OMT prevê abrandamento do crescimento do turismo internacional este semestre

11-10-2018 (12h41)

Europa e Ásia e Pacífico lideraram crescimento na primeira metade do ano

A Organização Mundial do Turismo (OMT) prevê que o crescimento do turismo internacional, que estimou em 6% no primeiro semestre, abrande na segunda metade do ano, embora mantenha a perspectiva de "um forte impulso" este ano.

"Tendo em conta este sólido primeiro semestre, as perspectivas de crescimento para o resto de 2018 mantêm-se positivas em termos gerais, ainda que a um ritmo mais lento, segundo a última sondagem do índice de confiança da OMT", informou a agência das Nações Unidas para o turismo.

A organização especificou que "o índice para o período de Maio a Agosto, assim como as expectativas de Setembro a Dezembro, são algo menores que o valor do índice para os meses de Janeiro a Abril".

Segundo a OMT o turismo internacional cresceu 6% a nível mundial no primeiro semestre, com a Europa e a Ásia e Pacífico a liderarem com aumentos de 7%, seguidas pelo Médio Oriente, com 5%, África, com 4%, e Américas, com 3%.

Os dados divulgados pela OMT mostram que o crescimento do turismo internacional mais forte na Europa foi impulsionado principalmente pela evolução na Europa do Sul e Mediterrâneo, onde inclui Portugal, que é a região que recebe mais turistas, com 267,5 milhões em 2017, e a que tem o crescimento mais forte, com +8,7% no primeiro semestre, nomeadamente pelos aumentos acima de 9% em Maio (9,5%) e Junho (9,2%).

A região com o crescimento mais forte na primeira metade do ano foi no entanto o Sudeste Asiático, com um aumento em 9,4%, neste caso principalmente pelo aumento em 11,3% no primeiro trimestre.

O boletim publicado pela OMT especifica que o crescimento médio do turismo internacional na Ásia e Pacífico no primeiro semestre foi de 7,4%, acima dos 6,8% verificados na Europa, cuja média foi penalizada pelos 0,9% na Europa do Norte, uma vez que a Europa Ocidental teve um aumento em 6,7%, a Europa Central e do Leste teve +7% e a Europa do Sul e Mediterrânica teve +8,7%.

Para as Américas, a OMT indicou um crescimento médio em 3,3% no primeiro semestre, penalizado pelas quebras de 9,4% nas Caraíbas e 0,4% na América Central e suportado pelos aumento de 5,3% na América do Norte e 7,4% na América do Sul.

Relativamente a África, os dados da OMT indicam que o aumento médio no semestre em 4% foi ‘puxado' pela subida em 6,9% no Norte de África, enquanto na África Subsahariana o crescimento foi de 2,7%.

 

Clique para mais notícias: OMT

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Turistas portugueses na hotelaria espanhola aumentam 13%, mas permanecem menos tempo

23-05-2019 (15h39)

A hotelaria espanhola teve alojados 419,5 mil turistas portugueses no primeiro quadrimestre, representando um aumento em 13%, que, porém, apenas se traduziu num aumento das dormidas em 7,4% porque o tempo médio de permanência caiu 5%.

Turitravel lança novo website para agentes de viagens

23-05-2019 (15h37)

A Turitravel, do Grupo Portimar, lançou um novo website para agentes de viagens, "com um design mais atractivo, melhor usabilidade, novas funcionalidades e já adaptado para dispositivos móveis".

Delta acredita estar “no bom caminho e com sucesso” em Portugal, director regional de Vendas

23-05-2019 (15h28)

“Não olhamos para o desempenho da concorrência. Estamos no bom caminho e com sucesso”, disse o director regional de Vendas para o Sul da Europa da Delta Airlines, Frederic Schenk, a propósito da concorrência com a TAP nas ligações entre Portugal e a América do Norte.

Portugueses em cruzeiros no Porto de Lisboa aumentam 392,8% no 1º quadrimestre

23-05-2019 (14h30)

O mercado português foi o que teve o maior aumento no primeiro quadrimestre em passageiros de cruzeiros no Porto de Lisboa, quase quintuplicando (+392,8%) em relação ao período homólogo de 2018, de acordo com os dados publicados pela Administração do Porto de Lisboa (APL).

Porto de Lisboa teve este ano novo recorde de passageiros de cruzeiros para um mês de Abril

23-05-2019 (14h27)

O Porto de Lisboa bateu este ano o recorde de passageiros de cruzeiros num mês de Abril, que se mantinha em 73.975 desde 2013, ao alcançar o total de 83.575, com recordes para o mês tanto do total de estrangeiros, com 76.684, quanto de portugueses, com 6.891, de acordo com dados da APL recolhidos pelo PressTUR.

Noticias mais lidas