British Airways multada em 204 milhões por roubo de dados de 380 mil cartões de pagamento

08-07-2019 (12h41)

Foto: Aeroporto de Londres Heathrow
Foto: Aeroporto de Londres Heathrow

A British Airways anunciou hoje ter sido multada em 204 milhões de euros pela agência britânica para a protecção de dados pessoais (ICO), na sequência do roubo de dados de centenas milhares de clientes da transportadora no ano passado.

“Estamos surpresos e desapontados” afirmou o CEO da British Airways, Alex Cruz, citado em comunicado.

“A British Airways respondeu rapidamente ao acto criminoso do roubo dos dados de clientes e não encontrou evidências de actividade fraudulenta nas contas afectadas por esse roubo”, argumentou o executivo.

O CEO do IAG, grupo a que pertence a British Airways, Willie Walsh, já anunciou a intenção de recorrer desta multa.

A British Airways tem 28 dias para rebater a multa que equivale a 1,5% da facturação da empresa mundial no exercício encerrado em 31 de Dezembro de 2017.

Entre 21 de Agosto e 5 de Setembro mais de 380 mil pagamentos à British Airways efectuados com cartão electrónico foram alvo de um “sofisticado” acto de pirataria informática.

Segundo a companhia de aviação os pagamentos afectados foram efectuados através da página da internet e da aplicação móvel da British Airways.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: British Airways

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

easyJet contrata director de operações da Ryanair

19-07-2019 (13h25)

A easyJet contratou o director de operações da Ryanair, Peter Bellew, que vai desempenhar as mesmas funções e integrar o Conselho de Administração, reportando ao presidente executivo, Johan Lundgren.

APAVT apresenta queixa contra a TAP por uso abusivo de dados de passageiros

18-07-2019 (10h40)

A APAVT formalizou junto da IATA, associação internacional de companhias de aviação, uma queixa contra a TAP por alegada utilização abusiva dos contactos dos passageiros que os agentes de viagens são obrigados a fornecer, noticiou hoje o jornal espanhol "Nexotur".

Ryanair fecha bases aeroportuárias devido atrasos nas entregas de Boieng 737

16-07-2019 (09h11)

A Ryanair anunciou hoje que vai encerrar bases aeroportuárias no Inverno e Verão de 2020 devido aos atrasos nas entregas dos aparelhos Boeing 737 MAX, modelo afectado por dois acidentes.

IAG é o grupo europeu de aviação que mais está a crescer este ano

12-07-2019 (17h18)

O IAG, do qual fazem parte as companhias de aviação British Airways, Iberia, Aer Lingus, Vueling e Level, foi o grupo europeu com maiores aumentos de tráfego medido em RPK e de passageiros no primeiro semestre, sem destronar no entanto Air France KLM em RPK e Lufthansa em número de passageiros.

Aeroportos portugueses lideram na Vinci em número de passageiros e crescimento

12-07-2019 (16h29)

Portugal manteve-se o primeiro mercado da multinacional francesa Vinci Airports no primeiro semestre, com 27,46 milhões de passageiros nos aeroportos sob sua gestão, os quais foram, também os que tiveram o maior aumento de passageiros, com mais 1,84 milhões que há um ano (+7,2%).

Noticias mais lidas