Turquia ultrapassou pela primeira vez a marca de seis milhões de turistas num mês

03-09-2019 (15h33)

A Turquia teve este Julho, pela primeira vez mais de seis milhões de turistas residentes no estrangeiro num mês, com um total de 6,6 milhões, que representam um aumento em 16,7% ou quase 950 mil em relação ao mês homólogo de 2018.

Dados do Ministério turco da Cultura e do Turismo indicam que o país teve aumentos a dois dígitos de nove dos dez maiores emissores do mês de Julho, com a excepção, a Geórgia a registar um aumento em 9,8%.

O maior emissor foi a Rússia, que foi também o mercado que mais contribuiu para o aumento no mês, com mais 145,4 mil (+16,2%, para 1,04 milhões), seguida pela Alemanha, com mais 107 mil (+14,1%, para 868,3 mil), e pelo Reino Unido, com mais 70,2 mil (+19,8%, para 425 mil).

A Holanda foi o quarto maior emissor do mês de Julho, com 242,3 mil turistas na Turquia, +10,8% ou mais 23,6 mil que há um ano, e seguidamente foi a Ucrânia, com 228,5 mil, em alta de 14,4% ou 28,7 mil.

A informação do Ministério turco especifica que dos 6,6 milhões de turistas estrangeiros recebidos pelo país em Julho, 3,24 milhões são residentes em países europeus, dos quais teve um aumento das chegadas em 18% ou cerca de 495 mil.

De países asiáticos a Turquia recebeu 1,15 milhões de turistas em Julho, com aumento em 14,4% ou quase 146 mil.

Para o conjunto dos primeiros sete meses deste ano, os dados do Ministério turco da Cultura e do Turismo indicam a chegada ao país de 24,69 milhões de turistas não residentes, mais três milhões (+14,1%) que no período homólogo de 2018 e mais 42,5% ou mais 7,3 milhões que nos primeiros sete meses de 2017.

A Rússia é o primeiro emissor, com 15,2% do total, seguida pela Alemanha, com 10,8%, Bulgária, com 5,85%, Reino Unido, com 5,78%, e Irão, com 4,46%.

A Rússia é também o emissor com o maior aumento de chegadas de Janeiro a Julho, inclusive, com mais 476,4 mil (+14,5%), seguida pela Alemanha, com um aumento de 349,1 mil (+15%), pela Bulgária, com aumento de 274,9 mil (+23,5%), pelo Reino Unido, com mais 215,4 mil (+17,8%), e pelo Iraque, com mais 161,9 mil (+28,2%).

 

Clique para mais notícias: Turquia

Clique para mais notícias: Europa



Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Eurowings vai voar entre Colónia e Porto Santo a partir de Maio

19-11-2019 (16h19)

A companhia de aviação Eurowings, do grupo Lufthansa, abriu reservas para uma nova rota que vai inaugurar este Verão, entre Colónia, na Alemanha, e Porto Santo.

easyJet ganha menos em 2019 com queda da receita por lugar voado

19-11-2019 (16h01)

A easyJet informou hoje que no exercício de 2019, terminado a 30 de Setembro, teve uma queda do lucro líquido em 2,5%, nomeadamente pela queda da receita unitária (por lugar voado um quilómetro), que baixou 2,2%.

easyJet atribui crescimento das vendas corporate ao foco B2B

19-11-2019 (15h36)

A low cost easyJet, que se 'converteu' aos GDS para ganhar a colaboração das agências de viagens para crescer no mercado das viagens empresariais, indicou hoje que em 2019 teve um crescimento em 11% nesse mercado, acrescentando que foi proporcionado pelo foco nas vendas B2B a promover os seus produtos Flexi Fare e Inclusive.

easyJet Holidays arranca antes do Natal no Reino Unido

19-11-2019 (15h22)

A low cost easyJet anunciou hoje que a sua nova operadora turística, a easyJet Holidays, inicia a actividade antes do Natal no Reino Unido, com um público potencial que estima em 19,5 milhões de viajantes.

Thomas Cook Alemanha cancela todas as viagens para 2020

13-11-2019 (09h27)

A filial alemã do falido grupo Thomas Cook cancelou todas as reservas para viagens a partir de 1 de Janeiro de 2020.

Noticias mais lidas