Aeroporto de Lisboa volta ao Top5 de crescimento dos aeroportos europeus

23-01-2018 (12h20)

O Aeroporto de Lisboa manteve ainda em Novembro um dos melhores desempenhos de toda a Europa, atingindo o Top5 de crescimento elaborado pela ACI Europa, associação dos aeroportos europeus.

Segundo o ACI, que elabora os Top5 de crescimento por variação relativa e dimensão dos aeroportos, Lisboa, com um aumento de passageiros em 17,3%, teve em Novembro o 3º crescimento mais forte do grupo 2, dos aeroportos com dez milhões a 25 milhões de passageiros por ano.

O nº 1 do grupo foi Ancara, com +32%, seguido por Telavive, com +17,4%, e, depois de Lisboa, Budapeste, com +16,9%, e Praga, com +15,1%.

O desempenho do Aeroporto de Lisboa contrasta com o anúncio do esgotamento de capacidade e alimenta a percepção de que teria condições para crescer ainda mais caso não tivesse problemas de gestão da capacidade.

A informação divulgada pelo ACI Europa acerca do desempenho dos aeroportos europeus em Novembro indica que o aumento médio de passageiros foi de 7,9%, “quase exactamente o mesmo ritmo que em Outubro (7,8%)”, com +7,3% nos aeroportos do Grupo 1, dos que têm mais de 25 milhões de passageiros por ano, +6,9% no Grupo 2, onde inclui Lisboa, +9,5% no Grupo 3, dos que têm entre cinco milhões e dez milhões de passageiros por ano, onde inclui o Porto (+10,8%) e Faro (+0,6%), e +10,5% no Grupo 4, do que têm menos de cinco milhões de passageiros por ano, onde inclui Funchal (+6%) e Ponta Delgada (+3,2%).

Lisboa, com 2,02 milhões de passageiros, foi o 20º maior aeroporto europeu em Novembro e 2º maior do Grupo 2, atrás apenas de Estocolmo, o Porto, com 769,9 mil foi o 50º da Europa e 1º do Grupo 3, Faro, com 293,3 mil, foi 101º, o Funchal, com 219,8 mil, foi 112º, e Ponta Delgada, com 104,2 mil, foi 147º.

Londres Heathrow manteve-se o aeroporto nº1 na Europa, com 5,92 milhões de passageiros, seguido por Amesterdão Schiphol, com 5,18 milhões, Paris Charles de Gaulle, com 5,15 milhões, Istambul Ataturk, com 5,089 milhões, e Frankfurt, com cinco milhões.

Depois estiveram Madrid Barajas, com 4,19 milhões, Munique, com 3,33 milhões, Barcelona, com 3,19 milhões, Moscovo Sheremetyevo, com 3,12 milhões, e Londres Gatwick, com 2,89 milhões.

Entre os grandes aeroportos (Grupo 1), o que teve o crescimento mais forte em Novembro foi Frankfurt, com +21,1%, seguido por Palma de Maiorcva, com +16,4%, Moscovo Sheremetyevo, com +16,4%, Istambul Ataturk, com +15%, e Istambul Sabiha Gokçen, com +10,7%.

No Grupo de Porto e Faro, Nápoles liderou em taxa d crescimento, com +49,8%, seguido por Heraklion, com +47,2%, Valência, com +26,1%, Palermo, com +25,5%, e Keflavik, com +19,8%.

No grupo dos mais pequenos aeroportos europeus, entre os quais Funchal e Ponta Delgada, os crescimentos mais fortes ocorreram em Grenoble, com +144,7%, Varna, com +89,7%, Kos, com +72,8%, Batumi, com +69,4%, e Craiova, com +54,8%.

A informação por países indica que o aumento médio de passageiros nos aeroportos portugueses incluídos nas estatísticas da ACI foi de 12,9%, que compara com aumentos médios em 6,8% em aeroportos de países da União Europeia e 11,6% em países terceiros.

 

Clique para mais notícias: Aeroportos europeus

Clique para mais notícias: Aeroportos portugueses

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Parques Reunidos compra maior parque aquático coberto do mundo por 226 milhões de euros

12-12-2018 (16h44)

O grupo espanhol Parques Reunidos assinou um acordo com a Tanjong para comprar o maior parque aquático coberto do mundo, o Tropical Islands, localizado na Alemanha, por 226 milhões de euros.

Ryanair ‘folga’ no dia de Natal

12-12-2018 (16h04)

A low cost Ryanair indicou hoje que não terá voos entre as 17h55 da véspera de Natal, hora a que prevê a última aterragem, e o dia 26, salientando que o 25 de Dezembro é “o único dia do ano em que a Ryanair não opera”.

Grupo Lufthansa transportou até Novembro mais passageiros que em todo o ano de 2017

11-12-2018 (16h46)

As companhias do grupo Lufthansa transportaram 132,4 milhões de passageiros nos primeiros onze meses deste ano, já tendo ultrapassado assim o total do ano de 2017, porque ultrapassou em muito o total do ano passado na Eurowings, incluindo Brussels.

TAP deixa rota Lisboa – Bucareste a partir de 27 de Janeiro

11-12-2018 (10h56)

A TAP, que retomou a rota Lisboa – Bucareste em Julho de 2017, depois de a ter interrompido em Março de 2016, vai voltar a deixar de voar entre as capitais de Portugal e Roménia a partir de 27 de Janeiro.

Governo britânico adia voto ao acordo do Brexit perante risco de rejeição por “grande margem”

10-12-2018 (17h06)

O governo britânico adiou a votação do acordo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE), anunciou hoje a primeira-ministra britânica, Theresa May, admitindo que seria rejeitado por uma "grande margem".