Ryanair acelera crescimento em Maio e soma mais um milhão de passageiros

05-06-2019 (10h49)

Foto: Ryanair
Foto: Ryanair

A Ryanair, que é a maior low cost em Portugal, indicou hoje que em Maio teve 13,5 milhões de passageiros, que é mais um milhão do que indicara para Maio de 2018 (+8%), e, assim, está com um aumento de 3,6 milhões (+6,8%) nos primeiros cinco meses deste ano, nos quais atinge um total de 56,3 milhões.

O grupo Ryanair, incluindo a austríaca Lauda, que só começou a consolidar em Agosto de 2018 e que nos primeiros cinco meses deste ano soma 2,1 milhões de passageiros, por sua vez, está com 58,4 milhões de passageiros, mais 5,7 milhões (+10,8%) que a Ryanair tinha no período homólogo de 2018, ainda sem a austríaca.

A informação da Ryanair assinala ainda que as suas companhia realizaram 78 mil voos regulares no mês de Maio, mais três mil em Abril, e indica que vendeu em média 96% dos lugares que teve disponíveis, com 96% na companhia Ryanair e 94% na Lauda.

A Ryanair informou ainda que nos 12 meses entre Junho de 2018 e Maio deste ano mantém também a percentagem de 96% de lugares vendidos e especifica que neste período soma 144,9 milhões de passageiros, +10% ou mais 12,8 milhões que nos 12 meses de Junho de 2017 a Maio de 2018.

 

Clique para mais notícias: Ryanair

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Thomas Cook Alemanha cancela todas as viagens para 2020

13-11-2019 (09h27)

A filial alemã do falido grupo Thomas Cook cancelou todas as reservas para viagens a partir de 1 de Janeiro de 2020.

DER Touristik quer ficar com agências Holiday Land e hotéis Sentido do grupo Thomas Cook

13-11-2019 (08h56)

A DER Touristik anunciou que chegou a acordo para comprar a rede de agências de viagens Holiday Land, incluindo os contratos de franquia, e que pretende adquirir a rede de hotéis Sentido, subsidiárias do falido grupo Thomas Cook.

Nove países da UE querem aumentar impostos sobre as companhias aéreas

12-11-2019 (15h06)

Nove países da União Europeia juntaram-se para exigir uma aviação mais limpa na Europa, um dos meios de transporte mais poluentes que consideram que está a ser taxado abaixo do que devia.

UE aceita adiamento “flexível” do Brexit até 31 de janeiro

28-10-2019 (12h06)

Os 27 Estados-membros da União Europeia concordaram hoje com um novo adiamento do Brexit até 31 de janeiro, oferecendo, contudo, ao Reino Unido a possibilidade de abandonar a União mais cedo se o parlamento ratificar o Acordo de Saída.

Alemanha provoca Setembro ‘no vermelho’ na hotelaria espanhola

24-10-2019 (16h12)

A hotelaria espanhola teve em Setembro a segunda quebra de dormidas este ano, com um decréscimo em 0,6%, provocado principalmente pela quebra do mercado alemão.

Noticias mais lidas