Mosteiro de Veruela será o 98º Parador de Turismo de Espanha

19-10-2018 (18h08)

Os Paradores de Turismo, em conjunto com as Cidades Património da Humanidade de Espanha, fizeram uma apresentação no Palácio de Palhavã, em Lisboa, com a presença da Embaixadora de Espanha em Portugal, Marta Betanzos, durante a qual foi anunciado que o Parador de Veruela vai ser inaugurado em 2019.

O Parador de Veruela vai ocupar parte do Mosteiro de Santa Maria de Veruela, próximo de Saragoça, aquando da sua inauguração em 2019, adiantou o director de vendas Juan José González Álvarez no decorrer da apresentação.

Esta nova unidade hoteleira perto de Saragoça foi onde o poeta Gustavo Adolfo Bécquer escreveu "Cartas Desde mi Celda", acrescentou o director.

Actualmente, a rede de Paradores conta com 97 unidades, em edifícios históricos, em centros históricos de cidades espanholas ou inseridas em ambiente natural. Esta rede dispõe de uma unidade em Portugal, a Casa da Ínsua, num edifício barroco do século XVIII em Penalva do Castelo, perto de Viseu.

A rede conta com mais de 5.800 quartos, dois campos de golfe (nas regiões de Valência e Málaga), e mais de 100 restaurantes.

Os edifícios e as infraestruturas encontram-se em constante remodelação, afirmou o director ao PressTUR, e já contam com Spas completos em nove unidades e 25 oferecem acesso excepcional a pessoas com mobilidade reduzida.

Para os hóspedes que têm dificuldade em separar-se dos seus companheiros de quatro patas, esta rede dispõe de 13 unidades que, mediante o pagamento de um suplemento com o preço inicial de 15 euros, permitem animais de estimação.

Para grupos e para o mercado corporativo, os restaurantes da rede oferecem menus de grupo com preços entre os 27 e os 30 euros (para um mínimo de 20 participantes), enquanto que os hotéis disponibilizam-se a personalizar os seus espaços para eventos de acordo com as necessidades dos clientes.

Esta rede tem unidades hoteleiras em cidades declaradas Património Mundial pela UNESCO como Cuenca, Mérida, Santiago de Compostela, Segóvia e Úbeda.

Ángel Mariscal, vice-presidente do Grupo de Cidades Património da Humanidade de Espanha, que engloba 15 cidades espanholas consideradas Património Mundial da Humanidade pela UNESCO, também marcou presença na apresentação.

Esta associação é constituída pelas cidades de Alcalá de Henares, Ávila, Baeza, Cáceres, Córdoba, Cuenca, Ibiza, Mérida, Salamanca, San Cristóbal de La Laguna, Santiago de Compostela, Segóvia, Tarragona, Toledo e Úbeda.

O vice-presidente salientou a importância de Espanha para o turista português, afirmando que este país é o destino mais visitado pelos portugueses.

Em 2017, Espanha recebeu 2.129.000 turistas portugueses (que pernoitaram pelo menos uma noite), o que significa um aumento em 6,7% ou de 132,8 mil, em relação a 2016.

Nos primeiros oito meses deste ano de 2018, Espanha recebeu 1.612.253 , o que significa um aumento de 7,75% em relação ao período homólogo de 2017.

Mariscal destacou eventos a decorrer em cidades da associação, como o Foro Cuenca, nos dias 15 e 16 de Novembro, o Ano Europeu do Património Cultural de 2018, e os 25 anos da associação.

A apresentação foi aberta e encerrada pela embaixadora de Espanha em Portugal, que destacou que a Espanha é o 3º país com mais locais considerados Património Mundial (47), apenas atrás da Itália e da China.

Ver também:
Espanha é o destino que mais ganha com o aumento de gastos turísticos dos portugueses


Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Espanha

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Air Europa vai passar a propor ligações com a Costa Rica, Nicarágua, El Salvador e Guatemala, via Panamá

17-04-2019 (15h56)

A Air Europa, companhia de aviação do grupo espanhol Globalia, que em Portugal tem voos de/para Lisboa e Porto, anunciou a inclusão da Costa Rica, Nicarágua, El Salvador e Guatemala na sua lista de destinos, via Cidade do Panamá, com a companhia Copa.

Greve de pilotos da Air Nostrum desconvocada

16-04-2019 (14h32)

A greve de pilotos da companhia de aviação espanhola Air Nostrum iniciada esta segunda-feira foi desconvocada, tendo o sindicato e a empresa chegado a um acordo.

“Springwater Portugal passa a designar-se Wamos Portugal”, oficial

16-04-2019 (12h32)

A antiga Espírito Santo Viagens, posteriormente designada Springwater Portugal, confirmou hoje que passou a designar-se Wamos Portugal, como o PressTUR adiantou na passada sexta-feira.

Greve de pilotos da Air Nostrum cancela 148 voos nos primeiros três dias

15-04-2019 (12h20)

Os pilotos da Air Nostrum, que opera voos regionais da Iberia, começaram hoje uma greve que irá cancelar 148 voos nos primeiros três dias, afectando cerca de dez mil passageiros, segundo prevê a transportadora.

Antiga Espírito Santo Viagens agora é Wamos Portugal

12-04-2019 (16h00)

A antiga holding do Grupo Espírito Santo para as actividades de agências de viagens e operador turístico, a Espírito Santo Viagens, adquirida pelo fundo suíço Springwater Capital na sequência do colapso do GES, passando a designar-se Springwater Tourism, agora passou a ser Wamos Portugal.