Câmara de Sintra institui taxa turística a partir do próximo ano

04-04-2018 (16h09)

Sintra Palácio da Vila (foto: visitportugal.com)
Sintra Palácio da Vila (foto: visitportugal.com)

A Câmara de Sintra vai instituir uma taxa turística de dois euros por quarto ocupado a partir do próximo ano, cuja receita será destinada à reabilitação do centro histórico da vila, segundo anunciou hoje o seu presidente da Câmara, Basílio Horta, eleito pela lista do PS.

A taxa terá um valor de dois euros e será aplicada por cada quarto das unidades hoteleiras, num período nunca superior a três dias, segundo explicou esta manhã aos jornalistas o autarca, no final de um debate sobre requalificação urbana no centro histórico de Sintra.

“Nós vamos fazê-lo agora [aplicação da taxa turística] porque temos um conjunto de grandes investimentos em hotéis. Há 30 anos que não se fazia um hotel em Sintra e agora temos um investimento de mais de 80 milhões. É uma taxa perfeitamente equilibrada, não custa praticamente nada a pagar e esse dinheiro é essencial para a requalificação”, defendeu o autarca.

Basílio Horta afirmou que o investimento total previsto para a requalificação do centro histórico de Sintra é de cerca de 50 milhões de euros e inclui intervenções ao nível do saneamento básico e no edificado, tanto municipal como privado, ressalvando que se trata de um processo que “carece de muito cuidado e sensibilidade”.

“Temos consciência de que é necessária uma requalificação profunda, mas que tem de ser feita com cuidado. Estamos a falar de um território muito sensível”, observou.

O autarca socialista realçou ainda a importância de ter limitado a circulação automóvel no centro histórico, sublinhando que este deve ser das pessoas e não dos carros.

“Comigo não haverá um único parque de estacionamento na zona histórica”, garantiu.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: Taxa turística

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

CTP defende investimento em produtos específicos para o mercado britânico

16-11-2018 (10h47)

Investir em “produtos estrategicamente pensados” para o mercado britânico e “não descurar o crescimento” de mercados como EUA, Canadá, Brasil e China são as soluções propostas por Francisco Calheiros, presidente da CTP, para responder à quebra do mercado britânico.

CTP duvida que aeroporto do Montijo esteja pronto em 2023 – Francisco Calheiros

16-11-2018 (10h19)

"Há muito que a CTP diz que tem dúvidas da abertura do Montijo em 2022", mas "neste momento temos dúvidas para 2023", disse hoje o presidente da Confederação do Turismo de Portugal (CTP), Francisco Calheiros.

Atrasos na TAP este ano custaram mais 40 milhões de euros, Antonoaldo Neves

15-11-2018 (20h13)

Os atrasos na TAP este ano custaram mais 40 milhões de euros do que em 2017, segundo avançou hoje o CEO da TAP, Antonoaldo Neves, em Vila Nova de Gaia.

Terceira (Açores) recebe ‘jornadas técnicas’ das agências de viagens espanholas

15-11-2018 (18h00)

A preparação da reunião na Terceira, Açores, em Março de 2019, das Jornadas Técnicas da CEAV, associação das agências de viagens espanholas, foi um dos temas da cimeira com a sua congénere portuguesa, APAVT, que hoje é também anfitriã do congresso da ANVR, associação das agências de viagens holandesas, que está a decorrer em Aveiro.

Solférias oferece réveillon na Madeira às agências Graçatur, Nortenha e Sm Viagens

15-11-2018 (17h29)

A Solférias, em parceria com a Associação de Promoção da Madeira e com a TAP, ofereceu programas de Fim de Ano na Madeira às agências de viagens Graçatur (Pombal), Nortenha (Santo Tirso) e Sm Viagens (Cascais).