Pedro Machado formaliza recandidatura à presidência da Turismo Centro de Portugal

09-05-2018 (16h47)

João Azevedo e Maria do Céu Albuquerque são novidades na lista

Pedro Machado, presidente da Entidade Regional Turismo Centro de Portugal, formalizou hoje a candidatura a um segundo mandato à frente do organismo, numa apresentação feita em Aveiro, na sede da Turismo Centro.

As eleições, para o período 2018-2023, vão decorrer no próximo dia 23 de maio, com mesas de voto em Aveiro, Guarda e Leiria.

A lista candidata à Comissão Executiva integra cinco elementos, sendo composta por Pedro Machado, João Azevedo (presidente da Câmara Municipal de Mangualde e presidente do Conselho Regional do Centro), José Ribau Esteves (presidente da Câmara Municipal de Aveiro e Presidente da Comunidade Intermunicipal de Aveiro), Maria do Céu Albuquerque (presidente da Câmara Municipal de Abrantes e da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo), Jorge Loureiro (empresário e vice-presidente da AHRESP – Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal).

Luís Correia, presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco e actual presidente da Assembleia-Geral do Turismo Centro de Portugal, e Manuel Machado - presidente da Câmara Municipal de Coimbra, presidente da Associação Nacional de Municípios e actual secretário da Mesa da Assembleia Geral - renovam a sua candidatura, respectivamente, a presidente e a secretário da mesa.

Na apresentação da lista, Pedro Machado destacou a representatividade expressa na candidatura, afirmando que “a lista traduz a representação dos 100 municípios, de todas as oito comunidades intermunicipais, e dos principais movimentos associativos regionais e nacionais”.

“Estão presentes, de forma física, todos os territórios que compõem a marca Centro de Portugal. Há também um aumento da representatividade das várias associações nos órgãos do Turismo Centro de Portugal (a AHP - Associação da Hotelaria de Portugal, a AHRESP - Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, a Associação das Aldeias Históricas de Portugal, a ADXTUR – Associação das Aldeias do Xisto e a Associação das Termas de Portugal) e também do setor privado, representado pelo Grupo Visabeira”, acrescentou.

A candidatura, acrescentou “é subscrita por 91 das 100 câmaras municipais e por 19 associações, num total de 110 subscrições”, incluindo a APAVT – Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo, a ARAC - Associação dos Industriais de Aluguer de Automóveis sem Condutor, APECATE - Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos, Associação dos Artesãos da Serra da Estrela, o NERGA – Núcleo Empresarial da Região da Guarda, o CEC – Conselho Empresarial do Centro, a Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas, a AD ELO – Associação Desenvolvimento do Baixo Mondego, o CERV – Conselho Empresarial Região de Viseu, CVR Beira Interior, CVR Dão, CVR Lisboa, ACISO - Associação Empresarial Ourém - Fátima, e a ADIRN – Associação Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Norte.

 

Ver também:

Pedro Machado avança com recandidatura à presidência da Turismo do Centro

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Grupo TAP tem prejuízo de 118 milhões de euros em “ano necessário”

22-03-2019 (18h06)

O Grupo TAP passou de um lucro de 21,2 milhões de euros em 2017 para um prejuízo de 118 milhões de euros em 2018, um ano de transformação necessária para preparar o futuro, segundo descreveram hoje Miguel Frasquilho, Antonoaldo Neves e David Neeleman.

TAP quer acabar com “dependência” do Brasil através da diversificação de mercados

22-03-2019 (16h42)

A TAP está a trabalhar na diversificação de mercados para acabar com a “dependência” do Brasil, um mercado que representa quase 25% das vendas totais da companhia e que no ano passado teve uma quebra de receitas de 10%, em euros.

Brexit: Governo aprova campanha para promover Algarve e Madeira no Reino Unido

22-03-2019 (15h24)

O ministro Adjunto e da Economia anunciou uma campanha turística especial para promover o Algarve a Madeira no Reino Unido, dois destinos em relação aos quais percebeu haver uma “preocupação maior” com o ‘Brexit’.

TAP vai investir “cada vez mais” nas vendas directas

22-03-2019 (15h13)

As vendas da TAP através dos seus canais directos, como o seu website e o contact center, representaram 41% das vendas da companhia aérea em 2018, e o objectivo é chegar a 50%, disse hoje Raffael Quintas, Chief Financial Officer (CFO) da companhia.

TAP fez o primeiro voo comercial de um A330neo nos EUA

20-03-2019 (11h05)

A TAP realizou esta terça-feira o primeiro voo comercial de um Airbus A330-900 Neo nos Estados Unidos, ao aterrar uma aeronave deste modelo em Miami, num voo procedente de Lisboa com 193 passageiros a bordo.