Reino Unido e Espanha ascendem à liderança dos emissores para Portugal em gastos turísticos

21-04-2016 (17h42)

Os residentes no Reino Unido e em Espanha atingiram no primeiro bimestre deste ano os primeiros lugares no ranking dos visitantes com maiores gastos turísticos em Portugal, relegando os franceses para a 3ª posição.

Dados do Banco de Portugal recolhidos pelo PressTUR indicam que os espanhóis foram os visitantes com o maior aumento de gastos turísticos em Portugal, com +22,9% ou mais 34,08 milhões de euros, seguidos pelos britânicos, dos quais houve uma subida em 19% ou 30,94 milhões de euros.

Os britânicos posicionaram-se assim no primeiro lugar dos emissores em montante dos gastos em Portugal pelos seus residentes, com 193,91 milhões de euros, seguidos pelos espanhóis, com 183,11 milhões.

Os visitantes residentes em França, que nos primeiros bimestres de 2014 e 2015 tinham sido os líderes dos gastos de turistas estrangeiros em Portugal, este ano ficaram em 3º lugar, com 180,99 milhões, embora com um aumento expressivo (+9% ou mais 14,93 milhões), só que não tão forte quanto os de espanhóis e britânicos.

O maior emissor a seguir a França foi a Alemanha, com 129,9 milhões de euros, o que representa um aumento em 9,3% ou 11,01 milhões de euros.

Os residentes no Brasil, embora com um decréscimo dos seus gastos turísticos em Portugal em 17,8% ou 12,18 milhões de euros, que foi o segundo maior do período, subiram à 5ª posição, com 56,19 milhões de euros, porque maior foi a queda dos gastos dos residentes em Angola (-56% ou menos 64,7 milhões, para 50,93 milhões.

Os dados recolhidos pelo PressTUR mostram depois de Angola os maiores emissores em gastos turísticos foram os residentes na Holanda, com 48,04 milhões de euros (+3,7% ou mais 1,7 milhões), Estados Unidos, com 37,14 milhões (+14,2% ou mais 4,61 milhões), Suíça, com 36,4 milhões (+17,6% ou mais 5,46 milhões), Bélgica, com 30,81 milhões (+9,3% ou mais 2,63 milhões), Itália, com 25,71 milhões (+13,1% ou mais 2,97 milhões), e Irlanda, com 17,85 milhões (+14,7% ou mais 2,29 milhões).

Do conjunto dos restantes emissores não especificados, Portugal teve um aumento de receitas turísticas em 2,9% ou 5,15 milhões de euros, para 184,44 milhões.

Os dados do Banco de Portugal recolhidos pelo PressTUR permitem ver que 80,6% das suas receitas turísticas foram gastos de turistas residentes em países europeus, que somaram 947,36 milhões de euros, com um aumento em 14% ou 116,39 milhões em relação ao período homólogo de 2015.

Já das restantes regiões registaram-se descidas de gastos turísticos, em 5,9% ou 1,64 milhões de turistas residentes na Ásia, para 26,29 milhões, em 3,3% ou 4,35 milhões de turistas residentes na América (pela queda dos gastos de brasileiros), para 128,35 milhões, e em 50,6% ou 67,03 milhões de turistas residentes em África (pela queda dos gastos de angolanos), para 65,49 milhões.

 

Clique para mais notícias: Balança portuguesa das Viagens e Turismo

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

easyJet ‘fixa’ prazo para evitar 3º Verão seguido de “crescimento zero” no Aeroporto de Lisboa

17-05-2019 (16h19)

A companhia de aviação easyJet defendeu hoje a urgência de fechar um acordo até Setembro com os militares que permita aumentar a capacidade do Aeroporto de Lisboa já no Verão de 2020, pois, avisou, de contrário “vamos estar a perder oportunidades que já não vão voltar, e isto será muito mau para a economia portuguesa”.

Congresso da APAVT volta à Madeira de 14 a 17 de Novembro

17-05-2019 (12h38)

Nove anos depois, a Madeira vai voltar a receber o Congresso Nacional da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT), o 45º da sua história, de 14 a 17 de Novembro, tornando-se o destino português a receber mais vezes o evento, foi hoje anunciado no Funchal.

Governo escolhe Manuel Claro para liderar a Portugal Film Commision

16-05-2019 (20h00)

Manuel Claro, coordenador executivo do subprograma Media, do Centro de Informação Europa Criativa, será o responsável pela Portugal Film Commission, cuja criação foi aprovada hoje em Conselho de Ministros.

Turim Hotels espera poder abrir hotel de 5 estrelas em Sintra até final do ano

16-05-2019 (17h44)

O presidente executivo do Turim Hotels, Ricardo Martins, afirmou hoje que o grupo espera abrir o Turim Sintra Palace Hotel até ao final de 2019, desvalorizando as questões que têm envolvido este projecto, e que lhe são anteriores.

euroAtlantic já conta com mais um Boeing B767-300 ex-Hainan Airlines

16-05-2019 (14h30)

A euroAtlantic, companhia de aviação portuguesa detida por Tomaz Metello, seu fundador, passou a contar com mais com mais um avião de longo curso Boeing B767-300, que indica ter sido “adquirido à Hainan Airlines”, ex-accionista do Atlantic Gateway, consórcio que tem 45% do Capital da TAP.