Voos da LATAM entre Lisboa e São Paulo estão “acima das expectativas” – Thibaud Morand

11-10-2018 (01h23)

Os voos da LATAM Airlines entre Lisboa e São Paulo, que começaram a 3 de Setembro, cinco vezes por semana, estão “acima das expectativas”, com um load factor acima de 85%, disse esta quarta-feira Thibaud Morand, director Comercial da LATAM Airlines para Espanha.

“Tal como nestas primeiras semanas de operação, as reservas para o futuro estão a decorrer bem, estamos muito contentes e com muito boas perspectivas para esta rota”, disse Thibaud Morand aos jornalistas, num evento de apresentação da nova rota em Lisboa, em que juntou agências de viagens, operadores turísticos e outros parceiros.

A companhia aérea prevê transportar mais de cem mil passageiros por ano na rota Lisboa - São Paulo, que está a operar em aviões Boeing B767 com capacidade para 191 passageiros em económica e 30 em premium business.

Quase todas as vendas em Portugal para os voos da LATAM entre Lisboa e São Paulo são feitas através de agências de viagens, disse o executivo, como aliás já havia dito ao PressTUR, em finais de Junho, Rodrigo Contreras, director da companhia aérea para a Europa, (clique para ler: LATAM já vende Lisboa – São Paulo e “está a correr muito bem” / Diversidade é o ‘trunfo’ da LATAM para entrar nos voos Lisboa – São Paulo).

Thibaud Morand frisou que, desde o início da operação, foram “muito bem acolhidos pelos agentes de viagens e pela APAVT”, e acrescentou que “é fundamental que tenhamos a melhor relação, para que nos apoiem e para que nós também os possamos apoiar”.

Questionado sobre a possibilidade de iniciar operações no Porto, um desafio deixado no discurso de Francisco Pita, Chief Commercial Officer da ANA, gestora dos aeroportos portugueses, Thibaud Morand respondeu que “de momento ainda não estamos a contemplar o Porto”.

“Para nós já foi um grande trabalho iniciar esta operação para Lisboa e queremos consolidar esta operação antes de começar qualquer outra operação”, acrescentou.

Sobre um eventual reforço em Lisboa, Thibaud Morand disse que a companhia está “sempre a pensar em colocar mais voos para Lisboa, inclusivamente mais operações, mas é preciso ir por fases e, neste momento, ainda estamos a começar”.

 

Continua:

Rota da LATAM entre Lisboa e São Paulo contribui para “mais qualidade de serviço aos nossos clientes” – APAVT

 

Ver também:

LATAM aumenta capacidade em 8% em Setembro e sofre queda acentuada da ocupação dos voos

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: LATAM Airlines

Clique para ver mais: APAVT

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Senado brasileiro aprova medida que retira limite ao investimento estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras

23-05-2019 (09h07)

O Senado brasileiro aprovou na quarta-feira uma medida provisória que autoriza o investimento de até 100% de capital estrangeiro nas companhias aéreas instaladas no país, noticiou a imprensa local.

Voos entre Espanha e o Brasil crescem 11,7% impulsionados pelos voos LATAM de Barcelona

22-05-2019 (16h33)

O movimento de passageiros em voos entre Espanha e o Brasil cresceu 11,7% no primeiro quadrimestre, atingindo um total de 366,6 mil, com o crescimento a ser impulsionado principalmente pelas ligações com o Aeroporto de Barcelona El Prat, cuja principal operadora é a LATAM Brasil (antiga TAM).

Embratur já tem novo presidente, o 3º nomeado por Bolsonaro

21-05-2019 (16h21)

O empresário pernambucano Gilson Machado Neto é a mais recente escolha do presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, para liderar a Embratur, organismo que tem a seu cargo a promoção internacional do Brasil.

Air Europa avança para criação de companhia de aviação no Brasil

21-05-2019 (14h33)

A Air Europa, que é a companhia espanhola com mais rotas para o Brasil, está a avançar com a criação de uma subsidiária no Brasil, de acordo com a imprensa brasileira, que indica que já entregou à Junta Comercial de São Paulo um pedido para operar voos domésticos no Brasil.

TAP volta a ter a queda mais forte de vendas de bilhetes pelas agências corporate brasileiras

16-05-2019 (23h04)

A TAP foi a companhia que teve a mais forte quebra do número de bilhetes vendidos pelas agências de viagens corporate brasileiras membros da ABRACORP no primeiro trimestre, com um decréscimo em 28%, que compara com uma quebra média das vendas de voos internacionais pelas suas 29 associadas de 0,6%.

Noticias mais lidas