Hyatt prepara proposta de aquisição do NH Hotel Group

27-07-2018 (15h59)

Foto: NH Hotel Group
Foto: NH Hotel Group

A Hyatt Hotels apresentou uma proposta de compra não-vinculativa de 100% do grupo hoteleiro espanhol NH Hotel Group, por um valor que não revelou, mas que indicou ser superior à oferta pública de aquisição do grupo tailandês Minor International, proprietário da Tivoli Hotels & Resorts.

“A oferta pública anunciada recentemente subestima o valor intrínseco e económico da empresa”, afirmou Mark Hoplamazian, director executivo da Hyatt, na carta de intenções, reencaminhada pela NH à Comissão Nacional do Mercado de Valores espanhol, de acordo com a imprensa espanhola.

O objectivo da Hyatt com a carta de intenções é obter a cooperação da NH no sentido de receber informações privilegiadas para estudar e analisar o valor da empresa e apresentar uma oferta formal, o que prevê conseguir fazer em Agosto ou em Setembro.

Com a aquisição do NH Hotel Group, a Hyatt pretende criar um líder global no segmento dos hotéis de luxo, complementando a forte presença da NH na Europa com a sua rede internacional, somando em conjunto cerca de 260 mil quartos.

A Hyatt acrescenta que é sua intenção separar no grupo NH o negócio hoteleiro do negócio imobiliário.

A empresa norte-americana pede ainda aos accionistas da NH que respondam à proposta num prazo inferior a cinco dias, dado que pretende concretizar o negócio rapidamente.

A oferta da Minor International pelo NH Hotel Group, que ainda aguarda autorização, está avaliada em cerca de 2.400 milhões de euros, ou 6,4 euros por título.

O grupo tailandês, que tem actualmente uma participação de 29,9% no grupo NH, assinou esta quinta-feira com o fundo britânico Oceanwood um contrato de compra e venda de um pacote de 22 milhões de acções, avaliadas em 141,7 milhões de euros, que representa 5,7% do capital do grupo espanhol.

Através desta transacção, a participação da Minor na NH chegaria a 35,55%, o que somado à compra de 8,4% do capital do grupo espanhol que era detido pelo chineses da HNA no dia 5 de Junho, elevaria a participação da Minor para 44%.

A Minor tem previsto submeter a sua oferta pública de aquisição à aprovação dos seus accionistas no dia 9 de Agosto, mas um fonte da empresa disse à agência de notícias Europa Press que essa aprovação é apenas um “trâmite”, uma vez que os accionistas relevantes já confirmaram estar completamente a favor da operação.

Sobre a preparação de uma oferta por parte da Hyatt, a Minor disse que não vai fazer comentários sobre uma carta que não é vinculativa e declarou-se tranquila com a sua participação de 44%, que pretende ampliar para entre 51% e 55% (clique para ler: NH Hotels integra três executivos da Minor no Conselho de Administração e Minor (Tivoli) prepara chegar a accionista maioritário da espanhola NH Hoteles).

 

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Espanha

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

‘Rotas espanholas’ suspensas pela TAP tiveram quedas de passageiros em Julho e Agosto

09-10-2018 (15h10)

As três ‘rotas espanholas’ que a TAP vai suspender a partir de dia 28, início do chamado Inverno IATA, época baixa da aviação, Vigo, Corunha e Oviedo, segundo dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, tiveram crescimento do número de passageiros em 5,2% nos primeiros oito meses deste ano, mas com quebras em Julho e Agosto, últimos meses de que há dados.

Quebra da hotelaria espanhola já ultrapassa 1,5 milhões de dormidas

25-09-2018 (15h09)

A hotelaria espanhola teve em Agosto, tradicionalmente o mês de mais actividade, a terceira quebra de dormidas consecutiva provocada pelo decréscimo dos mercados internacionais.

Dormidas de portugueses na hotelaria espanhola ‘disparam’ 14% em Agosto

25-09-2018 (12h17)

Os portugueses foram os turistas com aumento mais forte das dormidas na hotelaria espanhola em Agosto, o principal mês de férias em Portugal, por aumentos simultaneamente do número de hóspedes e da estada média.

Barceló procura compradores para a Ávoris

17-09-2018 (13h41)

O Grupo Barceló está a procurar compradores para a Ávoris Reinventing Travel, a sua divisão de organização e comercialização de viagens, com marcas como B the travel brand, Jolidey ou Orbest, que avaliou em 350 milhões de euros.

eDreams Odigeo refinancia dívida de 425 milhões de euros

17-09-2018 (12h34)

O grupo eDreams Odigeo conseguiu refinanciar a sua dívida de 425 milhões de euros, com um acordo que “coloca a empresa numa posição muito mais forte, com maior flexibilidade”, de acordo com o seu director financeiro, David Elízaga.