Brasil quer chegar aos 12 milhões de turistas até 2022 – nova presidente da Embratur, Teté Bezerra

14-05-2018 (17h12)

Foto: Embratur
Foto: Embratur

A nova presidente da Embratur, Teté Bezerra, estabeleceu novas metas para o turismo no Brasil até 2022, que incluem a criação de dois milhões de postos de trabalho e passar de 6,6 milhões de turistas internacionais para 12 milhões.

Teté Bezerra, que tomou posse como presidente do instituto na semana passada, em substituição de Vinícius Lummertz, que assumiu o cargo de ministro do Turismo, prevê até 2022 aumentar o impacto do turismo na economia de seis mil milhões de dólares para 19 mil milhões de dólares.

A nova presidente da Embratur, segundo uma informação divulgada pela Embratur, também afirmou na cerimónia de tomada de posse que está pronta para o desafio de intensificar a promoção do turismo brasileiro no exterior e atrair mais turistas internacionais para o Brasil.

Teté Bezerra sublinhou que dará continuidade a acções que trouxeram resultados positivos, como a emissão de vistos eletrónicos para mercados estratégicos e utilizar sua experiência de três mandatos na Câmara dos Deputados para aprovação de projectos importantes, como o da mudança no modelo de gestão da Embratur com a transformação de autarquia para uma agência de promoção do turismo.

“Queremos uma agência forte, que seja capaz de competir com os grandes receptores internacionais de turistas. Investimos atualmente 17 milhões de dólares em promoção internacional, enquanto nossos concorrentes investem entre 50 e 100 milhões de dólares. Queremos uma agência robusta, que seja capaz de realizar parcerias e promover o Brasil no exterior, através de acções de promoção, publicidade, eventos e feiras”, frisou.

Antes de assumir a presidência da Embratur, Teté Bezerra passou pela Secretaria Nacional de Qualificação e Promoção do Turismo do Ministério do Turismo, foi directora do Departamento de Produtos e Destinos da então Secretaria Nacional de Políticas de Turismo do MTur e, na esfera estadual, foi secretária de Turismo do Mato Grosso, entre 2011 e 2013.

 

Clique para ver mais: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Azul inaugura voos diários Campinas – Buenos Aires

11-01-2019 (13h34)

A companhia de aviação brasileira Azul, que tem voos entre Lisboa e Campinas, e que a partir de Junho também terá ligações ao Porto, inaugurou hoje uma nova rota diária para Buenos Aires, capital da Argentina.

Governo brasileiro diz que não vai vetar acordo entre a Boeing e Embraer

11-01-2019 (13h14)

O Governo brasileiro disse que não exercerá o poder de veto no acordo entre a empresa aeronáutica norte-americana Boeing e a brasileira Embraer, para a criação de uma nova empresa de aviação comercial que absorve a brasileira.

TAP já tem programação de voos no novo A330-900neo em mais rotas da América do Norte e Brasil

10-01-2019 (13h37)

A TAP, que foi a companhia a fazer os primeiros voos comerciais do novo avião da Airbus A330-900neo, a 15 de Dezembro entre Lisboa e São Paulo, já tem nos sistemas de reservas a programação da utilização do novo avião no Verão IATA nas rotas de Boston, Miami, Nova Iorque JFK, Newark, nos EUA, Toronto, no Canadá, bem como em voos para o Brasil.

Charters de réveillon fazem crescer mercado português nos hotéis Vila Galé no Brasil

10-01-2019 (12h09)

A Vila Galé teve um ano “bastante positivo” no Brasil e com um contributo do mercado português, que cresceu impulsionado pelos voos charter programados pelos operadores turísticos portugueses para o Fim de Ano, segundo o administrador do grupo, Gonçalo Rebelo de Almeida.

Receitas da Vila Galé no Brasil subiram 20% em 2018

10-01-2019 (12h03)

A Vila Galé no Brasil fechou o ano com receitas de 318 milhões de reais (74,8 milhões de euros ao câmbio de hoje), mais 53 milhões (12,5 milhões de euros) ou mais 20% que no ano anterior, avançou Gonçalo Rebelo de Almeida, administrador do grupo.