Turistas europeus ‘desertaram’ do Brasil em 2017

27-03-2018 (12h01)

Chegadas de Portugal até foram das que menos caíram

As chegadas de turistas europeus ao Brasil caíram 9,6% no ano passado, com quedas de 29 de 31 países com dados publicados pelo Ministério brasileiro do Turismo, um dos quais Portugal, que até foi o segundo emissor que menos caiu.

Os dados, baseados em informação do Departamento de Polícia Federal que tem a informação sobre as chegadas às fronteiras do Brasil, indicam que Portugal manteve-se, assim, o 5º maior emissor europeu para o Brasil e 10º mundial com 144.095 turistas a chegarem ao país no ano passado.

Esse é o total de turistas portugueses no Brasil mais baixo desde pelo menos 2003, primeiro ano com dados publicados na informação divulgada pelo Ministério do Turismo, e representa uma queda em 59,7% ou 213,5 mil relativamente a 2005, ano do auge do turismo português para o Brasil, em que o total de portugueses a chegarem ao país elevou-se a 357.640.

Portugal foi nesse ano, como já tinha sido em 2004 e se manteve até 2007 o 3º maior emissor mundial de turistas para o Brasil, caindo depois sucessivamente para 6º, em 2008, 7º no ano seguinte, 9º em 2010, 10º em 2011 e 2011, 11º em 2013, tendo regressado a 10º em 2014, posição em que se tem mantido nos últimos anos.

A queda das chegadas de turistas portugueses ao Brasil no ano passado está de facto em linha com a tendência dominante na Europa, cujo total de turistas no Brasil regista quedas sucessivas desde pelo menos 2014, ano em foram 1,847 milhões, representando 28,7% do total de turistas estrangeiros no país.

Em 2015, os dados mostram uma queda das chegadas de turistas europeus ao Brasil em 11,7% ou 216,3 mil, seguindo-se em 2016 uma queda mais moderada, em 1,5% ou 25 mil, e de novo um agravamento da tendência em 2017.

No ano passado, em o Brasil foi muito penalizado por problemas de violência e imagem de crise económica e política, as chegadas de turistas europeus ao país caíram 9,6% ou 154,9 mil, para 1,45 milhões, representando 22% do total de turistas estrangeiros, menos 6,7 pontos que em 2014.

Considerando a totalidade dos mercados emissores, porém, o Brasil até teve no ano passado um aumento das chegadas de turistas estrangeiros em 0,6%, que se ficou a dever ao aumento em 11,1% dos vizinhos da América do Sul.

 

Clique para mais notícias: Brasil

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: Europa

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Brasil autoriza estrangeiros a ter 100% do capital das companhias aéreas do país

14-12-2018 (16h59)

O Presidente do Brasil, Michel Temer, assinou uma medida provisória que abre espaço para que estrangeiros assumam 100% do controlo do capital das companhias aéreas do país.

Manutenção e engenharia da TAP no Brasil prevê lucro de 3 milhões de euros em 2019 – Antonoaldo Neves

14-12-2018 (12h35)

O negócio da manutenção e engenharia da TAP no Brasil, a ex-VEM (Varig Engenharia e Manutenção), atingiu o equilíbrio operacional em 2018 e deverá alcançar em 2019 um lucro operacional de três milhões de euros, disse Antonoaldo Neves, CEO da TAP.

TAP vai disponibilizar serviço gratuito de mensagens escritas em voos transatlânticos

13-12-2018 (18h25)

Os passageiros de voos transatlânticos da TAP vão ter à disposição gratuitamente um serviço de mensagens escritas ilimitadas, via wifi, anunciou hoje a empresa, salientando que é a primeira da Europa a proporcionar essa facilidade.

Avianca Brasil recorre à protecção de credores para resistir aos donos dos seus aviões

12-12-2018 (14h57)

A Avianca Brasil, uma das companhias de aviação do grupo Synergy dos irmãos Efromovich, recorreu à figura da protecção de credores, devido, segundo afirmou, “à resistência de arrendadores de suas aeronaves a um acordo amigável”.

Tribunal brasileiro reabre caminho para acordo entre Boeing e Embraer

11-12-2018 (11h38)

Um tribunal federal brasileiro voltou a abrir caminho para a concretização do acordo entre as empresas norte-americana Boeing e brasileira Embraer, ao revogar uma suspensão provisória do acordo feita na semana passada.

Ultimas Noticias