Hotéis Accor na Península Ibérica tiveram aumento da RevPAR em 7,2% no 1º trimestre

20-04-2018 (10h50)

Grupo assinala recuperação no Brasil, à excepção do Rio de Janeiro

Os hotéis do grupo Accor na Península Ibérica tiveram um aumento da receita de quartos por quarto disponível (RevPAR) de 7,2%, que compara com um aumento médio na Europa de 4,6% e 5,3% a nível global.

A informação do grupo, um dos maiores do mundo, com 619.058 quartos em 4.304 quartos, especifica que o aumento da sua RevPAR em 5,3%, para 56 euros, foi com subidas da taxa média de ocupação em dois pontos, para 64,5%, e um aumento do preço médio em 2,1%, para 86 euros.

Na Europa, o aumento da RevPAR média em 4,6%, para 50 euros, foi com subida da taxa média de ocupação em 1,5 pontos, para 63,2%, e aumento do preço médio em 2,2%, para 78 euros.

A informação especifica que no segmento luxo e topo de gama na Europa o aumento da RevPAR foi de 4,3%, para 97 euros, no segmento médio de gama foi de 4,9%, para 56 euros, e no segmento económico foi em 4,7%, para 38 euros.

O grupo especifica que essa subidas foram proporcionadas simultaneamente por aumentos do preço médio (+1,8% no segmento luxo e topo de gama, para 156 euros, 1,7% no médio de gama, para 89 euros, e 2,7% no económico, para 60 euros) e da taxa de ocupação (+1,5 pontos no luxo e topo de gama, para 62%, +1,9 pontos no médio de gama, para 62,9%, e +1,2 pontos no económico, para 63,5%).

A região onde a Accor teve a subida mais forte da RevPAR foi a América do Sul, com uma subida em 13,9%, para 32 euros, com o grupo a especifica que o impulso veio principalmente da sua actividade no Brasil, “com uma muito pronunciada aceleração por todo o país, à excepção do Rio, onde o excesso de capacidade decorrente dos Jogos Olímpicos e as tensões sociais continuam a penalizar a procura”.

 

Clique para mais notícias: Accor

Clique para mais notícias: Hotelaria

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Três maiores emissores ‘custaram’ quase 790 mil dormidas à hotelaria espanhola até Abril

23-05-2018 (14h15)

Reino Unido, Alemanha e França, os três maiores emissores para a hotelaria espanhola, foram também os principais causadores da sua quebra de dormidas no primeiro quadrimestre, com menos quase 790 mil dormidas que no período homólogo de 2017, representando um decréscimo médio em 3,1%.

Páscoa mais cedo ‘passa factura pesada’ à hotelaria espanhola em Abril

23-05-2018 (12h27)

A hotelaria espanhola teve em Abril uma queda das dormidas em 8,1%, indica a informação divulgada hoje pelo INE de Espanha, a qual mostra que se tratou de uma quebra que levou inclusivamente a um balanço negativo no quadrimestre.

Air China vai reduzir frequência de voos para Barcelona

18-05-2018 (12h44)

A companhia chinesa Air China, parceira da TAP na Star Alliance, vai reduzir o número de voos na rota Pequim - Barcelona, de quatro para três por semana, em Airbus A330-200, a partir de 28 de Outubro, início do Inverno IATA.

Aeroportos espanhóis somaram mais cinco milhões de passageiros até Abril

15-05-2018 (16h39)

Os aeroportos espanhóis tiveram 71,5 milhões de passageiros nos primeiros quatro meses deste ano, com um aumento de cinco milhões ou 7,6% relativamente ao período homólogo de 2017.

Serhs Tourism será essencial para os canais de venda do Grupo Ávoris em Portugal e Espanha

10-05-2018 (17h10)

O Grupo Ávoris assinou um acordo para incorporar a Serhs Tourism, medida que será essencial para ‘alimentar’ os canais de venda do grupo em Portugal e Espanha, por um lado, e, por outro, aceder ao inventário de operadores turísticos da Europa de Leste, Países Nórdicos e Rússia.

Ultimas Noticias