Portugal foi o emissor com maior aumento de dormidas na hotelaria espanhola em Setembro

24-10-2018 (16h24)

Barcelona
Barcelona

A hotelaria espanhola teve mais quase 60 mil dormidas de turistas portugueses este Setembro, no que foi o maior aumento de todos os principais emissores, tanto mais quanto se tratou do que quarto mês consecutivo que os estabelecimentos hoteleiros espanhóis tiveram queda das pernoitas de turistas estrangeiros.

Dados do INE espanhol recolhidos pelo PressTUR mostraram que apenas da parte da Irlanda a hotelaria espanhola teve um aumento de dormidas próximo do que ocorreu com os residentes em Portugal, com mais 54,8 mil (+11,4%, para 535,4 mil), seguindo-se França, com mais 44 mil (+2,4%, para 1,84 milhões).

O crescimento das dormidas do mercado português na hotelaria espanhola em Setembro foi em 12,9%, atingindo um total de 524,8 mil, por aumento do número de hóspedes em 11,2% ou 17,2 mil, para 171,1 mil, e subida da estada média em 1,6%, para 3,1 noites.

No conjunto dos primeiros nove meses do ano, Portugal tem também um dos maiores aumentos de dormidas, com mais 198,6 mil (+6,1%, para 3,428 milhões), aquém apenas dos aumentos das dormidas de residentes em França, com mais 666,2 mil (+4,6%, para 15,1 milhões), Irlanda, com mais 360,5 mil (+11%, para 3,65 milhões), e Polónia, com mais 252,7 mil (+6,7%, para 4,02 milhões).

O crescimento do mercado português, de acordo com os dados consultados pelo PressTUR, decorre de um aumento do número de turistas portugueses alojados na hotelaria espanhola entre Janeiro e Setembro deste ano em 4,8% ou 56,5 mil, para 1,225 milhões, bem como uma subida da sua estada média em 1,2%, para 2,8 noites.

Nestes nove meses a hotelaria espanhola teve um total de 83,06 milhões de hóspedes que permaneceram em média 3,3 noites, gerando assim um total de 274,248 milhões de dormidas.

Relativamente ao período homólogo de 2017, este ano a hotelaria espanhola tem um aumento do número de turistas alojados em 0,7% ou 591,9 mil, mas pela queda da estada média em 1,3% tem menos 1,68 milhões de dormidas (-06%).

Esta queda deve-se ao decréscimo em 1,1% ou 1,97 milhões de pernoitas de turistas estrangeiros, para 181,09 milhões, apesar de um aumento do número de turistas alojados em 0,5% ou 213,3 mil, pela queda da estada média em 1,6%, para 4,2 noites.

Do mercado doméstico, a hotelaria espanhola contabiliza mais 378,5 mil hóspedes (+1%, para 39,7 milhões) e mais 286 mil dormidas (+0,3%, para 93,15 milhões), embora a estada média tenha descido 0,6%, para 2,3 noites.

 

Para ler mais clique:

RevPAR dos hotéis de topo de gama espanhóis cai há seis meses consecutivos

Alemães provocam queda de dormidas de turistas estrangeiros na hotelaria espanhola este Verão

 

Clique para mais notícias: Hotelaria espanhola

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Espanha

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

CEAV e APAVT promovem encontro entre agentes de viagens portugueses e fornecedores

18-03-2019 (17h27)

A associações de agências de viagens de Espanha e Portugal, CEAV e APAVT, que no ano passado criaram uma aliança ibérica, vão promover no dia 27 de Março um encontro entre agentes de viagens portugueses e diversos fornecedores.

Voos entre Espanha e Portugal estão com +11,9% de passageiros apesar de decréscimo na TAP

13-03-2019 (10h52)

Os voos entre Espanha e Portugal transportaram 702,8 mil passageiros nos primeiros dois meses deste ano, traduzindo um aumento em 11,9% ou quase 75 mil em relação ao período homólogo de 2018, ainda que em TAP, que é a companhia com mais ligações, se tenha registado uma queda em 1,8%.

Aeroporto do Porto capta 80% do aumento de passageiros em voos de/para Espanha

13-03-2019 (10h48)

Cerca de 80% dos mais 75 mil passageiros que voaram entre Portugal e Espanha nos primeiros dois meses deste ano fizeram-no em voos de/para o Aeroporto do Porto, que teve um aumento do tráfego nessas ligações em 34% ou 60,5 mil, de acordo com dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, consultados pelo PressTUR.

Aeroportos espanhóis têm aumento de dois milhões de passageiros no primeiro bimestre

12-03-2019 (17h15)

Os aeroportos espanhóis alcançaram um total de 32,84 milhões de passageiros nos primeiros dois meses deste ano, com um aumento em 6,7% ou 2,06 milhões em relação ao período homólogo de 2018.

Iberia mantém-se este ano a companhia que mais faz crescer o IAG

07-03-2019 (17h09)

A espanhola Iberia é a companhia de aviação que também este ano mais está a contribuir para o crescimento do tráfego em RPK do grupo de que faz parte juntamente com a British Airways, a Vueling, a Aer Lingus e a Level, o IAG, registando um crescimento que equivale a 38,6% do total do grupo no primeiro bimestre.