Exportações de transporte aéreo de passageiros ‘disparam’ 33,6% e ultrapassam 500 milhões em dois meses

20-04-2017 (16h28)

As exportações portuguesas de transporte aéreo de passageiros, que estavam em queda desde 2014, com a recuperação da TAP evidenciada pelo aumento de passageiros também inverteram a tendência e pela primeira vez superam os 500 milhões de euros no primeiro bimestre.

O PressTUR, com base em dados do Banco de Portugal, concluiu que nos primeiros dois meses deste ano, as exportações portuguesas de transporte aéreo de passageiros, para as quais também contribuem a euroAtlantic e a White, ascenderam a 513,74 milhões de euros, não só 129,32 milhões acima do período homólogo de 2016 como, também, 33,93 milhões (+7,1%) dos primeiros dois meses de 2014, que se mantinham os melhores até este ano, com 479,81 milhões.

Esta evolução reflecte aumentos das exportações em 49,2% ou 82,53 milhões de euros em Janeiro, para 250,13 milhões, e em 21,6% ou 46,79 milhões em Fevereiro, para 263,61 milhões.

Os cálculos do PressTUR mostraram, adicionalmente, que com o crescimento alcançado, o sector português da aviação comercial teve os melhores meses de Janeiro e Fevereiro de sempre em exportações, superando por 9,83 milhões (+4,1%) o montante de Janeiro de 2014 e por 24,10 milhões (+10,1%) o valor de Fevereiro desse ano.

A evolução do saldo externo do sector, descontadas as importações, seguiu uma tendência em linha com as exportações, se bem que as compras ao exterior também tenham aumentado.

O PressTUR concluiu, com base nos dados do Banco de Portugal, que a aviação comercial gerou nos primeiros dois meses deste ano um encaixe líquido para Portugal no montante de 424,99 milhões de euros, não só 39,1% ou 119,42 milhões acima do primeiro bimestre de 2016 como, também, 4,4% ou 18,08 milhões acima do anterior melhor bimestre, o de 2014.

A subida do saldo deve-se, conforme mostram os cálculos do PressTUR, à dimensão do crescimento das exportações (129,32 milhões de euros), porque também as importações aumentaram no mesmo período, só que em apenas 9,89 milhões (+12,5%, para 88,74 milhões).

E relativamente ao primeiro bimestre de 2014, o aumento do saldo favorável a Portugal em 18,08 milhões decorre da subida de a subida das exportações, em 33,93 milhões, ter superado o aumento das exportações, que até apresentam um crescimento mais forte, em 21,7%, mas que em valor é de 15,84 milhões.

 

Para ler mais clique:

‘Regresso’ dos turistas brasileiros é o que mais faz subir receitas turísticas portuguesas

Turistas do Brasil e EUA fazem os aumentos mais fortes de gastos turísticos em Portugal

 

Clique para mais notícias: Balança portuguesa das Viagens e Turismo

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Gastos dos brasileiros em viagens e turismo no estrangeiro recuperam, mas ainda ficam longe de 2015 e 2014

25-04-2017 (18h26)

Mesmo sem Páscoa, ao contrário do ano passado, e com um Fevereiro com menos um dia, os gastos dos brasileiros em viagens e turismo no estrangeiro situaram-se no 1º trimestre 50,4% ou quase 1,5 mil milhões de dólares acima do período homólogo de 2016, de acordo com os dados divulgados hoje pelo Banco Central do Brasil, pelos quais ficaram ainda assim longe dos tempos pré-crise.

Qatar Airways começa a voar de/para Lisboa no próximo ano

25-04-2017 (11h59)

A Qatar Airways, uma das companhias do Golfo em mais forte crescimento e accionista do IAG e do LATAM, anunciou ontem Lisboa como um dos seus novos destinos no próximo ano, mas ainda sem especificar a data de início das ligações.

Dormidas de portugueses na hotelaria espanhola caem 41,5% face a Março com Páscoa

24-04-2017 (12h57)

A hotelaria espanhola uma quebra de hóspedes residentes em Portugal em 30,9% este Março face ao de 2016, que teve a Páscoa a meio do mês, e a quebra de dormidas elevou-se a 41,5%, já que simultaneamente a estada média decresceu 15,3%, para duas noites.

‘Falta da Páscoa’ provoca quebra de 1,6 milhões de dormidas na hotelaria espanhola

24-04-2017 (11h43)

A hotelaria espanhola concluiu o mês de Março deste ano com menos cerca de 320 mil hóspedes (-4,4%) e menos cerca de 1,63 milhões de dormidas (-7,4%) que há um ano, em que Março foi o mês da Páscoa, no dia 27, que este ano foi apenas em meados de Abril, no dia 16.

Solférias já tem brochuras online com programação até 31 de Outubro

21-04-2017 (16h49)

O operador turístico Solférias está a anunciar que já se encontram disponíveis no seu website as brochuras para a temporada de Primavera/Verão 2017, incluindo propostas para viagens de 1 de Maio a 31 de Outubro.