Há sempre “coisas novas a acontecer” em Braga – presidente do grupo Vila Galé

11-06-2018 (10h08)

O "dinamismo empresarial", a "juventude vibrante" e a diversidade de eventos caracterizam a cidade de Braga como "um exemplo para aquilo que nós temos que fazer no país", salientou o presidente do grupo Vila Galé, Jorge Rebelo de Almeida, na inauguração do Vila Galé Collection Braga.

"É sempre uma surpresa vir a Braga, estão sempre coisas novas a acontecer", enfatizou Jorge Rebelo de Almeida, para caracterizar a cidade que acolhe o 30º hotel da Vila Galé, uma unidade 4-estrelas criada a partir da reconversão do antigo hospital de São Marcos, um edifício de 1508 que marcou a história da cidade (clique para ler: Vila Galé Braga Collection afirma "a nossa história, cultura e património como algo para ser vivido" - ministro da Economia).

Além dos eventos, Braga é também um exemplo para aquilo que Jorge Rebelo de Almeida acredita ser necessário fazer em Portugal, "que é recuperar os centros históricos das cidades", embora "tendo em conta que é preciso preservar a autenticidade", porque é "um factor de diferenciação relativamente a outros destinos".

"Temos todos que não perder os centros das cidades. Se os centros das cidades ficarem meramente turísticos perde a graça toda. Temos que lá ter jovens a morar, temos que lá ter idosos a morar e temos que ter actividades. Temos que manter alguma coisa que quando um turista nos visita no centro de uma das nossas cidades sinta que está a ter uma experiência diferente", sublinhou o presidente do grupo hoteleiro.

Por outro lado, "se alguém tem condições para fazer novos projectos, se têm recursos para fazer novos projectos não se lhes deve cortar as pernas, deve-se dar oportunidade", mas "se não perseguir fins de interesse útil ao país já não devem ser é apoiados, nem incentivados, nem ter qualquer tipo de subsidiação", acrescentou.

A Vila Galé investiu cerca de oito milhões de euros no seu novo hotel em Braga, uma unidade de 4-estrelas da sua gama Collection, com 123 quartos e suites, dois restaurantes e um bar.

O hotel tem piscinas exteriores para adultos e crianças e um Spa Satsanga Collecion com piscina interior, ginásio e salas de massagens.

Para reuniões e eventos existem oito salas e ainda um espaço dedicado à inovação onde os visitantes podem conhecer a oferta hoteleira da Vila Galé em Portugal e no Brasil através de uma experiência de realidade virtual, uma televisão 4K e um holograma.

O tema que marca a decoração do hotel é a história dos arcebispos e da fundação Portugal, prestando ainda homenagens a personalidades que marcaram a cidade de Braga.

 

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Vila Galé

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Cruzeiros no Funchal terminaram 2018 com estagnação em baixa

18-01-2019 (16h41)

O Porto do Funchal teve um ligeiro decréscimo do número de passageiros de cruzeiros em 2018, tendo terminado o ano com 537.851, -0,2% ou menos 1.341 que em 2017, mas ainda assim o 4º melhor total anual de sempre.

Alemães, canadianos e brasileiros garantiram recorde de passageiros de cruzeiros em Lisboa em 2018

18-01-2019 (16h37)

O Porto de Lisboa teve em 2018 novos recordes de passageiros de cruzeiros alemães, canadianos e brasileiros, que foram, assim, as três nacionalidades que garantiram à capital um novo recorde anual de cruzeiros e, também, a recuperação da liderança dos portos de cruzeiros portugueses.

Ryanair alega queda mais forte das tarifas para emitir profit warning

18-01-2019 (16h12)

A low cost Ryanair baixou em cerca de cem milhões de euros o intervalo da previsão de lucros do exercício 2017/2018, que termina em Março, apontando como causa uma queda dos preços dos voos mais forte do que antecipara.

Fitur prevê edição recorde este ano com mais expositores e visitantes

18-01-2019 (15h35)

A Feira Internacional de Turismo de Madrid (Fitur), que começa na quarta-feira, dia 23, deverá bater recordes de participação e número de expositores, de acordo com a previsão da organização.

Lisboa recuperou em 2018 a liderança do turismo de cruzeiros em Portugal

18-01-2019 (14h55)

O Porto de Lisboa voltou a ser em 2018 o primeiro porto português de cruzeiros marítimos, tanto em número de passageiros como de escalas, recuperando a liderança que em 2017 lhe escapara para o Funchal.