aéreas com a Alemanha, origem/destino que para este Inverno tem programados 177 voos regulares por semana de/para Lisboa, operados pelas transportadoras TAP, easyJet, Eurowings, Lufthansa e Ryanair.