Tarifas mais baratas para rotas europeias da Lufthansa passam a estar disponíveis apenas em NDC

10-01-2019 (14h17)

Imagem: Lufthansa
Imagem: Lufthansa

O Grupo Lufthansa anunciou que a partir de 5 de Fevereiro as suas tarifas mais baratas para as suas rotas europeias vão passar a estar disponíveis apenas para reservas através de ligações NDC API, da plataforma SPRK e dos websites da Lufthansa, Swiss e Austrian Airlines.

“O nosso objectivo é preparar o caminho para uma paisagem de distribuição mais poderosa, inovadora e economicamente mais eficiente”, disse Patrick Borg Hedley, general manager do Grupo Lufthansa para Portugal, citado num comunicado.

Nessa nota, o grupo sublinha que as agências de viagens interessadas em usar a SPRK, que é plataforma online da NDC (New Distribution Capability), podem registar-se preenchendo um formulário online disponível no portal do NDC Partner Program da Lufthansa.

A nova política do grupo alemão já originou uma queixa junto da Comissão Europeia, feita pela ETTSA, associação que congrega sistemas globais de reservas (GDS) e agências de viagens online (OTAs), incluindo Amadeus, Travelport, Sabre, Expedia, eDreams, Odigeo, Opodo e outros.

Em finais de Dezembro, a ETTSA apresentou uma queixa contra o Grupo Lufthansa, acusando o grupo de "práticas discriminatórias" contra distribuidores independentes de passagens aéreas.

A queixa alega que a Lufthansa está "a alavancar a sua posição dominante" para se recusar a fornecer as suas tarifas mais baratas através dos sistemas globais de distribuição (GDS), o que significa que a maioria das agências de viagens não consegue aceder, a menos que usem os canais da companhia aérea (clique para ler: ETTSA apresenta queixa contra Lufthansa por impedir acesso a tarifas mais baratas a todas as agências de viagens).

 

Clique para ver mais: Lufthansa

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Gastos turísticos dos portugueses concentram-se mais em destinos da Europa

25-06-2019 (15h50)

Os destinos europeus concentraram 82,6% do total de gastos dos portugueses em viagens e turismo no estrangeiro no primeiro quadrimestre, mais um ponto percentual que no período homólogo de 2018, nomeadamente pelos aumentos em Espanha, Reino Unido e Bélgica.

Turistas dos Estados Unidos foram os que mais aumentaram os gastos em Portugal no primeiro quadrimestre

25-06-2019 (15h16)

Portugal teve no primeiro quadrimestre um aumento de 58,20 milhões de euros de gastos de turistas residentes nos Estados Unidos, que assim foram os que tiveram o maior contributo para o aumento das exportações portuguesas de turismo neste período.

Britânicos ‘desmentem’ receios sobre impacto para o turismo português do impasse com o Brexit

25-06-2019 (15h14)

Mesmo com o impasse quanto à concretização da saída do Reino Unido da União Europeia, os turistas britânicos mantêm-se não só os que mais contribuem para as receitas turísticas portuguesas como foram os europeus que mais contribuíram para o aumento no primeiro quadrimestre.

Level do IAG vai voar de Amesterdão para Lisboa em concorrência com TAP, KLM, Transavia, easyJet e Vueling

24-06-2019 (11h41)

A Level, companhia criada pelo IAG alegadamente para concorrer no mercado de baixas tarifas e que começou por se centrar em voos de Longo curso à partida de Barcelona, já está a voar entre Lisboa e Amesterdão em Airbus A321 da Anisec.

TAP inicia rotas de Tenerife e Nápoles e passa a ter 201 voos/semana para Espanha e cem para Itália

18-06-2019 (13h29)

A TAP já inaugurou as suas novas rotas de médio curso à partida de Lisboa, Tenerife, nas Canárias, Espanha, e Nápoles, em Itália, ambas com voos diários respectivamente desde 61 euros por ida e desde 65 euros por ida, segundo informação da companhia que realça que passa a ter 11 rotas para Espanha e seis para Itália.

Ultimas Noticias

Noticias mais lidas