Aeroportos espanhóis somam mais 2,5 milhões de passageiros no primeiro bimestre

13-03-2018 (14h47)

Foto: AENA
Foto: AENA

Valência, Sevilha e Tenerife Norte têm aumentos acima de 20%

Os aeroportos espanhóis ultrapassaram os 30 milhões de passageiros nos primeiros dois meses do ano, por um aumento médio em 9% que significou mais 2,5 milhões de embarques e desembarques, apesar de se tratar de um período de época baixa.

Dados da AENA, gestora dos aeroportos espanhóis, consultados pelo PressTUR, mostraram que maiores aumentos dos primeiros dois meses ocorreram nos dois maiores aeroportos da rede, Madrid, com mais 620,9 mil (+8,4%, para 8,048 milhões), e Barcelona, com mais 486,7 mil (+8,7%, para 6,092 milhões).

Depois estiveram os aeroportos de Valência e Sevilha, respectivamente 10º e 11º em número de passageiros, o primeiro com mais 203 mil passageiros que há um ano (+27,7%, para 936,5 mil) e o segundo com mais 210,2 mil (+32,4%, para 858,5 mil.

O 5º maior aumento do bimestre foi o do aeroporto de Gran Canária,3º maior aeroporto espanhol, com mais 145,8 mil passageiros (+6,8%, para 2,3 milhões), seguido pelos mais 124,3 mil em Tenerife Norte, 12º maior aeroporto da AENA, que foi um dos que fechou o bimestre a crescer acima de 20%, em 20,4%.

Também com aumentos acima de cem mil passageiros nos primeiros dois meses deste ano estiveram Málaga, 4º maior de Espanha, com mais 116,8 mil (+6,6%, para 1,899 milhões), e Palma de Maiorca, 6º maior, com mais 123,7 mil (+9,1%, para 1,486 milhões).

Entre os maiores aumentos de passageiros do primeiro bimestre figuram seguidamente os mais 58,3 mil (+6,5%, para 952,6 mil) em Fuerteventura, 9º maior do período, os mais 51,8 mil (+18,3%, para 334,8 mil) em Ibiza, 15º maior, os mais 45,6 mil (+3,3%, para 1,417 milhões) em Alicante, 7º maior, e os mais 42,6 mil (+7,3%, para 624,1 mil) em Bilbau, 13º maior.

Os dados da AENA evidenciaram também que o crescimento em 9% nos primeiros dois meses do ano foi potenciado pelos voos domésticos, que tiveram um aumento de passageiros m 15,5% ou 1,42 milhões, para 10,62 milhões, enquanto em voos internacionais o aumento foi em 5,8% ou 1,1 milhões, para 20,11 milhões.

 

Clique para mais notícias: Aeroportos de Espanha

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Espanha

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Meliá vende três hotéis por 73,4 milhões de euros

13-07-2018 (13h28)

A Meliá Hotels International vendeu à Atom Hoteles Socimi três hotéis em Sevilha, Santa Cruz de Tenerife e Fuerteventura, por 73,4 milhões de euros, mas vai manter a gestão das unidades em regime de aluguer.

Trabalhadores de handling dos aeroportos espanhóis fazem greve em Agosto

13-07-2018 (13h05)

Os trabalhadores de assistência em terra dos aeroportos espanhóis da rede Aena convocaram uma greve para o início do mês de Agosto.

Sindicatos espanhóis formalizam pré-aviso de greve na Ryanair a 25 e 26 de Julho

12-07-2018 (19h06)

Os sindicatos espanhóis de tripulantes de cabine da Ryanair, maior companhia de aviação nos aeroportos de Espanha, com 17,65 milhões de passageiros nos primeiros cinco meses deste ano, entregaram hoje o pré-aviso da greve que concretizarão em simultâneo com outros países, entre os quais Portugal, a 25 e 26 de Julho próximos.

Meliá abre este Domingo o Calviá Beach The Plaza em Magaluf

29-06-2018 (18h08)

A Meliá, maior rede hoteleira espanhola, marcou para Domingo, 1 de Julho, abertura do Calviá Beach The Plaza, um novo hotel que surge no local do antigo hotel Jamaica e é apresentado como o primeiro passo da remodelação de Magaluf, Maiorca, com o complexo Sol House Calviá Beach que apresenta como “um três em um”.

Japan Airlines tem novo gerente de Vendas para Espanha e Portugal

28-06-2018 (16h32)

Takahisa Tanaka é o novo gerente de Vendas para Espanha e Portugal da Japan Airlines (JAL), cujo website indica que a sua rede compreende 571 rotas internacionais e 142 domésticas para 349 aeroportos em 54 países ou regiões.