Brasil quer chegar aos 12 milhões de turistas até 2022 – nova presidente da Embratur, Teté Bezerra

14-05-2018 (17h12)

Foto: Embratur
Foto: Embratur

A nova presidente da Embratur, Teté Bezerra, estabeleceu novas metas para o turismo no Brasil até 2022, que incluem a criação de dois milhões de postos de trabalho e passar de 6,6 milhões de turistas internacionais para 12 milhões.

Teté Bezerra, que tomou posse como presidente do instituto na semana passada, em substituição de Vinícius Lummertz, que assumiu o cargo de ministro do Turismo, prevê até 2022 aumentar o impacto do turismo na economia de seis mil milhões de dólares para 19 mil milhões de dólares.

A nova presidente da Embratur, segundo uma informação divulgada pela Embratur, também afirmou na cerimónia de tomada de posse que está pronta para o desafio de intensificar a promoção do turismo brasileiro no exterior e atrair mais turistas internacionais para o Brasil.

Teté Bezerra sublinhou que dará continuidade a acções que trouxeram resultados positivos, como a emissão de vistos eletrónicos para mercados estratégicos e utilizar sua experiência de três mandatos na Câmara dos Deputados para aprovação de projectos importantes, como o da mudança no modelo de gestão da Embratur com a transformação de autarquia para uma agência de promoção do turismo.

“Queremos uma agência forte, que seja capaz de competir com os grandes receptores internacionais de turistas. Investimos atualmente 17 milhões de dólares em promoção internacional, enquanto nossos concorrentes investem entre 50 e 100 milhões de dólares. Queremos uma agência robusta, que seja capaz de realizar parcerias e promover o Brasil no exterior, através de acções de promoção, publicidade, eventos e feiras”, frisou.

Antes de assumir a presidência da Embratur, Teté Bezerra passou pela Secretaria Nacional de Qualificação e Promoção do Turismo do Ministério do Turismo, foi directora do Departamento de Produtos e Destinos da então Secretaria Nacional de Políticas de Turismo do MTur e, na esfera estadual, foi secretária de Turismo do Mato Grosso, entre 2011 e 2013.

 

Clique para ver mais: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

TAP contrata voos à Hi Fly para Maputo, Natal e Recife

22-05-2018 (11h33)

A TAP contratou à Hi Fly, companhia de aviação da família Mirpuri, vários voos para três das suas rotas intercontinentais, para a capital moçambicana, Maputo, e para as capitais nordestinas brasileiras de Natal e Recife, que vai ter um Airbus A340 a operá-los.

Alitalia programa mais voos em B777 de Roma para São Paulo e Rio de Janeiro

18-05-2018 (12h21)

A companhia de aviação italiana Alitalia indicou aos sistemas de reservas que no próximo Inverno IATA, que começa em finais de Outubro, irá colocar mais capacidade nas suas ligações entre Roma e os dois maiores aeroportos internacionais brasileiros, São Paulo Guarulhos e Rio de Janeiro Galeão.

Grupo CVC alcança 2,6 milhões de passageiros no primeiro trimestre

11-05-2018 (17h08)

O grupo brasileiro CVC, que além do maior operador turístico da América Latina passou a integrar também a RexturAdvance, a Submarino Viagens e a Trend, somou 2,6 milhões de passageiros no primeiro trimestre, com um aumento em 9% descontando o impacto da ampliação do perímetro de consolidação.

Azul aumenta rentabilidade operacional em 17,5% no primeiro trimestre

11-05-2018 (16h27)

A operação da companhia de aviação brasileira Azul, accionista da TAP, foi 17,5% mais rentável no primeiro trimestre deste ano que no período homólogo de 2017, segundo indica no balanço publicado hoje.

Azul contabiliza ganho de 53,8 milhões de reais com a TAP

11-05-2018 (13h35)

A companhia de aviação brasileira Azul, que tem o mesmo accionista de referência que a TAP, contabilizou um ganho de 53,8 milhões de reais com as obrigações convertíveis da companhia portuguesa que detém.

Ultimas Noticias