Aeroporto de Lisboa continua a crescer a dois dígitos e alcança Top5 dos maiores aeroportos europeus

12-03-2018 (16h36)

Até em número de movimentos está entre os que mais crescem na Europa

O Aeroporto de Lisboa, ‘promovido’ este ano ao Grupo 1 do ACI, atingiu na sua estreia o Top5 do crescimento dos 24 maiores aeroportos europeus e de novo com aumentos de passageiros e de movimentos (descolagens e aterragens) que desafiam a afirmação de que está com a capacidade esgotada.

Os dados do mês de Janeiro publicados pelo Airports Council International (ACI) Europa posicionam o Aeroporto de Lisboa como o 9º entre 241 em aumento de passageiros em valor absoluto, com mais cerca de 253 mil, e o 6º em aumento do número de movimentos, com mais cerca de 1,8 mil.

O Aeroporto de Lisboa entrou em Janeiro para o Grupo 1 do ACI Europa, na sequência de em 2017 ter passado a fazer parte dos aeroportos europeus que anualmente somam mais de 25 milhões de passageiros.

E logo no mês de estreia o Aeroporto entrou para o Top5 de crescimento desse grupo, que o ACI elabora com base nas variações percentuais, na 3ª posição, com um aumento em 15,2% que compara com um aumento médio no grupo em 6,8%.

Melhor é ainda a posição de Lisboa quando se calcula o crescimento em relação a Janeiro de 2016, que atinge 40,1% e é o mais forte entre os aeroportos do Grupo 1.

Os dados do ACI mostram também que o crescimento do Aeroporto de Lisboa se está a fazer também com aumento do número de movimentos, que alegadamente estariam no limite.

Segundo o ACI, em Janeiro o Aeroporto Humberto Delgado somou 15.847 aterragens e descolagens, com um aumento em 12,7%, que até foi mais forte do que o verificado em Janeiro de 2017, no qual a subida foi em 11,3%.

Em valor absoluto, o Aeroporto de Lisboa somou, assim, mais quase 1,8 movimento que no mês homólogo de 2017, o que foi o 6º maior aumento em valor absoluto do primeiro mês deste ano na Europa, até ligeiramente acima do maior aeroporto espanhol, Madrid.

Em Portugal, o aumento de movimentos em Lisboa só foi acompanhado pelo Porto, mas com uma subida que é cerca de metade, em 6,2%, ainda assim fortemente melhor que nos restantes, que tiveram quedas, de 7,3% no Funchal, de 5,9% em Faro e de 2,5% em Ponta Delgado.

Os decréscimos do número de movimentos não significam necessariamente quedas do número de passageiros, e foi o que aconteceu com os aeroportos portugueses em Janeiro, pois só Faro teve queda do número de passageiros, e de apenas 0,7%, para 217 mil.

Ainda assim, foi suficiente para ser ultrapassado pelo Funchal, que teve um aumento 4%, para 221,5 mil.

O aumento mais forte do mês em Portugal depois do ocorrido em Lisboa teve lugar no Porto, com uma subida em 10%, para 761,8 mil, seguida pelo aumento em 5,6% em Ponta Delgada, para 99,3 mil.

Ainda assim, no ranking do ACI apenas Lisboa e o Porto subiram este Janeiro.

Lisboa, 24º maior aeroporto europeu em Janeiro de 2016 subiu para 18º este ano, depois de 22º em Janeiro de 2017.

O Porto, 54º em Janeiro de 2016 subiu para 50º no primeiro mês de 2017 e 48 em Janeiro deste ano.

O Funchal foi 104º este Janeiro, quando tinha sido 102º há um ano e 103 há dois anos.

Faro, que subiu de 105º a 99º de Janeiro de 2016 par 2017, este ano caiu para 106º e Ponta Delgada que tinha 136º em Janeiro de 2016 e de 2017, este ano baixou para 139º.

Ainda assim, os cinco maiores aeroportos portugueses tiveram um aumento médio de passageiros em 11,6% no primeiro mês deste ano, acima do aumento médio na Europa, que foi de 7,4%, e, sobretudo, nos aeroportos dos países da União Europeia, nos quais o aumento foi em 5,2%.

 

Continua:

Aeroportos de Istambul lideram crescimento na Europa no primeiro mês deste ano

 

Clique para mais notícias: Aeroportos europeus

Clique para mais notícias: Aeroportos portugueses

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Aigle Azur lança nova rota Marselha – Moscovo a partir de Abril

15-01-2019 (15h43)

A Aigle Azur, companhia de aviação francesa maioritariamente detida pelo grupo chinês HNA e por David Neeleman, também accionistas de referência da TAP, vai voar entre Marselha e Moscovo Domodedovo a partir de 31 de Março.

Finnair vai voar de Helsínquia para Sapporo e Punta Cana

15-01-2019 (15h09)

A Finnair, que voa para Lisboa e tem programado voar também para o Porto no próximo Verão a partir de Helsínquia, vai inaugurar em Dezembro duas novas rotas de e para a capital finlandesa, nomeadamente Sapporo e Punta Cana.

TAP vai voar do Porto para Bruxelas, Munique e Lyon

15-01-2019 (12h40)

A TAP anunciou hoje três novas rotas de e para o Porto, designadamente Bruxelas, com dois voos por dia a partir de 1 de Julho, e Lyon e Munique, ambos os destinos com um voo por dia a partir de 1 de Setembro.

Edimburgo planeia introduzir taxa turística

14-01-2019 (17h14)

A cidade de Edimburgo, na Escócia, está a planear introduzir uma taxa turística de duas libras, cerca de 2,24 euros, por quarto e por noite, até um máximo de sete noites.

Greve do pessoal de segurança em aeroportos alemães convocada para amanhã

14-01-2019 (11h25)

O sindicato alemão Verdi convocou o pessoal de segurança dos aeroportos de Frankfurt, Munique, Hanover, Bremen, Hamburgo e outros aeroportos regionais para uma greve esta terça-feira, dia 15 de Janeiro.