Brexit: “tudo será criado” para que britânicos possam visitar Portugal como no presente

13-03-2019 (23h29)

"Tudo será criado para que os turistas do Reino Unido não sintam, apesar da saída do Reino Unido da União Europeia, qualquer alteração na experiência que tenham em Portugal", disse o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira.

"Vamos acolher os turistas sem necessidade de vistos de entrada, vamos manter canais abertos nos aeroportos para que possam seguir sem interrupções, vamos manter o acesso aos canais eletrónicos de passaportes também disponíveis para os turistas que venham apenas para Portugal, vamos continuar a proporcionar o acesso ao Serviço Nacional de Saúde e ao transporte de animais de companhia”, afirmou Pedro Siza Vieria, que falava esta quarta-feira aos jornalistas na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), antes da votação em que os deputados britânicos rejeitaram qualquer possibilidade de saída da União Europeia sem acordo.

“Queremos que se sintam ainda mais bem acolhidos e queremos que percebam que Portugal é dentro da Europa o destino mais amigável", reforçou o ministro.

“As alterações das circunstâncias podem ter algum impacto” no número de turistas britânicos que nos visitam, mas “o esforço de promoção e a simplificação administrativa visam mitigar esse impacto”, frisou Pedro Siza Vieira.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Ver também:

Portugal lança campanha de promoção turística no Reino Unido na próxima semana

Ministro da Economia destaca aumento de passageiros britânicos nos aeroportos portugueses

 

 

 

Clique para ver mais: Portugal

Clique para ver mais: BTL

 

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Tráfego aéreo de/para Portugal cresce acima da média da UE no 1º semestre

21-08-2019 (15h29)

Portugal foi um dos países cujos aeroportos tiveram aumentos de passageiros no primeiro semestre “bem acima da média da União Europeia”, informou o ACI Europe, associação que conta com mais de 500 aeroportos em 45 países europeus, que em 2018 somaram mais de 2,3 mil milhões de passageiros.

Norwegian Air suspende seis rotas entre Irlanda e América do Norte

16-08-2019 (10h22)

A Norwegian Air, considerada pioneira dos voos transatlânticos low cost, anunciou o cancelamento de seis rotas entre a Irlanda e a América do Norte, justificando a decisão com a suspensão de voos em Boeing 737 MAX, modelo afectado por dois acidentes fatais.

Aigle Azur quer vender operação para Portugal à low cost espanhola Vueling

12-08-2019 (14h39)

A companhia francesa Aigle Azur, que tem como accionistas maioritários o grupo chinês HNA e o accionista de referência da TAP e da Azul, David Neeleman, procura vender a sua operação em Orly para Porto, Faro e Funchal como forma de obter liquidez para se manter a voar, segundo a imprensa francesa.

Associação de pilotos europeus critica Ryanair por segundo Verão consecutivo de instabilidade laboral

09-08-2019 (12h41)

A Associação Europeia de Cockpit (ECA), que representa 40 mil pilotos europeus, criticou hoje a instabilidade laboral na companhia aérea Ryanair, situação que se repete pelo segundo Verão consecutivo e “pelos mesmos motivos”.

Ryanair enfrenta greves também no Reino Unido e Espanha

08-08-2019 (16h42)

A low cost Ryanair, cujos tripulantes de cabina em Portugal têm marcada greve este mês, de dia 21 a dia 25, terá quase em simultâneo uma greve de pilotos no Reino Unido e também já tem ameaças de greves de tripulantes de cabina em Espanha.

Noticias mais lidas