Primera Air declara falência e cessa todos os voos

02-10-2018 (13h30)

Imagem: Primera Air
Imagem: Primera Air

A companhia de aviação islandesa Primera Air, que ligava os países nórdicos a destinos turísticos da Europa, incluindo Portugal, informou hoje que deixou de operar à meia-noite de segunda-feira, depois de declarar falência.


“A companhia trabalhou nos últimos meses sem descanso para conseguir financiamento a longo prazo. Perante a incapacidade de chegar a um acordo com o nosso banco para um financiamento ponte, não temos outra opção senão pedir a falência”, diz um comunicado da low cost.

A Primera Air atribui a deterioração da sua situação financeira a “vários acontecimentos infelizes e imprevistos nos últimos dois anos, nomeadamente a perda de um avião causada por problemas de corrosão e por atrasos na entrega da nova frota de Airbus 321neo”.

A Primera Air tem a sua origem na companhia islandesa Jet X, fundada em 2003 e que foi comprada cinco anos depois pelo Primera Travel Group, também islandês.

Com sedes em Copenhaga e em Riga, a Primera Air ligava o Norte da Europa a 40 destinos, nomeadamente a Lisboa e a Faro, e havia anunciado que tinha planos para voar de diversos mercados da Europa para os Estados Unidos.

Analistas destacaram que é sempre estranho que uma companhia aérea declare falência no fim da época alta em que alegadamente terá ‘os cofres cheios’.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Primera Air

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Primeira-ministra britânica anuncia demissão devido a fracasso nas negociações do Brexit

24-05-2019 (16h32)

A primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciou hoje que vai demitir-se da liderança do partido Conservador, desencadeando uma eleição interna cujo vencedor vai assumir a chefia do governo.

Comissão Europeia adopta novas regras para impedir “uso indevido” de drones na UE

24-05-2019 (15h54)

A Comissão Europeia adoptou hoje novas regras para impedir o “uso indevido” de drones na União Europeia (UE), visando garantir a segurança dos cidadãos através do registo obrigatório dos operadores e da criação de zonas de exclusão destes aparelhos.

Greve de controladores cancela dezenas de voos no aeroporto de Bruxelas

16-05-2019 (17h31)

Cerca de 60 voos foram cancelados hoje no aeroporto internacional de Bruxelas devido à greve surpresa de controladores aéreos belgas, que também está a afectar o aeroporto de Charleroi, a Sul da capital.

Norwegian Air Shuttle contrata euroAtlantic para voar em cinco rotas à partida de Oslo

16-05-2019 (14h34)

A low cost Norwegian Air Shuttle, do grupo considerado líder europeu em voos low cost de longo curso, contratou à euroAtlantic, de Tomaz Metello, seu presidente, a realização de voos em cinco rotas intra-europeias à partida de Oslo.

Empresas de alojamento local juntam-se para criar marca europeia

15-05-2019 (14h18)

A portuguesa RentExperience, a italiana Hintown, a escocesa BnbBuddy e a inglesa The London Residents Club juntaram-se para criar uma nova empresa de alojamento local, a Altido, com 1.700 propriedades em 21 cidades europeias.

Noticias mais lidas